Exercícios com Gabarito sobre Estrutura Fundiária e Reforma Agrária

01. Estrutura Fundiária e Reforma Agrária: (Unimontes-MG–2008) Sobre o espaço rural brasileiro, é INCORRETO afirmar que:

A) o atraso e a violência herdados do latifúndio e da escravidão colonial ainda permanecem em vários espaços rurais do país.

B) as famílias rurais estão se tornando cada vez menos agrícolas e mais dependentes das transferências sociais, como aposentadorias e pensões.

C) o setor de serviços, em que se inclui o turismo rural, é uma das atividades que vêm ganhando espaço no campo e gerando novos empregos.

D) o número de sem-terras vem diminuindo com o surgimento de novas oportunidades de trabalho no campo, como o agribusiness.

 

 

02. (FUVEST-SP–2007) Observe o mapa:

As áreas assinaladas representam conjuntos de municípios brasileiros que são os maiores:

A) criadores de gado bovino, pois correspondem às áreas precárias em infraestrutura viária, em geral associadas ao sistema de pecuária extensiva.

B) criadores de gado bovino, pois apresentam terrenos com altas declividades, habitualmente rentáveis no sistema de pecuária extensiva.

C) produtores de soja, pois correspondem a áreas de chapadões e colinas, em geral procuradas por atividades que exigem mecanização.

D) produtores de soja, pois essa cultura exige solos de alta fertilidade, devido ao fato de ser sazonal.

E) produtores de arroz, fato evidenciado pela grande presença de planícies de inundação nessas áreas.

 

 

03. Estrutura Fundiária e Reforma Agrária: (UFSC–2008) Observe o gráfico a seguir:

Brasil: cultivo de soja, cana-de-açúcar, feijão e arroz

IBGE. Disponível em: <http://www.ibge.gov.br>.

Acesso em: 27 mar. 2005. Apud: GARCIA, H. C.; GARAVELLO, T. M. (Org.). Geografia: de olho no mundo do trabalho. São Paulo: Scipione, 2005. p. 208. Volume único (Adaptação).

A partir da interpretação do gráfco anterior e com base nos seus conhecimentos, assinale a(s) proposição(ões) CORRETA(S) sobre o tema agricultura.

01. A fertilidade do solo e a sua disponibilidade não interferem na produção agrícola.

02. A biotecnologia aplicada às atividades agrícolas tem como único objetivo a erradicação da fome, principalmente nos países do Eixo Sul.

04. A produção de soja e de cana-de-açúcar é muito mais elevada que a dos produtos voltados para a subsistência.

08. Sobretudo nas regiões mais ricas do planeta, a agricultura insere-se na cadeia produtiva dos agronegócios, cujas culturas registram elevados investimentos em capital e alta tecnologia.

16. No Brasil, na década de 1970, como forma de aliviar a pressão sobre a “conta petróleo”, intensifica-se a cultura da cana-de-açúcar para produção de álcool como alternativa para substituir a gasolina nos motores dos veículos.

32. Com a introdução dos cultivos da cana-de-açúcar e da soja, as propriedades monocultoras deixaram de existir em toda a extensão das terras agricultáveis do território brasileiro.

Soma ( )

 

 

04. (UNESP–2007) Observe a tabela, que representa as formas de relação de trabalho no meio rural brasileiro.

Brasil: Mão de obra rural em 2004

Condição do
Trabalhador
Total de
Trabalhadores
Porcentagem
Total
Posseiro 654 615 4,2
Parceiro 366 395 2,3
Pequeno proprietário 2 437 001 15,6
Arrendário 101 409 0,8
Assalariado permanente 975 150 6,3
Assalariado temporário 6 844 849 44,0
Não remunerado 4 190 152 26,8

Fonte: INCRA, 2005.

Assinale a alternativa que exprime a principal causa da relação de trabalho predominante.

A) A expansão da pecuária extensiva é a grande responsável pelo predomínio de pequenos proprietários, parceiros e assalariados permanentes.

B) As heranças coloniais brasileiras explicam o predomínio de pequenos proprietários e trabalhadores não remunerados.

C) A sazonalidade das safras agrícolas é a grande responsável pelo predomínio de assalariados temporários.

D) O avanço do agronegócio contribui para o predomínio dos trabalhadores não remunerados.

E) Os conflitos pela posse da terra são responsáveis pelo predomínio de assalariados temporários.

 

 

05. Estrutura Fundiária e Reforma Agrária: (UFCG-PB–2007) O espaço agrário brasileiro vem experimentando intensamente, nos últimos anos, um grande e diverso processo de modernização tecnológica, segundo as novas ordens da economia global. Partindo desta constatação, é CORRETO dizer que:

A) os interesses dos grandes produtores de soja representam ainda o único empecilho no processo de modernização tecnológica do campo brasileiro.

B) a modernização agrícola no Brasil vem gerando expansão das empresas rurais, exclusão social e problemas ambientais.

C) o novo modelo monocultor do campo brasileiro (soja) se mantém inteiramente distante dos impulsos da modernização tecnológica.

D) as grandes extensões da agricultura de exportação brasileira ainda se limitam a um espaço formado predominantemente por pequenos produtores rurais.

E) a modernização tecnológica do amplo setor agropecuário brasileiro representa, sobretudo, desenvolvimento social para as populações rurais pobres.

 

Exercícios sobre Transgênicos e Agronegócio.

