EUA: Exercícios sobre a Expansão e Guerra Civil Americana

01. Expansão e Guerra Civil Americana: (UERJ/2014) Os líderes dos estados do Norte dos Estados Unidos, durante o movimento contra o Sul escravista na Guerra de Secessão (1861-1865), tinham ideias a respeito da escravidão que podem ser resumidas com a seguinte frase: a escravidão era, para eles, “remanescente de um mundo agonizante de barão e servo, nobre e escravo”. (Adaptado de MOORE Jr., Barrington. As origens sociais da ditadura e da democracia. SP: Martins Fontes, 1983).

De acordo com a Constituição norte-americana, de 1787, cada estado da federação poderia decidir pela manutenção ou não do trabalho escravo. A permanência da escravidão no Sul, no entanto, ampliou os conflitos com o Norte do país, levando à Guerra de Secessão. Indique uma oposição de ordem política, econômica ou social entre os estados do Norte e os do Sul que tenha contribuído para deflagrar a guerra civil. Apresente, também, a principal consequência político-econômica da vitória dos estados do Norte para o país.



02. (Unicamp/2013) No fm do século XIX, Frederick Jackson Turner elaborou uma tese sobre a “fronteira” como definidora do caráter dos Estados Unidos até então. A força do indivíduo, a democracia, a informalidade e até o caráter rude estariam presentes no diálogo entre a civilização e a barbárie que a fronteira propiciava. As tradições europeias foram sendo abandonadas à medida que o desbravador se aprofundava no território em expansão dos Estados Unidos. Em relação à questão da fronteira nos Estados Unidos, responda:

a) De quais grupos ou países essas terras foram sendo retiradas no século XIX?
b) O que foi o “Destino Manifesto” e qual seu papel nessa expansão?


03. Expansão e Guerra Civil Americana: (Unicamp/2014) Como os abolicionistas americanos previram, os problemas da escravidão não cessariam com a abolição. O racismo continuaria a acorrentar a população negra às esferas mais baixas da sociedade  dos Estados Unidos. Mas se tivessem tido a oportunidade de fazer uma viagem pelo Brasil de seus sonhos – o país imaginado por tanto tempo como o lugar sem racismo – eles teriam concluído que entre o inferno e o paraíso não há uma tão grande distância afinal.
(Adaptado de Célia M. M. Azevedo, Abolicionismo: Estados Unidos e Brasil, uma história comparada (século XIX). São Paulo: Annablume, 2003, p. 205.)

Sobre o tema, é correto afirmar que:
a) A experiência da escravidão aproxima a história dos Estados Unidos e do Brasil, mas a questão do racismo tornou-se uma pauta política apenas nos EUA da atualidade.

b) Os abolicionistas norte-americanos tinham uma visão idealizada do Brasil, pois não identificavam o racismo como um problema em nosso país.

c) A imagem de inferno e paraíso na questão racial também é adequada às divisões entre o sul e o norte dos EUA, pois a questão racial impactou apenas uma parte daquele país.

d) A abolição foi uma etapa da equiparação de direitos nas sociedades norte-americana e brasileira, pois os direitos civis foram assegurados, em ambos os países, no final do século XIX.


04. (Fuvest/2014) A ideia de ocupação do continente pelo povo americano teve também raízes populares, no senso comum e também em fundamentos religiosos. O sonho de estender o princípio da “união” até o Pacífico foi chamado de “Destino Manifesto”.
(Nancy Priscilla S. Naro. A formação dos Estados Unidos. São Paulo: Atual, 1986, p. 19)

A concepção de “Destino Manifesto”, cunhada nos Estados Unidos da década de 1840,
a) difundiu a ideia de que os norte-americanos eram um povo eleito e contribuiu para justificar o desbravamento de fronteiras e a expansão em direção ao Oeste.

b) tinha origem na doutrina judaica e enfatizava que os homens deviam temer a Deus e respeitar a todos os semelhantes, independentemente de sua etnia ou posição social.

c) baseava-se no princípio do multiculturalismo e impediu a propagação de projetos ou ideologias racistas no Sul e no Norte dos Estados Unidos.

d) derivou de princípios calvinistas e rejeitava a valorização do individualismo e do aventureirismo nas campanhas militares de conquista territorial, privilegiando as ações coordenadas pelo Estado.

e) defendia a necessidade de se preservar a natureza e impediu o prosseguimento das guerras contra indígenas, na conquista do Centro e do Oeste do território norte-americano.


