Exercícios sobre Relações Ecológicas com Gabarito – 03

1. Relações Ecológicas: (PUC Minas) sob determinadas condições ambientais, certas algas proliferam muito e produzem substâncias tóxicas avermelhadas que provocam mortandade nos animais aquáticos. Isso pode ser citado como exemplo de:

A) amensalismo.

B) comensalismo.

C) parasitismo.

D) predatismo.

E) protocooperação.

 

 

02. (UFRGs) O lobo-guará, uma espécie ameaçada de extinção, ocorre nas baixadas próximas às matas arbustivas no Rio Grande do Sul. Esse cão selvagem vive à beira de charcos, caçando pequenos roedores, aves e alguns invertebrados. Frequentemente, abriga vermes em seus rins, que podem chegar a destruir tais órgãos, ocasionando a morte do animal.

O trecho anterior trata de dois tipos de relações entre o lobo-guará e outros membros da comunidade. Essas relações são _______ e ______ e podem ser classifi cadas, respectivamente, como _________ e _________.

Assinale a alternativa que contém, na sequência:

correta, as expressões que completam as lacunas da frase anterior.

A) interespecíficas e harmônicas; predatismo e parasitismo.

B) intraespecífi cas e desarmônicas; comensalismo e parasitismo.

C) interespecíficas e desarmônicas; predatismo e inquilinismo.

D) intraespecíficas e harmônicas; comensalismo e inquilinismo.

E) interespecíficas e desarmônicas; predatismo e parasitismo.

 

 

03. Relações Ecológicas: (UFMG) As orquídeas, que vivem sobre outros vegetais:

A) vivem em mutualismo com esses vegetais.

B) recebem seiva bruta e fornecem seiva elaborada a esses vegetais.

C) sugam a seiva bruta desses vegetais.

D) sugam a seiva elaborada.

E) usam esses vegetais apenas como suporte.

 

 

04. (UFMG–2010) O fungo Penicillium, por causar apodrecimento de laranjas, acarreta prejuízos pós-colheita. Nesse caso, o controle biológico pode ser feito utilizando-se a levedura Saccharomycopsis, que mata esse fungo, após perfurar sua parede e absorver seus nutrientes.

É correto afirmar que esse tipo de interação é conhecido como:

A) comensalismo.

B) mutualismo.

C) parasitismo.

D) predatismo.

 

 

05. Relações Ecológicas: (UDEsC–2011) Nos ecossistemas os organismos de uma comunidade interagem continuamente. Analise as proposições em relação a isso.

I. O louva-a-deus se alimenta de outros insetos, por exemplo, moscas e mariposas.

II. Após a cópula, a fêmea do louva-a-deus devora o macho.

III. Em uma mesma planta encontram-se lagartas e besouros comendo as suas folhas.

IV. As formigas são insetos que apresentam divisão de castas, por exemplo, operárias e soldados.

V. Os animais ruminantes, como boi e cabra, apresentam microrganismos simbiontes, como bactérias, no trato digestivo.

 

Assinale a alternativa que apresenta a sequência correta de interações entre organismos.

A) I. predação / II. predação / III. herbivoria / IV. sociedade / V. mutualismo

B) I. predação / II. canibalismo / III. competição / IV. sociedade / V. mutualismo

C) I. predação / II. canibalismo / III. herbivoria / IV. sociedade / V. infecção

D) I. canibalismo / II. predação / III. competição / IV. agregação / V. infecção

E) I. canibalismo / II. canibalismo / III. competição / IV. individualismo / V. comensalismo

 

Exercícios sobre Ecologia e Política Ambiental.

 

06. Relações Ecológicas: Uma praga ataca os Jardins, elegante bairro da zona sul de São Paulo. Comendo móveis, armários embutidos, batentes e guarnições de portas, os cupins são um pesadelo para moradores de alguns dos endereços mais exclusivos da zona sul de São Paulo.”

FOLHA DE S. PAULO, 23 nov. 1990.

Apesar de se alimentarem de madeira, os cupins são incapazes de digerir a celulose. Essa digestão é feita por enzimas produzidas por protozoários que habitam o intestino desses insetos, sendo que os protozoários só conseguem sobreviver nesse ambiente por encontrarem proteção e um abundante suprimento de celulose, seu principal alimento. Eles a digerem convertendo-a em glicose e, com a fermentação dessa molécula, obtêm energia necessária às suas funções. Essa fermentação produz ácido acético, que é oxidado pelo cupim e usado como fonte de energia. Desse modo, ambas as espécies são beneficiadas.