 

06. Estrutura Fundiária e Reforma Agrária: (FUVEST-SP)

Estruturas fundiárias brasileiras Estabelecimentos rurais (em %)

enem sobre Estrutura Fundiária e Reforma Agrária

Fonte: INCRA, 2003.

Os gráficos revelam:

A) pequena quantidade de propriedades, com até 100 ha, ocupando a maior parcela da área, o que signifca uma distribuição desigual da terra.

B) grande quantidade de propriedades, com mais de 1 000 ha, correspondendo à maior parcela da área ocupada, o que significa uma distribuição equitativa da terra.

C) grande quantidade de propriedades, com até 100 ha, correspondendo às menores parcelas da área ocupada, o que significa uma distribuição desigual da terra.

D) pequena quantidade de propriedades, de 100 a 1 000 ha, ocupando a maior parcela da área, o que significa uma distribuição equitativa da terra.

E) pequena quantidade de propriedades, com mais de 1 000 ha, correspondendo à menor parcela da área ocupada, o que significa uma distribuição desigual da terra.

 

 

07. (FAMECA-SP–2011) Assinale a alternativa CORRETA sobre as características do campo brasileiro.

A) As pequenas propriedades predominam no campo brasileiro, como resultado da reforma agrária.

B) Há maior eficiência no uso da terra nas pequenas e médias propriedades, ou seja, produzem mais utilizando uma área menor.

C) Só existem grandes propriedades na Amazônia, pois nesta região os solos são pouco férteis.

D) As grandes propriedades são as mais eficientes no uso da terra, pois são as que mais utilizam mão de obra.

 

 

08. Estrutura Fundiária e Reforma Agrária: (UFPel-RS–2007) O agronegócio, também conhecido por seu nome em inglês agribusiness, cujas cadeias produtivas se baseiam na agricultura e na pecuária, apresenta um grande dinamismo econômico e pode fazer do Brasil um dos maiores produtores agropecuários do mundo. Com relação ao agronegócio no Brasil, assinale V (VERDADEIRO) ou F (FALSO) para as seguintes afirmativas:

( ) O café, a soja, o álcool e o açúcar, juntamente com a pecuária, podem ser considerados as estrelas do agronegócio brasileiro. Esses produtos garantem um volume elevado na pauta de exportações no país.

( ) A expansão monocultora de árvores como o eucalipto, o pinus e a acácia também tem contribuído para a fortifcação do agronegócio brasileiro, uma vez que está comprovado que essa expansão não causará consequências socioambientais.

( ) A agropecuária brasileira “deu uma tremenda volta por cima” em 2006, uma vez que o setor começou o ano em uma situação ruim e com péssimas perspectivas, entre elas, os preços baixos no mercado internacional, o real com cotação alta, a seca rigorosa na região Sul e a febre aftosa do gado.

( ) O agronegócio é o conjunto da cadeia produtiva ligado à agropecuária, incluindo todas as atividades de indústria e serviços de antes, durante e depois da produção. Essa cadeia movimenta a economia ao empregar trabalhadores, gerar renda e pagar impostos.

( ) A expansão do agronegócio no Brasil não provocou mudanças no campo, mas gerou riquezas e contribuiu para a desconcentração de rendas e terras. Essa expansão diminuiu, recentemente, o êxodo rural.

A sequência CORRETA é apresentada na alternativa:

A) V F V V F

B) V V F F V

C) F V V F V

D) F F V F F

E) V V V F F

 

 

09. (FMJ-SP–2011) Analise a tabela:

Imóveis rurais no Brasil (%)

Regiões Área produtiva Área
improdutiva
Norte 21,2% 78,8%
Nordeste 30,5% 69,5%
Centro-Oeste 37,3% 62,7%
Sudeste 49,6% 50,4%
Sul 57,5% 42,5%

Fonte: IBGE, 2000.

 

Com base nos dados da tabela e conhecimentos sobre a estrutura e produção agrária no Brasil, pode-se afirmar que:

A) as áreas apresentam grande produtividade em todo o país.

B) a maioria dos imóveis rurais são considerados muito produtivos.

C) os imóveis mais produtivos encontram-se nas regiões Norte e Nordeste.

D) não existe grande investimento agropecuário nas regiões industrializadas.

E) a maior concentração de imóveis rurais produtivos ocorre nas regiões Sul e Sudeste.

 

 

10. Estrutura Fundiária e Reforma Agrária: (UNESP–2007) Observe o gráfico:

Evolução da produção brasileira de cana-de-açúcar e mandioca

Produção do ano de 1990 = 100

Fonte: IBGE, 2003.

Utilizando seus conhecimentos geográficos, é POSSÍVEL inferir que, no Brasil:

A) não há políticas agrícolas que incentivem a produção para o mercado externo.

B) as políticas agrícolas adotadas incentivam a produção voltada tanto para o processo industrial quanto para o mercado externo, em detrimento dos cultivos alimentares básicos.

C) os produtos destinados à alimentação básica da população são baratos e não precisam de incentivos.

D) as políticas agrícolas adotadas incentivam igualmente a produção de cultivos alimentares básicos e daqueles voltados para o mercado externo.

E) as políticas adotadas incentivam a produção de cultivos alimentares básicos, em detrimento dos cultivos voltados para o mercado externo.

 

 

 

Gabarito com as respostas das questões de Geografia sobre Estrutura Fundiária e Reforma Agrária:

01. D; 02. C; 03. Resultado = 36;

4. C; 05. B; 06. C; 07. B; 08. A; 09. E; 10. B