Exercícios sobre Geopolítica e Economia Global

01. Geopolítica e Economia Global: UFRJ – Análises econômicas da estruturação regional demonstram que o espaço geográfico brasileiro está organizado segundo o modelo centro-periferia, característico da fase atual do capitalismo. Este mesmo modelo é uma arrumação espacial do capitalismo internacional: países centrais e países periféricos.

A respeito da organização do espaço brasileiro, afirma-se:

I. O centro é formado pelas duas únicas metrópoles nacionais – São Paulo e Rio de Janeiro.

II. A periferia é constituída por áreas desarticuladas do centro.

III. O grande investimento de capitais no centro, contribui para a dependência da periferia.

IV. A periferia recebe produtos industrializados do centro.

Estão corretas as afirmativas:

a) I e II d) II, III e IV

b) II e III e) I, II, III e IV

c) I, III e IV

 

 

02. UFBA – As diferentes características dos espaços geográficos e suas diversas formas de ocupação contribuem para a descontinuidade das áreas habitadas e para a constante busca do homem pela sua auto-realização.

Com base nessa afirmação e nos conhecimentos sobre estrutura e dinâmica populacional no Brasil e no mundo, pode-se concluir:

01. O século XX apresentou o maior crescimento populacional da história da humanidade, chegando, no final da década atual, aos seis bilhões de habitantes, com grande contribuição das altas taxas de crescimento vegetativo dos países subdesenvolvidos.

02. O tempo médio de vida das populações das nações ricas e pobres continua bastante desequilibrado porque ainda existem altas taxas de natalidade e baixa expectativa de vida nos países subdesenvolvidos e baixas taxas de natalidade e alta expectativa de vida nos países desenvolvidos.

04. Os Estados Unidos receberam grandes levas de imigrantes, após a Segunda Guerra Mundial, constituídas principalmente de latino-americanos e asiáticos, que assumiram funções no comércio e em serviços, mas não foram suficientemente assimilados pela sociedade.

08. A Europa Oriental tem recebido milhões de imigrantes, graças às novas tendências políticas pós-crise socialista, transformaram-se na região que absorve maiores fluxos migratórios do planeta.

16. A recente migração de retorno para o Nordeste, apesar de estar diminuindo, é constituída de nordestinos oriundos da Região Sul, especialmente do Paraná, movidos pelo alto índice de emprego na Zona da Mata e nas metrópoles nordestinas.

32. A modernização da agricultura no vale do São Francisco foi responsável pela corrente migratória que fez avançar a fronteira agrícola até Centro-Oeste e o Norte do País.

64. O Amazonas é o Estado que concentra a maior extensão territorial e a maior população indígena do País, gerando, esporadicamente, conflitos pelo domínio da terra, que envolvem garimpeiros, fazendeiros e posseiros.

Dê, como resposta, a soma das alternativas corretas.

 

 

03. Geopolítica e Economia Global: AEU-DF – A história mostra que na constituição dos Estados-nação modernos o ideal de homogeneidade forjou uma cultura nacional que estabeleceu línguas oficiais, padronizou comemorações, festas populares e, principalmente colocou em contato num mesmo território etnias em busca de um destino comum. Sabendo que a constituição dessas

nacionalidades modernas nem sempre foram legítimas para determinados grupos étnicos, julgue os itens, considerando que esse caráter homogeneizador representou a base dos principais conflitos e guerras regionais espalhados no mundo inteiro.

( ) Nos últimos anos os movimentos separatistas em escala mundial ganharam notoriedade pelo pacifismo presente nas negociações pela independência.

( ) Um exemplo de pacifismo na luta pró-independência de minorias étnicas é o recente caso do Timor Leste que contou com a intervenção da ONU nas negociações.

( ) Diferentemente do Timor Leste, o movimento nacionalista e separatista na antiga Iugoslávia, embora recheado de violência dispensou a intervenção de organismos internacionais no conflito entre cristãos e mulçumanos.

