Exercícios de Ecologia sobre Biogeografia

1. Biogeografia: UFMT O pantanal mato-grossense apresenta duas fases distintas, uma inundável e com vegetação herbácea aquática e outra terrestre, durante a estiagem, com vegetação herbácea terrestre.

Julgue os itens sobre tais vegetações, colocando (C) para certo e (E) para errado.

( ) Algumas plantas aquáticas apresentam aerênquima que as auxilia na flutuação.

( ) A estrutura primária das raízes das plantas aquáticas difere das terrestres por apresentar câmbio, súber, cilindro central e feixes liberianos.

( ) Nas folhas das plantas aquáticas, os estômatos distribuem-se principalmente na epiderme superior.

( ) O caule das plantas terrestres caracteriza-se por apresentar atividades do câmbio responsável pela formação dos tecidos condutores, lenho externo e líber mais interno.

 

 

2.UFBA

Com base no diagrama e nos conhecimentos sobre os ecossistemas brasileiros, podem-se destacar, dentre outros, como fatores de degradação ambiental:

01. Em I, a excessiva extração mineral, o garimpo e a migração desordenada, cujos impactos sobre o meio natural vêm se manifestando na redução dos totais de chuvas anuais.

02. Em II, a pecuária intensiva e o plantio acentuado da soja, precedidos das queimadas, cujas conseqüências sobre o ambiente natural são manifestadas pela perda da fertilidade do solo e pelo surgimento de áreas amplamente desertificadas.

04. Em III, as queimadas, a exploração desordenada dos rios e dos lençóis de água, cujos impactos na paisagem são expressos pelo surgimento de núcleos de desertificação,

que contribuem para a migração da população local.

08. Em IV, a instalação de inúmeros projetos agropecuários, a utilização da queimada em larga escala e o emprego excessivo de agrotóxicos, cujos impactos ecológicos sobre o meio natural são refletidos no assoreamento do leito dos rios e na destruição das nascentes fluviais.

16. Em V, as grandes concentrações urbanas, os pólos industriais, a atividade portuária e o turismo, cujos impactos na paisagem são representados pela poluição e pela contaminação do solo e da água em geral.

32. Em VI, a expansão urbana, a turística e a portuária, cujos principais impactos ambientais são representados pela destruição das restingas, das dunas e dos manguezais, comprometendo também, em menor escala, as lagunas.

Dê, como resposta, a soma das alternativas corretas.

 

 

3.Biogeografia: PUC-RJ O estado do Rio de Janeiro apresenta diversos ecossistemas, em função da grande variabilidade de sua paisagem. Dentre as características listadas abaixo, destaque a alternativa errada.

a) A mata atlântica é a formação dominante do Rio de Janeiro.

b) As restingas se desenvolvem sobre solos arenosos e constituem o ecossistema mais ameaçado de todos os demais.

c) Os campos de altitude estão localizados principalmente nas serras dos Órgãos e Itatiaia e apresentam grande número de endemismos.

d) A mata atlântica é constituída por florestas secundárias na maior parte do trecho fluminense.

e) Os manguezais estão ligados à existência de um ciclo de marés e apresentam alta diversidade de espécies vegetais.

 

 

4. Biogeografia: VUNESP Explorando uma faixa estreita do litoral de São Paulo, desenvolve-se um tipo

de vegetação, formado de poucas espécies arbóreas, providas de adaptações para enfrentar um solo lodoso, com alto teor salino e carente de oxigênio. O ecossistema descrito

corresponde

a) à Mata Atlântica.

b) ao manguezal.

c) aos pampas.

d) à restinga.

e) às dunas litorâneas

 

 

5. Biogeografia: Cefet-RJ O manguezal é um bioma que está adaptado à transição entre o mar e a terra firme. Sua vegetação é resistente às oscilações das marés e seu solo é lodoso, com grande concentração de sal. Assinale a alternativa correta.

a) Os manguezais estão restritos à área litorânea, inexistindo em regiões que não têm contato direto com o mar.

b) A vegetação rasteira está adaptada às oscilações das marés, suportando com facilidade a subida e descida do nível da água do mar.

c) Devido à grande disponibilidade de nutrientes minerais e orgânicos, os manguezais se constituem em fonte de alimento para várias espécies marinhas, principalmente peixes e moluscos. Os crustáceos utilizam os manguezais apenas para reprodução.

d) A vegetação predominante nos manguezais é arbustiva, sendo que, entre os tipos mais comuns de arbustos, estão aqueles que desenvolvem as chamadas raízes-escoras, que aumentam significativamente sua área de sustentação.

e) Em geral, nos manguezais não se desenvolve a atividade pesqueira devido à pequena quantidade de espécie marinha e às dificuldades impostas pela vegetação dominante.

 

Exercícios sobre Ação Humana e Poluição.