LINHARES; GEWANDSZNAJDER. Biologia Hoje. são Paulo: Ática, 2003, v.3, p. 29 (Adaptação).

 

Considerando os diferentes tipos de associações que podem existir entre os seres vivos e as informações fornecidas pelo texto, é correto dizer que a relação ecológica entre os cupins e os protozoários é do tipo:

A) comensalismo.

B) parasitismo.

C) mutualismo.

D) canibalismo.

E) competição.

 

 

07. (Enem–2009) Na Região Amazônica, diversas espécies de aves se alimentam da ucuúba (Virola sebifera), uma árvore que produz frutos com polpa carnosa, vermelha e nutritiva. Em locais onde essas árvores são abundantes, as aves se alternam no consumo dos frutos maduros, ao passo que em locais onde elas são escassas, tucanos-depapo-branco (Ramphastus tucanos cuvieri) permanecem forrageando nas árvores por mais tempo. Por serem de grande porte, os tucanos-de-papo-branco não permitem a aproximação de aves menores, nem mesmo de outras espécies de tucanos. Entretanto, um tucano de porte menor (Ramphastus vitellinus ariel), ao longo de milhares de anos, apresentou modificação da cor do seu papo, do amarelo para o branco, de maneira que se tornou semelhante ao seu parente maior. Isso permite que o tucano menor compartilhe as ucuúbas com a espécie maior sem ser expulso por ela ou sofrer as agressões normalmente observadas nas áreas onde a espécie apresenta o papo amarelo.

PAULINO NETO, H. F. Um tucano “disfarçado”. Ciência Hoje, v. 252, p. 67-69, set. 2008 (Adaptação).

O fenômeno que envolve as duas espécies de tucano constitui um caso de:

A) mutualismo, pois as duas espécies compartilham os mesmos recursos.

B) parasitismo, pois a espécie menor consegue se alimentar das ucuúbas.

C) relação intraespecífica, pois ambas as espécies apresentam semelhanças físicas.

D) sucessão ecológica, pois a espécie menor está ocupando o espaço da espécie maior.

E) mimetismo, pois uma espécie está fazendo uso de uma semelhança física em benefício próprio.

 

 

08. Relações Ecológicas: (UFMG) Numa comunidade às margens de um rio, podem ser encontrados: anus que catam e comem carrapatos do gado; cobras que comem pererecas e roedores silvestres; seriemas que comem cobras e pererecas.

Que tipo de relação NÃo existe na comunidade a que o texto faz referência?

A) Parasitismo

B) Predatismo

C) Protocooperação

D) Competição

E) Comensalismo

 

 

09. (PUC Minas) Quanto às relações ecológicas, existem as relações harmônicas e as desarmônicas, sendo ainda interespecíficas ou intraespecíficas.

Assinale a alternativa correta.

A) Esclavagismo → é a associação em que uma das espécies se aproveita das atividades ou do trabalho da outra.

B) Parasitismo → é a relação em que uma das espécies mata a outra para dela se alimentar.

C) Inquilinismo → é a associação em que uma das espécies se beneficia, usando restos alimentares da outra, que não é prejudicada.

D) Mutualismo → é a associação em que uma das espécies se fixa ou se abriga em outra, porém sem prejudicá-la.

E) sociedades → são as associações entre indivíduos da mesma espécie que se mantêm ligados entre si, formando uma unidade estrutural.

 

 

10. Relações Ecológicas: (PUC-sP) Relacione os tipos de associação entre os seguintes seres:

1. Epifitismo             3. Mutualismo

2. Predatismo          4. Parasitismo

( ) Rhizobium x leguminosas

( ) Gambá x galinha

( ) Pulgões x vegetais

( ) Orquídeas x seringueiras

 

A sequência correta, de cima para baixo, é:

A) 3 – 2 – 1 – 4.

B) 1 – 3 – 2 – 4.

C) 3 – 2 – 4 – 1.

D) 3 – 1 – 2 – 4.

E) 1 – 2 – 3 – 4.

 

🔵 >>> Veja a nossa lista completa de exercícios sobre Ecologia.

 

Gabarito com as respostas do simulado com Exercícios sobre Relações Ecológicas:

01. A;

02. E;

03. E;

04. D;

05. B;

06. C;

07. E;

08. E;

09. A;

10. C

Gostou desta lista de Exercícios? Não esqueça de compartilhar com seus amigos:

Deixe um comentário