Lista de Exercícios sobre a Estrutura e Formação da Terra

01. Estrutura e Formação da Terra: (UFPE) Assinale os itens CORRETOS e os itens ERRADOS, marcando V ou F.

( ) O estudo das ondas sísmicas e dos campos magnéticos permitiu o descobrimento e a caracterização de três importantes camadas internas da Terra: a litosfera, o manto e o núcleo.

( ) O manto envolve o núcleo terrestre, ocupa a maior parte do volume do planeta e se comporta como um fluido que se move lentamente.

( ) A crosta oceânica, uma porção da litosfera, é composta fundamentalmente por rochas graníticas e não apresenta, em suas camadas inferiores, rochas basálticas.

( ) Sob a litosfera, existe uma camada de rocha menos rígida, conhecida como astenosfera; trata-se de uma zona de baixa velocidade sobre a qual “flutuam” as placas litosféricas.

( ) O núcleo é formado basicamente por níquel e alumínio; essa camada, que produz o campo magnético do planeta, apresenta elevadas temperaturas.

( ) A litosfera acha-se dividida em blocos mais ou menos rígidos designados como “placas”; essas placas são deslocadas por correntes de convecção que se formam no manto.

 

 

02. (UFAM–2007) Em relação às camadas que formam a Terra, é INCORRETO afirmar que:

A) o SiAl é a parte mais externa da litosfera, rica em silício e magnésio.

B) no centro da Terra encontramos o NiFe, camada composta de níquel e ferro. Possui duas partes: o núcleo interno e o núcleo externo.

C) na parte externa do manto há uma região denominada astenosfera, formada de um material pastoso chamado magma.

D) a litosfera corresponde à parte sólida da Terra.

E) a crosta terrestre se divide em duas crostas, uma continental e outra oceânica.

 

 

03. A Terra possui a sua estrutura interna dividida em três camadas: litosfera, manto e núcleo terrestre. A divisão das camadas da terra, descrita no enunciado, obedece ao critério:

A) químico, cuja importância está relacionada ao conhecimento da formação do planeta e à composição química de suas camadas.

B) físico, cuja importância está relacionada ao conhecimento da estrutura da Terra e seu comportamento mecânico sob atuação de forças internas.

C) químico e físico, já que os dois critérios estão interligados e são dependentes, uma vez que o Planeta Terra ainda está em consolidação.

D) geotectônico, cuja importância está atrelada ao conhecimento das forças internas do planeta, o que auxilia na compreensão de fenômenos como terremotos e vulcanismo.

E) geotérmico, pois a partir do conhecimento da temperatura interna da Terra é possível definir, com precisão, o comportamento de sua estrutura interna.

 

 

04. Estudar o interior da Terra é uma tarefa um tanto quanto difícil, já que o homem ainda não conseguiu desenvolver instrumentos capazes de vencer as altíssimas pressões e temperaturas presentes nessa região. Como o estudo in loco não é possível, foram desenvolvidos métodos diretos e indiretos. Os métodos diretos correspondem a investigações que envolvem a observação de diferentes materiais e processos geológicos, e os indiretos baseiam-se na obtenção de dados oriundos de zonas de acesso impossível, a partir da utilização de tecnologias variadas e ainda da realização de cálculos matemáticos.

O tipo de método e sua aplicação estão adequadamente indicados em:

A) Método direto: baseia-se no estudo e na interpretação da propagação das ondas sísmicas, cujo comportamento no interior da Terra varia de acordo com a estrutura da zona que é atravessada.

B) Método direto: baseia-se no estudo de meteoritos, cuja composição pode fornecer informações sobre o material constituinte do interior da Terra, já que os cientistas acreditam que todo o nosso Sistema Solar tem uma origem comum.

C) Método indireto: corresponde à execução de sondagens que realizam grandes perfurações, onde são utilizados equipamentos com pontos de fusão muito elevados, com o intuito de perfurar as maiores profundidades possíveis.

D) Método indireto: corresponde à observação de afloramentos na superfície da Terra, embora essa ação possa fornecer alguns dados quanto à constituição interna da Terra, estes são bastante limitados, já que os afloramentos, por serem superficiais, oferecem poucas informações aos estudos.