05. Expansão e Guerra Civil Americana: (UNESP/2014) Entre as diferenças políticas que levaram o Norte e o Sul dos Estados Unidos à Guerra Civil, em 1861, podemos citar:

a) a disputa pelo mercado consumidor europeu de matérias-primas e pelo mercado consumidor latino-americano de manufaturados.

b) a disputa em relação às terras do Oeste, que vinham sendo conquistadas e gradualmente incorporadas à União.

c) o apoio nortista às lutas pela independência de Cuba e a rejeição sulista às emancipações políticas no Caribe.

d) a anexação de terras do México por estados do Norte e a defesa sulista da autonomia e da soberania territorial mexicana.

e) o esforço de expansão para o Sul e o consequente estabelecimento de hegemonia norte-americana sobre a América Latina.


06. Expansão e Guerra Civil Americana: (UFRGS/2013) Observe o mapa abaixo.

situação político-eleitoral atual dos EUA entre 1861-1865

As afirmações a seguir estão relacionadas à Guerra da Secessão (1861-1865) e à situação político-eleitoral atual dos EUA.

I. O sistema eleitoral norte-americano desde o final da Guerra da Secessão, passou a utilizar o voto direto nas eleições presidenciais.
II. Alguns dos estados que votaram no candidato republicano fizeram parte dos Estados Confederados.
III. Os estados que votaram no candidato democrata fizeram parte, na sua maioria, dos Estados da União.

Quais estão corretas?
a) Apenas I.
b) Apenas II.
c) Apenas III.
d) Apenas l e ll.
e) Apenas II e III.


07. Expansão e Guerra Civil Americana: (FGV/2013) Entre 1861 e 1865, os Estados Unidos foram palco da chamada Guerra de Secessão.

A esse respeito é correto afirmar:
a) O conflito teve início com a reação dos fazendeiros sulistas provocada pela abolição da escravidão, implementada pelo presidente republicano Abraham Lincoln.

b) As diferentes estruturas socioeconômicas do Norte e do Sul e sua divergência com relação às tarifas de produtos importados estiveram entre as causas do conflito.

c) A economia sulista estava baseada na produção familiar e voltada para o mercado interno, enquanto no Norte produziam-se artigos destinados ao mercado externo.

d) A disputa entre o Norte e o Sul colocou frente a frente dois projetos políticos antagônicos, no que se refere à questão dos direitos trabalhistas e da livre organização sindical.

e) O conflito serviu para encerrar a política de segregação racial vigente em diversos estados norte-americanos e para consolidar a inclusão social dos povos indígenas no país.


08. Expansão e Guerra Civil Americana: (Udesc/2013) O filme E o vento levou, de 1939, com direção de Victor Fleming, retrata um período da História dos Estados Unidos conhecido como a Guerra de Secessão (ou Guerra Civil Americana), ocorrida entre os anos de 1861 a 1865.

Analise as proposições sobre este período, e assinale (V) para verdadeira e (F) para falsa.
( ) Os estados que formavam os EUA estiveram envolvidos em uma sangrenta guerra (norte X sul) na qual estava em jogo, entre outros motivos, a oposição entre a utilização do trabalho livre e o trabalho escravo.

( ) Os sulistas defendiam o fm do trabalho escravo em todo o território dos EUA, e o movimento pela abolição dos escravos tornou-se maior durante a primeira metade do século XIX.

( ) O fim da escravidão nos EUA não significou igualdade de condições para as populações de ex-escravos e seus descendentes, uma vez que em muitos estados dos EUA foram criadas leis segregacionistas, como, por exemplo, a que separava negros de brancos em espaços públicos como ônibus, banheiros, bares e restaurantes.

