A População Economicamente Ativa e o IDH Brasileiro Simulado

1) População Economicamente Ativa e o IDH Brasileiro: (Fuvest) Observe os seguintes mapas do Brasil. Os mapas representam, respectivamente, os temas:

I II III
a) Natalidade Mortalidade
infantil
IDH
b) Mortalidade
infantil
Alfabetização Trabalho infantil
c) Alfabetização Trabalho infantil IDH
d) Natalidade IDH Trabalho
infantil
e) Alfabetização Mortalidade
infantil
Natalidade

 

 

 

2) (Fuvest) Segundo as séries estatísticas do IBGE – 2012, a taxa de trabalho infantil é mais acentuada nos estados indicados em:

 

 

3) População Economicamente Ativa e o IDH Brasileiro: (Enem) O Índice de Desenvolvimento Humano (IDH) permite avaliar as condições de qualidade de vida e de desenvolvimento de um país, de uma região ou de uma cidade, com base em seus indicadores de renda, longevidade e educação. Cada indicador varia de 0 (nenhum desenvolvimento) a 1 (desenvolvimento máximo). A tabela apresenta os valores de IDH de três municípios brasileiros, X, Y, e Z, medidos nos anos de 1991 a 2000.

MunicípioIDH – RendaIDH –
Longevidade
IDH –
Educação
199120001991200019912000
x0,4310,4020,4560,5510,3280,568
y0,3740,3790,4590,5480,4220,634
z0,5010,4200,6110,6480,1880,448

Atlas do Desenvolvimento Humano no Brasil.

Mudanças desses indicadores de IDH podem ser obtidas com a implantação de políticas públicas tais como:

I. Expansão dos empregos com melhoria de renda média.

II. Ações de promoção de saúde e de prevenção de doenças

III. Ampliação de escolas de ensino básico e de educação de jovens e adultos.

Os resultados apresentados em 2000 são compatíveis com a implementação bem-sucedida em todos esses três municípios, ao longa da década de noventa, das políticas:

a) I, II e III.

b) I e II, apenas.

c) I e III, apenas.

d) II e III, apenas.

e) II, apenas.

 

 

4) (FGV-SP) As regiões brasileiras apresentam nítida diferença na distribuição do PIB segundo os setores econômicos.

Analise a tabela a seguir.

% do PIB por setor econômico

Região Primário Secundário Terciário
I 9 34 57
II 10 16 74
III 6,4 23,6 70
IV 8,2 29 62,4
V 3,2 29,4 74,4
Brasil 7 24 69

(IBGE-2013)

 

A região II, caracterizada pela maior exportação brasileira de grãos, apresenta a maior porcentagem no setor de agronegócios; também possue uma grande porcentagem no setor terciário e a menor participação na atividade industrial brasileira, apesar da expansão do setor nessa região. trata-se da região brasileira

a) Norte.

b) Nordeste.

c) Sudeste.

d) Centro-Oeste.

e) Sul.

 

 

5) População Economicamente Ativa e o IDH Brasileiro: (UFJF-MG) Segundo Herbert de Souza, o Betinho, “(…) uma ONG se defne por sua vocação política, por sua positividade política: uma entidade sem fns de lucro cujo objetivo fundamental é desenvolver uma sociedade democrática, isto é, uma sociedade fundada nos valores da democracia – liberdade, igualdade, diversidade, participação e solidariedade. (…) as ONGs são comitês da cidadania e surgiram para ajudar a construir a sociedade democrática com que todos sonham.”

Disponível em: <http://www2.abong.org.br/final/faq_pag.php?faq=12189>. Acesso em: 14 nov. 2009.

As organizações não governamentais (ONGs) fazem parte do:

a) setor primário, porque atuam contra a exploração da mão de obra rural.

b) setor secundário, porque surgiram das lutas dos sindicados dos metalúrgicos.

c) setor terciário, porque defendem o desenvolvimento econômico sustentável.

d) terceiro setor, porque que têm como objetivo gerar serviços de caráter público.

e) setor informal, porque são entidades sem fins lucrativos e de caráter voluntário.

 

As Migrações Internas no Brasil Atividades.

 

6) População Economicamente Ativa e o IDH Brasileiro: (Vunesp) Analise a sequência de mapas que expressam a evolução do IDH dos municípios brasileiros (IDHM).

Com base nos conhecimentos sobre a dinâmica social e econômica das regiões brasileiras, pode-se concluir que os mapas destacam a evolução do IDHM tomando como referência:

a) a violência.

b) a natalidade.

c) o trabalho informal.

d) a moradia.

e) a renda.

 

 

7) (USCS-SP) Não há dúvida de que a emancipação feminina foi um dos grandes fenômenos da história do século XX. Ainda existem extensas partes do globo em que esse fenômeno ainda não ocorreu. No processo de libertação das mulheres, podemos distinguir duas etapas: a primeira foi a luta para a obtenção dos mesmos direitos políticos dos homens, ou seja, a obtenção dos mesmos direitos políticos dos homens, ou seja, o direito de votar; a segunda foi a luta pela igualdade de acesso ao exercício profissional. O avanço das mulheres no campo profissional foi enorme incentivado pelo esforço de guerra e, nos últimos trinta anos, pela crescente necessidade de as famílias constarem com dois salários.

(Eric Hobsbawm. O novo século, 2000. Adaptado).

O autor analisa a história do século XX, destacando a emancipação política e econômica da mulher. Esse fenômeno social da emancipação feminina ocorreu em um quadro histórico em que se destacaram

a) a perda de importância da política no transcorrer do século e a queda generalizada dos salários.

b) a utilização do trabalho de mulheres e crianças na indústria têxtil e a constituição de sindicatos de mulheres operárias.

c) a crise dos padrões religiosos nas sociedades de massa e a dissolução dos laços familiares no mundo industrial.

d) a ascensão das mulheres ao comando dos principais partidos políticos dos países desenvolvidos e o retorno ao sistema doméstico de produção.

e) a expansão da democratização em determinados países e a necessidade de suprir, em alguns momentos, a ausência do trabalho masculino.

 

 

8) População Economicamente Ativa e o IDH Brasileiro: (FMC-SP)

Índice de Desenvolvimento Humano em alguns países O Índice de Desenvolvimento Humano é um indicador que tem como objetivo:

a) medir o coeficiente de concentração de renda em determinado grupo de países, mostrando o tamanho da desigualdade das riquezas.

b) permitir a avaliação de gestão e incorporação de práticas de responsabilidade social, planejando estratégias de monitoramento do desempenho.

c) difundir práticas de sustentabilidade aplicáveis mundialmente pelos países, priorizando aspectos econômicos, ambientais e sociais.

d) avaliar a produção contínua e sistemática de índices de preços ao consumidor, a partir de dados comerciais e de prestações de serviços.

e) analisar a situação social a e econômica dos países, considerando como o crescimento econômico foi revertido em benefícios sociais.

 

 

🔵 >>> Veja também a nossa lista completa de Questões sobre Geografia.

 

Gabarito com as respostas das questões de Geografia sobre a População Economicamente Ativa e o IDH Brasileiro:

1) c;

2) b;

3) d;

4) d;

5) d;

6) e;

7) e;

8) e;

Gostou desta lista de Exercícios? Não esqueça de compartilhar com seus amigos:

Deixe um comentário