Exercícios sobre Licitações para Concursos

01. Licitações: (ESAF / DNIT – 2013) Acerca da interpretação correta do disposto no art. 7º, § 2º, inc. III da Lei n. 8.666/93, conforme posicionamento da doutrina administrativista e da jurisprudência do Superior Tribunal de Justiça, assinale a opção falsa.

a) É exigível da Administração que pretende contratar que os recursos orçamentários estejam prontamente disponíveis no Erário para que se considere válido o processo de licitação.

b) A Lei n. 8.666/93 não exige a disponibilidade financeira, mas, tão somente, que haja previsão destes recursos na lei orçamentária.

c) A Administração não precisa dispor, à época da licitação, do montante necessário para arcar com o contrato, ela precisa apenas indicar que há previsão no orçamento para realizar pagamentos futuros.

d) A exigência do art. 7º, § 2º, inc.III da Lei n. 8.666/93 pode ser considerada cumprida quando existe lei que autorize a administração a tomar empréstimo, seguida de decreto que cria o respectivo crédito.

e) Previsão e autorização são conceitos diversos de efetiva disponibilidade.

 

 

02. (ESAF / DNIT – 2013) Analise as opções a seguir e assinale a incorreta.

a) Compra é toda aquisição remunerada de bens para fornecimento de uma só vez ou parceladamente.

b) Qualquer compra no serviço público, mesmo sem licitação, tem de ser feita mediante a emissão de um edital.

c) As compras sempre que possível deverão ser processadas através de sistema de registro de preços.

d) Nas compras deverão ser observadas as especificações completas do bem a ser adquirido, podendo eventualmente ser indicada marca de preferência do órgão.

e) As compras no serviço público podem ser realizadas sem licitação se o valor não ultrapassar o limite de R$ 8.000,00.

 

 

03. Licitações: (ESAF / CGU – 2012) Determinada municipalidade realizou procedimento licitatório para contratação de empresa a ser responsável pela construção de 2 km de rede coletora de esgoto. Findo o certame, sua homologação foi realizada pelo prefeito do município contratante.

Adjudicou-se o objeto licitado à empresa de propriedade do sobrinho do referido prefeito.

A referida licitação foi realizada sob a modalidade de convite, tendo sido a empresa vencedora a única a comparecer ao certame. A despeito da exigência editalícia de apresentação de CND, relativamente à regularidade fiscal da licitante, foram apresentadas declarações de auditores fiscais que atestavam a inexistência de débitos.

Acerca do caso concreto acima narrado, assinale a opção correta.

a) O procedimento licitatório foi regular, não havendo qualquer vício em sua homologação ou adjudicação.

b) Não há, na Lei n. 8.666/93, qualquer dispositivo que proíba a participação de parentes nas licitações em que o servidor público atue na condição de responsável pela homologação do certame, portanto, foi regular a homologação realizada pelo prefeito da municipalidade.

c) Declarações de auditores fiscais podem atestar a regularidade fiscal do licitante, não sendo exigível a certidão negativa de débitos para este fim.

d) O fato de a empresa vencedora ter sido a única licitante a apresentar proposta válida não ensejaria, por si só, a repetição do convite, ainda que não tenham sido apostas justificativas formais para a ausência de outros licitantes concorrentes.

e) Houve conflito de interesses na condução do certame, configurando-se violação da norma contida nos §§ 3º e 4º do Art. 9º da Lei n. 8.666/93.

 

 

04. (ESAF / ATRFB – 2012) Não configura princípio norteador do procedimento licitatório:

a) vinculação ao instrumento convocatório.

b) julgamento objetivo.

c) probidade administrativa.

d) igualdade de condições a todos os concorrentes.

e) dispensa e inexigibilidade.

 

 

05. Licitações: (ESAF / AFRFB – 2012) Determinado Município da Federação brasileira, quando da elaboração da sua lei orgânica, fez constar a seguinte norma:

“O Prefeito, o Vice-prefeito, os Vereadores, os ocupantes de cargos em comissão ou função de confiança, as pessoas ligadas a qualquer deles por matrimônio ou parentesco, afim ou consanguíneo, até o segundo grau, ou por adoção e os servidores e empregados públicos municipais não poderão contratar com o Município, subsistindo a proibição por mais seis meses após findas as respectivas funções.”