( ) Semelhante ao movimento separatista na antiga Iugoslávia, a questão conflituosa na Irlanda do Norte tem como pano de fundo divergências religiosas.

( ) Ao estabelecer fronteiras artificiais na África, o colonialismo europeu lançou as bases para os atuais conflitos etno-tribais africanos.

 

 

04. UFPB/PSS – A existência de unidades espaciais denominadas “regiões geográficas” deve-se à(ao)

a) ocorrência de diferentes posições geográficas, a exemplo de Norte, Nordeste, Sudeste, Oeste, Noroeste.

b) necessidade de se dividirem as grandes dimensões da superfície terrestre, no sentido de facilitar o seu estudo e conhecimento.

c) necessidade de selecionar áreas em desequilíbrio de desenvolvimento, objetivando políticas de ação governamental.

d) diferenciação espacial, com base nas distintas características presentes nas várias áreas do globo.

e) conflito entre algumas regiões do globo, a exemplo do Norte desenvolvido versus Sul subdesenvolvidos.

 

 

05. Geopolítica e Economia Global: UFPB/PSS – A fase atual da história da humanidade é marcada por mudanças no espaço geográfico, denominado por alguns autores como “meio técnico-científico”. Nos países subdesenvolvidos, essa nova onda provocou:

a) melhor distribuição de renda.

b) acentuada redução das migrações.

c) amplo acesso pelas populações, principalmente as mais pobres, aos meios técnicocientíficos.

d) elevação nos preços dos produtos primários.

e) aumento do número de desempregados nas cidades.

 

Exercícios de Geografia sobre Agropecuária.

 

06. Geopolítica e Economia Global: UnB-DF

Nos anos 90, no contexto das mudanças internacionais e dos processos de reestruturação e liberalização das economias na América Latina, tanto o conceito como a realidade de integração foram modificados drasticamente.

Alícia Frahmam Cooperacion política e integración latinoamericana ex los 90. Flacso. Santiago. Chile. 1996.

Considerando o trecho, relacionado às transformações ocorridas na América Latina na última década, julgue os itens seguintes.

( ) As ações visando à integração e à cooperação econômica, política e social entre os países latino-americanos são recentes, avançando principalmente após a democratização dos regimes de governo.

( ) As dificuldades de integração e formação de uma comunidade das nações latino-americanas possuem causas econômicas e políticas, como o crescente endividamento externo, que revela uma grande vulnerabilidade ao capital internacional.

( ) A integração de mercados no MERCOSUL é desvantajosa para as empresas transnacionais americanas e europeias instaladas na região, devido aos acordos comerciais entre os países membros.

( ) A desvalorização cambial brasileira teve consequências quanto à manutenção da estabilidade do MERCOSUL, devido, principalmente, à desestabilização das exportações entre Brasil e Argentina.

 

 

07. UnB-DF – Acerca da estruturação geral do território brasileiro, desde a década de 70, do modelo de desenvolvimento a partir de então adotado e das conseqüências da adoção desse modelo, julgue os seguintes itens.

( ) O desenvolvimento brasileiro, marcado pela dualidade geográfica centro/periferia, é consequência de um modelo de crescimento econômico concentrado no plano econômico e centralizado no plano político.

( ) Como estratégia para reduzir as disparidades regionais, a economia brasileira estruturou-se no crescimento do Produto Interno Bruto (PIB) voltado para o mercado interno.

( ) A divisão regional do trabalho no Brasil está orientada pelo crescimento urbano/ industrial que resulta na profunda dicotomia entre o Centro-Sul, mais desenvolvido, e o Norte-Nordeste.

( ) As transformações aceleradas da sociedade nos últimos trinta anos estão associadas ao intenso processo de urbanização, à ampliação do mercado de trabalho e à ampla atuação do Estado nesse processo.