( ) Além da divergência sobre a escravidão, outros temas que opunham os estados do Norte aos do Sul referiam-se às tarifas sobre importação, ao acesso a novas terras localizadas a oeste, à atuação do governo federal em relação ao sistema bancário e ao sistema de transportes.

Assinale a alternativa que contém a sequência correta, de cima para baixo.
a) V – F – F – F
b) F – F – F – V
c) F – F – V – V
d) V – F – F – V
e) V – F – V – V


09. Expansão e Guerra Civil Americana: (Unimontes/2012) Escreva C (correto) ou I (incorreto), ao lado das afirmativas sobre a Guerra de Secessão (1861- 1865).

( ) A guerra civil norte-americana envolveu duas sociedades distintas: a do sul, baseada nas manufaturas, e a do norte, baseada na economia agrária de exportação.

( ) Ao final da guerra civil norte-americana, aprovou-se, através de uma Emenda à Constituição, a abolição da escravidão em todo o território americano, em 1865.

( ) A população escrava dos estados do sul foi declarada livre, em 1863, por Lincoln, em função de uma necessidade militar.

( ) Descontentes com a eleição de Lincoln para presidente, os estados do sul, liderados pela Carolina do Sul, separaram-se dos estados do norte e autodenominaram-se Estados Confederados.

A sequência CORRETA de respostas encontra-se na alternativa
a) I, I, C, C.
b) I, C, C, C.
c) C, I, C, I.
d) C, C, I, I.


10. Expansão e Guerra Civil Americana: (Udesc/2012 – alterada) Sobre à política do big stick (“grande porrete” numa tradução literal) do presidente norte-americano Theodore Roosevelt (governou os EUA entre 1901 e 1909). Responda:

a) Refere-se à política de tutela norte-americana na América do Sul, nas décadas de 1950 a 1970. Tal política implicava intervenção direta dos EUA nas questões políticas dos países sul-americanos, inclusive no que se relaciona à destituição de governos democráticos e à instituição de ditaduras civis e militares.

b) Refere-se à política de tutela norte-americana na América Central, no início do século XX. Tal política implicava a intervenção direta dos EUA nas questões políticas e econômicas internas dos países centro-americanos, protegendo governos aliados e derrubando os adversários.

c) Refere-se à política norte-americana de expansão territorial, no início do século XX. Tal política traduz-se pela incorporação de porções territoriais do México (caso do Texas), bem como Havaí e Alasca, que foram anexados aos EUA nesse período.

d) Deve ser entendida no contexto da Guerra da Secessão, no final do século XIX. Tal política refere-se a incentivos concedidos à indústria nortista, que passou a apresentar altos índices de crescimento.

e) Deve ser entendida no contexto da expansão dos EUA, já a partir do final do século XIX. Tal política implicou a consolidação das instituições republicanas e expansão e conquista do Oeste. Com isso os norte-americanos expandiram seu território, avançaram sobre as fronteiras do México (por isso big stick) e industrializaram-se.


🔵 >>> Confira todas as nossas questões sobre a História Mundial.


Gabarito com as respostas da questões sobre a Expansão e Guerra Civil Americana:

01. Uma oposição: o Norte dos EUA era manufatureiro, industrial; o Sul dos EUA era agrário, rural. A principal consequência: o ideal manufatureiro/industrial do Norte atingiu o Sul após a guerra, marcando em definitivo a formação progressista dos EUA.

02. a) Grupos indígenas, França, Espanha, México (destaque para a Guerra dos EUA contra o México), Rússia.
b) Os EUA ligavam a sua expansão territorial a uma missão divina de levar o progresso e a liberdade aos povos e territórios conquistados.

03. b;

04. a;

05. b;

06. e;

07. b;

08. e;

09. b;

10) b

Gostou desta lista de Exercícios? Não esqueça de compartilhar com seus amigos:

Deixe um comentário