Atividades sobre Força Magnética sobre Carga, Fio e entre Fios

1) Força Magnética sobre Carga, Fio e entre Fios: (Ufrgs/2015) Partículas α, β e γ são emitidas por uma fonte radioativa e penetram em uma região do espço onde existe um campo magnético uniforme. As trajetórias são coplanares com o plano desta página e estão representadas na figura se segue.

Assinale a alternativa que preenche corretamente a lacuna do enunciado abaixo.

A julgar pelas trajetórias representadas na figura acima, o campo magnético _____________________ plano da figura.

a) aponta no sentido positivo do eixo X no

b) aponta no sentido negativo do eixo X no

c) aponta no sentido positivo do eixo Y no

d) entra perpendicularmente no

e) sai perpendicularmente do

 

 

2) (Uern 2015) Numa região em que atua um campo magnético uniforme de intensidade 4T é lançada uma carga elétrica positiva conforme indicado a seguir:

Ao entrar na região do campo, a carga fica sujeita a uma força magnética cuja intensidade é de 3,2 ⋅ 10-2N O valor dessa carga e o sentido do movimento por ela adquirida no interior do campo são, respectivamente:

a) 1,6 ⋅ 10-6 C e horário.

b) 2,0 ⋅ 10-6 C e horário.

c) 2,0 ⋅ 10--6 C e anti-horário.

d) 1,6 ⋅ 10-6 C e anti-horário.

 

 

3) Força Magnética sobre Carga, Fio e entre Fios: (Cefet-MG/2015) A figura abaixo mostra a trajetória de uma partícula que passa pela região cinza, onde há um campo magnético uniforme conforme indicado. A energia cinética da partícula é K1 no ponto P1 e K2 no ponto P2.

Tendo em vista a situação apresentada, pode-se afirmar que a partícula pode ser um:

a) próton e K1 > K2.

b) próton e K1 = K2.

c) nêutron e K1 = K2.

d) elétron e K1 = K2.

e) elétron e K1 > K2.

 

 

4) (Cefet-MG/2014) Um objeto de relação carga-massa igual a 4,0 × 10-3 C/kg desloca-se a 0,25 m/s em um plano horizontal com movimento circular uniforme sob ação de um campo magnético de 100 T perpendicular ao plano. A aceleração desse objeto vale, em m/s2:

a) 0,0010.

b) 0,010.

c) 0,10.

d) 1,0.

e) 10.

 

 

5) Força Magnética sobre Carga, Fio e entre Fios: (Mackenzie) Em trabalhos de Física Nuclear, são utilizadas diversas partículas elementares com inúmeras finalidades. Duas destas partículas são:

– partícula alfa (q = +3,2 ⋅ 10-19 C e m = 6,7 ⋅ 10-27 kg)

– partícula beta (q = -1,6 ⋅ 10-19 C e m = 9,1 ⋅ 10-31 kg )

Quando uma partícula alfa e uma partícula beta são disparadas separadamente com a mesma velocidade, perpendicularmente às linhas de indução de um mesmo campo magnético

uniforme, a figura que melhor representa as trajetórias distintas dessas partículas é:

 

Campo Magnético Gerado por Corrente Elétrica Atividades.

 

6) Força Magnética sobre Carga, Fio e entre Fios: (Upe/2014) Uma barra uniforme, condutora, de massa m = 100 g e comprimento L = 0,50 m, foi posicionada entre duas superfícies rugosas. A barra permanece em repouso quando uma corrente elétrica i = 2,0 A a atravessa na presença de um campo magnético de módulo B = 1,0 T, constante, que aponta para dentro do plano da figura.

Com base nessas informações, determine o módulo e o sentido da força de atrito resultante que atua na barra e o sentido.

a) 1001,0 N para cima

b) 1001,0 N para baixo

c) 2,0 N para cima

d) 2,0 N para baixo

e) 1,0 N para cima

 

 

7) (Ufpe) Três condutores A, B, e C, longos e paralelos, são fxados como mostra a figura e percorridos pelas correntes IA, IB, IC, que têm os sentidos indicados pelas setas.