E) Método indireto: baseia-se no estudo do material expelido pelas erupções vulcânicas, os quais podem ter sido formados a muitos quilômetros de profundidade no interior da crosta e, portanto, podem oferecer informações valiosas sobre o interior da Terra.

 

 

05. Estrutura e Formação da Terra: (UFPR–2007)Verifique a figura a seguir e identifique as camadas da Terra que ela representa e, na sequência, identifique qual das alternativas traz a associação correta dessas camadas.

camadas da terra

A) I – Núcleo interno, II – Núcleo externo, III – Manto e IV – Crosta.

B) I – Núcleo interno, II – Manto, III – Núcleo externo e IV – Crosta.

C) I – Crosta, II – Núcleo externo, III – Manto e IV – Núcleo interno.

D) I – Núcleo externo, II – Núcleo interno, III – Manto e IV – Crosta.

E) I – Crosta, II – Manto, III – Núcleo externo e IV – Núcleo Interno.

 

Lista de Exercícios sobre Fuso Horário e Cartografia.

 

06. Estrutura e Formação da Terra: (UFC-CE) A parte sólida da terra é uma camada mais ou menos rígida e que apresenta uma espessura variada.

Ela é denominada de:

A) magma.

B) troposfera.

C) litosfera.

D) criosfera.

 

 

07. (UFMG) Um estudante de Geografia, durante a elaboração de trabalho escolar que tratava do relevo brasileiro, encontrou, em um livro didático, esta definição: Planalto: relevo plano e alto, situado acima dos 1 000m de altitude, cuja formação ocorreu no Pré-Cambriano. Nesse relevo, os processos de erosão superam os de acumulação de sedimentos.

Considerando-se esse tipo de relevo, conclui-se que essa definição está:

a) CORRETA, uma vez que os planaltos, no Brasil, se situam acima dos 1 000m de altitude.

b) CORRETA, uma vez que os planaltos foram esculpidos por processos bastante antigos, que, na escala do tempo geológico, ocorreram no Pré-Cambriano.

c) INCORRETA, uma vez que atuam, nos planaltos, processos de acumulação de sedimentos, que superam os de erosão.

d) INCORRETA, uma vez que o modelado dos planaltos – ou seja, sua forma – nem sempre é plano.

 

 

08. (UFMG) Analise a figura

cadeia do himalaia, nível do mar, fossa das marianas formação da terra

Em X e Y, indicados nessa figura, estão representadas duas feições de relevo.

Com relação a essas feições, é CORRETO afirmar que:

a) X foi formada em consequência da separação de placas tectônicas e Y, em consequência da colisão delas.

b) X e Y foram formadas em consequência da separação de placas tectônicas.

c) X foi formada em consequência da colisão de placas tectônicas e Y, é resultado geomorfológico de uma zona de subducção.

d) X e Y foram formadas em consequência da colisão de placas tectônicas.

 

 

09. Estrutura e Formação da Terra: (UFMG) Analise esta figura, em que está representada, esquematicamente, a distribuição espacial de massas continentais e oceânicas – X, Y e Z – em diferentes momentos do tempo geológico:

separação, colisão e formação de um supercontinente na terra

A partir da análise feita, é INCORRETO afirmar que, nessa figura:

a) é mostrada a interação dinâmica de placas tectônicas – formadas por fragmentos da litosfera –, que

se manifesta por meio de processos de colisão e de separação.

b) estão retratadas condições dinâmicas associadas à deriva dos continentes e à expansão do assoalho oceânico.

c) é proposto que a atual distribuição de terras, oceanos e mares do planeta tem sua origem associada à fragmentação de um supercontinente.

d) é sugerido que, hoje, estão encerradas as diversas etapas evolutivas a que continentes e bacias oceânicas foram submetidos.

 

🔵 >>> Veja também a nossa lista completa de Questões sobre Geografia.

 

Gabarito com as respostas das questões de geografia sobre a Estrutura e Formação da Terra:

01. V, V, F, V, F, V;

02. A;

03. A;

04. A;

05. B;

06. C;

07. D;

08. C;

09. D

Deixe um comentário