Analise a norma constante da Lei Orgânica, da referida municipalidade e, à luz da jurisprudência do STF, avalie as questões a seguir, marcando verdadeiro (V) ou falso (F) para cada uma delas.

 

Ao final, assinale a opção que contenha a sequência correta.

( ) A lei orgânica do município é inconstitucional porque impõe restrições que não foram impostas pelo constituinte no inciso XXI, do art. 37, nem pela norma geral de que trata o inciso XVII, do art. 22 da CF.

( ) A municipalidade tratou, em sua lei orgânica, de preservar um princípio guia de toda a atividade estatal: o princípio da moralidade administrativa.

( ) A norma constante da lei orgânica em comento homenageia o princípio da impessoalidade.

( ) A norma inserta na lei orgânica do referido município fere a efetiva, real e isonômica competição.

a) F, F, F, F

b) F, V, V, V

c) F, V, V, F

d) V, V, V, F

e) F, V, F, F

 

Exercícios sobre Atos Administrativos para Concursos.

 

06. Licitações: (ESAF / CGU – 2012) São modalidades de licitação:

a) pregão, tomada de preços, convite, técnica e preço, leilão.

b) pregão presencial, pregão eletrônico, tomada de preços, convite.

c) leilão reverso, pregão, convite, técnica e preço, concurso.

d) concorrência, pregão, convite, técnica e preço, leilão reverso.

e) concorrência, tomada de preços, convite, concurso, leilão.

 

 

07. (ESAF / DNIT – 2013) Um edital de licitação deve ter obrigatoriamente determinados elementos. Assinale a opção que cita corretamente três desses elementos.

a) Objeto da licitação, condições para participação na licitação e forma de apresentação das propostas.

b) Condições diferenciadas de pagamento entre empresas brasileiras e estrangeiras, forma de apresentação das propostas e preâmbulo.

c) Sanções para o caso de inadimplemento, nome do órgão interessado e critério de fixação de preços mínimos.

d) Critérios de julgamento, critérios de ajuste e o cadastro da comissão de licitação, incluindo nome e e-mail.

e) Forma de apresentação das propostas, critérios de julgamento e critério de fixação de preços mínimos.

 

 

08. Licitações: (ESAF / DNIT – 2013) Assinale a exigência que, segundo a Lei n. 8.666/93, é apresentada para a alienação de bens públicos imóveis das pessoas jurídicas de direito público que não está presente na alienação de bens imóveis pertencentes às empresas públicas. Os bens imóveis aqui tratados não foram adquiridos por dação em pagamento.

a) Interesse público justificado.

b) Licitação na modalidade de concorrência.

c) Avaliação prévia.

d) Autorização legislativa.

e) Licitação na modalidade de leilão.

 

 

09. (ESAF / PGFN – 2012) A legislação atinente ao Regime Diferenciado de Contratações Públicas prevê a possibilidade de que os editais de licitação para aquisição de bens estabeleçam diversas exigências, entre as quais não se inclui a de que:

a) o produto seja de determinada marca, pela necessidade de padronização do objeto.

b) seja fornecida certificação da qualidade do processo de fabricação de determinado produto.

c) seja apresentada, em caso de licitante distribuidor, carta de solidariedade emitida pelo fabricante.

d) seja apresentada amostra do bem, ainda na fase de julgamento das propostas.

e) sejam oferecidos apenas produtos com registro válido no Sistema de Registro de Preços − SRP.

 

 

10. Licitações: (ESAF / DNIT – 2013) São critérios de julgamento passíveis de serem utilizados no âmbito do Regime Diferenciado de Contratações Públicas – RDC, exceto:

a) Menor preço ou maior desconto.

b) Menor retorno econômico.

c) Melhor técnica ou conteúdo artístico.

d) Maior oferta.

e) Técnica e preço.

 

🔵 >>> Acompanhe a nossa lista completa de simulados voltados há concursos públicos.

 

Gabarito com as respostas do simulado de Administração sobre Licitações:

01. A; 02. B; 03. E; 04. E; 05. C; 06. E; 07. A; 08. D; 09. E; 10. B