A força magnética resultante que atua sobre o condutor B está dirigida:

( ) da esquerda para a direita, no plano da figura.

( ) de baixo para cima, no plano da figura.

( ) de fora para dentro do plano da figura.

( ) da direita para a esquerda, no plano da figura.

( ) de dentro para fora do plano da figura.

 

 

8) Força Magnética sobre Carga, Fio e entre Fios: (Upf/2015) Sobre conceitos de eletricidade e magnetismo, são feitas as seguintes afirmações:

I. Se uma partícula com carga não nula se move num campo magnético uniforme perpendicularmente à direção do campo, então a força magnética sobre ela é nula.

II. Somente imãs permanentes podem produzir, num dado ponto do espaço, campos magnéticos de módulo e direção constantes.

III. Quando dois fos condutores retilíneos longos são colocados em paralelo e percorridos por correntes elétricas contínuas de mesmo módulo e sentido, observa-se que os fios se atraem.

IV. Uma carga elétrica em movimento pode gerar campo magnético, mas não campo elétrico.

Está correto apenas o que se afirma em:

a) III.

b) I e II.

c) II.

d) II e IV.

e) II, III e IV.

 

 

9) (Fuvest/2014) Partículas com carga elétrica positiva penetram em uma câmara em vácuo, onde há, em todo seu interior, um campo elétrico de módulo E e um campo magnético de módulo B, ambos uniformes e constantes, perpendiculares entre si, nas direções e sentidos indicados na figura. As partículas entram na câmara com velocidades perpendiculares aos campos e de módulos v1 (grupo 1), v2 (grupo 2) e v3 (grupo 3).

As partículas do grupo 1 têm sua trajetória encurvada em um sentido, as do grupo 2, em sentido oposto, e as do grupo 3 não têm sua trajetória desviada. A situação está ilustrada na figura abaixo.

Considere as seguintes afirmações sobre as velocidades das partículas de cada grupo:

I. v1 > v2 e v1 > E/B

II. v1 < v2 e v1 < E/B

III. v3 = E/B

Está correto apenas o que se afirma em:

 

Note e adote:

Os módulos das forças elétrica (FE) e magnética (FM) são:

FE = qE

FM = qvB

a) I.

b) II.

c) III.

d) I e III.

e) II e III.

 

 

10) (Fuvest) Uma partícula de carga q > 0 e massa m, com velocidade de módulo v e dirigida ao longo do eixo x no sentido positivo (veja figura adiante), penetra, através de um orifício, em O, de coordenadas (0,0), numa caixa onde há um campo magnético uniforme de módulo B, perpendicular ao plano do papel e dirigido “para dentro” da folha. Sua trajetória é alterada pelo campo, e a partícula sai da caixa passando por outro orifício, P, de coordenadas (a,a), com velocidade paralela ao eixo y. Percorre, depois de sair da caixa, o trecho PQ, paralelo ao eixo y, livre de qualquer força. Em Q sofre uma colisão elástica, na qual sua velocidade é simplesmente invertida, e volta pelo mesmo caminho, entrando de novo na caixa, pelo orifício P. A ação da gravidade nesse problema é desprezível.

a) Localize, dando suas coordenadas, o ponto onde a partícula, após sua segunda entrada na caixa, atinge pela primeira vez uma parede.

b) Determine o valor de v em função de B, a e q/m.

 

🔵 >>> Verifique todos os nossos exercícios e atividades de Física.

 

Gabarito com as respostas das questões de Física sobre Força Magnética sobre Carga, Fio e entre Fios:

1) d;

2) c;

3) b;

4) c;

5) e;

6) c;

7) F – F – F – V – F;

8) a;

9) e;

 

10) a) x = 2a; y = 0

b) V = q/m.a.B

Gostou desta lista de Exercícios? Não esqueça de compartilhar com seus amigos:

Deixe um comentário