 

6. UFMA Quais dos ecossistemas maranhenses, assinalados no mapa acima, são definidos pelas seguintes características: “árvores de pequeno a médio porte com raízes muito profundas e folhas coriáceas com galhos tortuosos”; “vegetação caracteristicamente arbustiva com raízes escoras, pneumatóforos, onde o solo é lodoso e salgado, abrigando uma grande diversidade de peixes, moluscos, crustáceos e aves que direta ou indiretamente obtêm alimento”.

a) 1 – Cerrado; 3 – mangue

b) 1 – mata de cocais; 2 – mangue

c) 2 – floresta (pré-amazônica); 4 cerrado

d) 5 – mata de cocais; 1 – campos inundáveis

e) 6 – mata de cocais; 4 – dunas

 

 

7. Biogeografia: FATEC-SP Presença de árvores de folhas perenes e largas (perenifólias e latifoliadas), com altura geralmente entre 30 e 35 metros, grande variabilidade na vegetação de epífitas (principalmente bromélias e orquídeas) e considerável desenvolvimento de vegetação arbustiva são características de:

a) dunas asiáticas tropicais.

b) desertos quentes da África.

c) mata pluvial tropical.

d) mata das araucárias.

e) mata de geleiras nórdicas.

 

 

8. UFMS Desde 1987, quando o Inpe (Instituto Nacional de Pesquisas Espaciais) realizou seus primeiros testes de monitoramento do fogo com o auxílio de satélites, as queimadas passaram a ser manchetes obrigatórias em toda a mídia. Em nosso Estado, sobretudo nas regiões agro-pastoris, a prática da queimada ainda é extensamente usada. Quanto às queimadas e aos problemas relativos ao fogo, é correto afirmar que:

01. de acordo com vários autores, o uso do fogo nem sempre é prejudicial quando usado de maneira controlada e desde que se faça no início da estação seca, quando a vegetação ainda não está seca;

02. nos cerrados brasileiros ocorre um aumento significativo da concentração de certos nutrientes minerais na camada mais superficial do solo logo após a queimada, mas esse efeito não é duradouro;

04. para o solo, um dos efeitos diretos da queimada é sua exposição desnudada às chuvas tropicais, fazendo com que o processo de lixiviação aumente;

08. as chamadas queimadas naturais derivadas, por exemplo, de combustão espontânea, descargas elétricas e outros são altamente prejudiciais e são elas que causam danos ao solo e à vegetação; portanto, a prática da queimada artificial (feita pelo homem) é melhor e não leva a nenhum prejuízo;

16. um dos efeitos diretos da queimada é causar a destruição dos grumos da superfície do solo e eliminar sua cobertura vegetal, fazendo com que a área queimada fique mais vulnerável ao processo de erosão;

32. por todas as vantagens que o fogo acarreta ao solo e à vegetação, a prática da queimada para limpeza de áreas agro-pastoris deve ser cada vez mais intensificada, pois não acarreta nenhum prejuízo ambiental, sobretudo em regiões tropicais.

Dê, como resposta, a soma das alternativas corretas.

 

 

9. Biogeografia: U.E. Ponta Grossa-PR Com relação aos grandes biomas do mundo, suas localizações e características gerais, assinale o que for correto.

01. A tundra, que é encontrada em regiões polares e alpinas, não tem representatividade em território brasileiro.

02. Savanas tropicais são conjuntos de formações abertas com domínio de uma vegetação de gramíneas dispersas e tufos de ervas baixas. Ocorrem na América do Norte, Eurásia, África e nos pampas da América do sul.

04. Os desertos e semidesertos, que ocorrem nos centros de altas pressões da América do Norte, África, Eurásia e Austrália, não têm representatividade na América do sul.

08. As florestas tropicais chuvosas recebem uma precipitação elevada e bem distribuída durante o ano todo. Concentradas na faixa intertropical, constituem os ecossistemas com maior biomassa terrestre.

16. Florestas boreais são as matas de coníferas que ocorrem em latitudes acima de 45º. No inverno, elas são muito úmidas e frias.

Dê como resposta a soma das alternativas corretas.

 

 

10. UFPI Considere o texto a seguir:

“São encontrados(as) desde o Amapá até Santa Catarina, nos estuários de vários rios, apresentando solos alagados e instáveis, ricos em matéria orgânica e pouco oxigenados e são áreas de reprodução de diversas espécies marinhas”. O texto refere-se:

a) às florestas tropicais;

b) às florestas temperadas;

c) aos cerrados;

d) aos manguezais;

e) às matas de araucária

 

🔵 >>> Veja a nossa lista completa de exercícios sobre Ecologia.

 

Gabarito com as respostas das questões de Ecologia sobre Biogeografia:

1. C – E – C – E;

2. 04 + 08 + 16 + 32 = 60;

3. e; 4. b; 5. d; 6. a; 7. c;

8. 01 + 02 + 04 + 16 = 23;

9. 1 + 8 + 16 = 25;

10. d

Spread the love