 

 

08. Geopolítica e Economia Global: U.F. Triângulo Mineiro-MG – Considere as afirmações sobre o Nafta.

I. A criação do Bloco ocorreu ainda na década de 70 como forma de neutralizar a Guerra Fria.

II. O Bloco representou uma estratégia norte-americana para reduzir a imigração mexicana.

III. Pode-se considerar a criação do Bloco um primeiro passo para a formação da ALCA que abrangerá toda a América.

IV. O Bloco, liderado pelos Estados Unidos, tem outros dois integrantes com características econômicas semelhantes.

Estão corretas somente:

a) I e II b) I e III c) I e IV d) II e III e) III e IV

 

 

09. Cefet-PR

“Com certeza, nessa primeira metade do século, as atividades urbanas haviam perdido qualquer vínculo com a natureza; de há muito se encontram subordinadas ao tempo abstrato, ao dia implacavelmente dividido em 24 horas. (…) Ela arranca o homem da lógica da natureza, dos dias de duração variada de acordo com as tarefas a cumprir no decorrer das diversas estações do ano e ao introduzir ao tempo útil do patrão, o tempo abstrato e produtivo, o único concebido como capaz de gerar abundância e riqueza.”

BRESCIANINI, M. S. M. Londres e Paris no Século XIX.

O texto refere-se:

a) à sociedade industrial, produtora de uma tecnologia e um domínio sobre a natureza que subverteram o seu ritmo, impondo o tempo do trabalho, o tempo produtivo;

b) ao tempo transcorrido, com uma nostalgia da vida sem pressa, das paisagens bucólicas e de um tempo perdido na memória e na saudade;

c) à ficção do próximo século, quando a globalização possibilitará um intercâmbio entre os países, anulando o tempo do dia de 24 horas. É o homem-máquina, escravo do tempo e do trabalho, com 24 horas de produção de riquezas;

d) à rotina enfrentada pelos trabalhadores das grandes cidades nos movimentos migratórios pendulares da periferia distante para as fábricas, gastando, às vezes, até 4 horas/ dia do seu tempo com os deslocamentos casa/trabalho;

e) ao processo de expansão da malha urbana nas metrópoles, onde a natureza não se faz necessária e nem presente e até o lazer é orientado pelos meios de comunicação. É a sociedade do consumo, do fascínio e dos produtos descartáveis.

 

 

10. Geopolítica e Economia Global: Univali-SC – A repartição das indústrias no mundo apresenta um contraste fundamental:

de um lado, um pequeno número de países dispõe de uma gama completa de atividades industriais; do outro, o resto do mundo, onde a indústria moderna não existe ou se apresenta apenas embrionária.

Sobre a distribuição de indústria do mundo, podemos afirmar:

I. A indústria dos países desenvolvidos capitalistas está voltada, sobretudo, para a produção de bens de capital, enquanto a dos países socialistas volta-se, fundamentalmente, para a de bens de consumo.

II. Os novos países industriais da Europa, agrupados no Mercado Comum Europeu, conseguem fazer frente às antigas potências industriais do século XIX, superando-as e ganhando-lhes o mercado consumidor.

III. A maioria dos países subdesenvolvidos é caracterizada pela insuficiência, ou mesmo ausência de indústrias modernas, sobretudo daquelas voltadas para a produção de equipamentos.

IV. Na maioria dos países subdesenvolvidos, a industrialização é uma conseqüência da expansão do setor de exportação, que exige beneficiamento e muitas vezes transformação de produtos.

Assinale o item correto:

a) I e II estão corretas.

b) III e IV estão corretas.

c) II e IV estão corretas.

d) I e III estão corretas.

e) II e III estão corretas.

 

🔵 >>> Veja a nossa lista completa de exercícios sobre Ecologia.

 

Gabarito com as respostas das atividades de Geografia sobre Geopolítica e Economia Global:

01. c;

02. 71;

03. F – F – F – V – V;

04. d;

05. e;

06. C – C – E – C;

07. C – E – E – E;

08. d;

09. a;

10. b

Gostou desta lista de Exercícios? Não esqueça de compartilhar com seus amigos:

Deixe um comentário