Exercícios sobre Movimento Circular Força Resultante Centrípeta

01. Força Resultante Centrípeta: (UFMG) Daniel está brincando com um carrinho, que corre por uma pista composta de dois trechos retilíneos – P e R – e dois trechos em forma de semicírculos – Q e S –, como representado nesta figura:

O carrinho passa pelos trechos P e Q, mantendo o módulo de sua velocidade constante. Em seguida, ele passa pelos trechos R e S, aumentando sua velocidade. Com base nessas informações, é CORRETO afirmar que a resultante das forças sobre o carrinho:
A) é nula no trecho Q e não é nula no trecho R.
B) é nula no trecho P e não é nula no trecho Q.
C) é nula nos trechos P e Q.
D) não é nula em nenhum dos trechos marcados.

 


02. (UFMG) Quando um carro se desloca numa estrada horizontal, seu peso  é anulado pela reação normal  exercida pela estrada. Quando esse carro passa no alto de uma lombada, sem perder o contato com a pista, como mostra a figura, seu peso será representado por , e a reação normal da pista sobre ele, por .

Com relação aos módulos dessas forças, pode-se afirmar que:
A) P’ < P e N’ = N.
B) P’ < P e N’ > N.
C) P’ = P e N’ < N.

D) P’ = P e N’ > N.

E) P’ > P e N’ < N.

 


03. Força Resultante Centrípeta: (Cesgranrio) Em uma das missões científicas do Programa Apolo, os astronautas determinaram o período de oscilação de um pêndulo simples na superfície da Lua. As figuras das alternativas a seguir reproduzem a oscilação desse pêndulo desde um dos pontos mais altos de sua trajetória (M) até um outro ponto (N). Em qual das alternativas a seguir está CORRETAMENTE representada a resultante R de todas as forças que atuam sobre a massa do pêndulo simples quando esta passa pelo ponto N?

 

 

04. Força Resultante Centrípeta: (PUC-SP–2010) Um automóvel de massa 800 kg, dirigido por um motorista de massa igual a 60 kg, passa pela parte mais baixa de uma depressão de raio = 20 m com velocidade escalar de 72 km/h. Nesse momento, a intensidade da força de reação que a pista aplica no veículo é :

Adote g = 10 m/s2.
A) 231 512 N.
B) 215 360 N.

C) 1 800 N. 

D) 25 800 N.

E) 24 000 N.

 

 

05. Exercícios sobre Força Resultante Centrípeta: (FGV-SP) Um automóvel de 1 720 kg entra em uma curva de raio r = 200 m, a 108 km/h. Sabendo que o coefciente de atrito entre os pneus do automóvel e a rodovia é igual a 0,3, considere as afirmações:
I. O automóvel está a uma velocidade segura para fazer a curva.
II. O automóvel irá derrapar radialmente para fora da curva.
III. A força centrípeta do automóvel excede a força de atrito.
IV. A força de atrito é o produto da força normal do automóvel e o coefciente de atrito.
Baseado nas afirmações anteriores, responda:
A) Apenas I está correta.
B) As afirmativas I e IV estão corretas.
C) Apenas II e III estão corretas.
D) Estão corretas I, III e IV.
E) Estão corretas II, III e IV.

 

Exercícios sobre Campo Magnético com Gabarito.

 

06. Força Resultante Centrípeta: (UFMG) Observe a figura.

Essa figura representa três bolas, I, II e III, que estão presas entre si por cordas de 1,0 m de comprimento cada uma. As bolas giram com movimento circular uniforme, sobre um plano horizontal sem atrito, mantendo as cordas esticadas. A massa de cada bola é igual a 0,5 kg, e a velocidade da bola III é de 9,0 m/s.
A relação entre as tensões nas cordas 1, 2 e 3, representadas por F
1, F2 e F3, respectivamente, é:
A) F
3 > F2 > F1.
B) F
3 = F2 = F1.
C) F
3 < F2 < F1.
D) F
3 = F2 e F3 > F1.
E) F
2 = F1 e F2 > F3.

 


07. Força Resultante Centrípeta: (Cesgranrio) Uma esfera de aço (figura a seguir) suspensa por um fo descreve uma trajetória circular de centro O em um plano horizontal no laboratório.

As forças exercidas sobre a esfera (desprezando-se a resistência do ar) são:

 

 

08. (Mackenzie-SP) O eixo de um trecho de rodovia está contido num plano vertical e apresenta-se em perfil, conforme indica a figura. O raio de curvatura dos pontos A e B são iguais, e o trecho que contém o ponto C é horizontal. Um automóvel percorre a rodovia com velocidade escalar constante. Sendo N A, NB e NC a reação normal da rodovia sobre o carro nos pontos A, B e C, respectivamente, podemos dizer que:

A) NB > NA > NC.
B) N
B > NC > NA.
C) N
C > NB > NA.
D) N
A > NB > NC.
E) N
A = NC = NB.

 


09. (PUC-SP) Que graça pode haver em fcar dando voltas na Terra uma, duas, três, quatro… 3 000 vezes? Foi isso que a americana Shannon Lucid, de 53 anos, fez nos últimos seis meses a bordo da estação orbital russa Mir […]
VEJA, 2 out. 1996.


Em órbita circular, aproximadamente 400 km acima da superfície, a Mir move-se com velocidade escalar constante de aproximadamente 28 080 km/h, equivalente a 7,8 x 103 m/s. Utilizando-se o raio da Terra como 6 x 103 km, qual é, aproximadamente, o valor da aceleração da gravidade nessa órbita?
A) Zero
B) 1,0 m/s
2
C) 7,2 m/s2
D) 9,5 m/s2
E) 11,0 m/s2

 

 

10. Força Resultante Centrípeta: (Enem–2009) O Brasil pode se transformar no primeiro país das Américas a entrar no seleto grupo das nações que dispõem de trens-bala. O Ministério dos Transportes prevê o lançamento do edital de licitação internacional para a construção da ferrovia de alta velocidade Rio-São Paulo. A viagem ligará os 403 quilômetros entre a Central do Brasil, no Rio, e a Estação da Luz, no centro da capital paulista, em uma hora e 25 minutos.
Disponível em: <http://oglobo.globo.com>. Acesso em: 14 jul. 2009.


Devido à alta velocidade, um dos problemas a ser enfrentado na escolha do trajeto que será percorrido pelo trem é o dimensionamento das curvas. Considerando-se que uma aceleração lateral confortável para os passageiros e segura para o trem seja de 0,1 g, em que g é a aceleração da gravidade (considerada igual a 10 m/s2), e que a velocidade do trem se mantenha constante em todo o percurso, seria correto prever que as curvas existentes no trajeto deveriam ter raio de curvatura mínimo de, aproximadamente:
A) 80 m.
B) 430 m.
C) 800 m.

D) 1 600 m.

E) 6 400 m.

 

🔵 >>> Verifique todos os nossos exercícios e atividades de Física.

 

Gabarito com as respostas das atividades de Física sobre Força Resultante Centrípeta:

01. B;

02. C;

03. B;

04. D;

05. E;

06. C;

07. E;

08. B;

09. D;

10. E

Gostou desta lista de Exercícios? Não esqueça de compartilhar com seus amigos:

Deixe um comentário