Exercícios sobre Parasitoses

01. Parasitoses: FATEC-SP – Associe as doenças aos seus agentes causadores:

I. febre amarela a. Trypanosoma cruzi

II. maleita b. Plasmodium

III. doença de Chagas c. bacilo de Koch

IV. tuberculose d. vírus

A associação correta é:

a) I-a; II-b; III-c; IV-d

b) I-b; II-c; III-d; IV-a

c) I-d; II-b; III-a; IV-c

d) I-d; II-a; III-c; IV-b

e) I-c; II-d; III-a; IV-b

 

 

02. UFRN – O grupo constata que, na área desmatada, há uma grande quantidade de lixo despejado por moradores das proximidades, o que certamente contribui para aumentar o número de casos de ascaridíase.

Esse aumento acontece porque:

a) os vermes presentes no lixo podem ser levados pela poeira e contaminar os alimentos;

b) as larvas do helminto causador dessa doença podem contaminar a água potável e, a partir daí, infectar o homem;

c) os ovos depositados no lixo originam larvas que penetram na pele de pessoas que andem descalças por essa área;

d) os ovos do verme podem ser veiculados por insetos que têm como criadouros o próprio lixo.

 

 

03. Parasitoses: U. Uberaba-MG/Pias – Abaixo estão citadas 4 medidas profiláticas para evitar 4 doenças muito comuns no nosso país, especialmente em áreas rurais e mais carentes.

Medida 1: Adicionar cloro à água de preparo de alimentos, deixar frutos e verduras imersos em água com vinagre antes de ingerí-los.

Medida 2: Combater o inseto “barbeiro”, evitar moradias de “pau a pique” ou com condições de abrigar o barbeiro em frestas e rachaduras;

Medida 3: Combate ao caramujo Biomphalaria, não defecação no chão (ou em córregos e rios) e sim o uso de fossas sanitárias;

Medida 4: Não ingerir carne de boi ou porco mal cozida, melhorar as condições de higiene com a construção de fossas, evitando defecar no chão.

Correlacione as medidas profiláticas com as doenças para as quais são indicadas:

( ) Mal de Chagas (doença de Chagas)

( ) esquistossomose

( ) teníase

( ) cólera

A ordem correta das correlações é:

a) 2, 3, 4 e 1

b) 2, 1, 4 e 3

c) 1, 3, 2 e 4

d) 4, 3, 2 e 1

 

 

04. UFPR – A sociedade contemporânea tem testemunhado, nos últimos anos, o surgimento de novas doenças (emergentes), como a AIDS e febres hemorrágicas que são devastantes e letais, bem como o reaparecimento de outras (re-emergentes), como sarampo, tuberculose, cólera e dengue, até recentemente consideradas controladas e erradicadas. Sabedora que estes tipos de doenças representam um problema de saúde pública no mundo todo, especialmente nos países em desenvolvimento, a comunidade científica vem externando sua preocupação e buscando programas de controle mais eficientes.

É correto afirmar que, dentre os fatores que contribuem para novos surtos de doenças reemergentes, estão:

( ) Maior número de pessoas em terapias que debilitam o sistema imunológico.

( ) Condições inadequadas de saneamento básico.

( ) Melhor compreensão da evolução da virulência dos patógenos re-emergentes.

( ) Campanhas de vacinação.

( ) Desequilíbrio ecológico resultante do desmatamento.

( ) Declínio nos padrões de qualidade de vida das populações.

 

 

05. Parasitoses: UFMS – O quadro abaixo apresenta o número de novos casos de AIDS notificados anualmente no Brasil, no período considerado:

As informações contidas no gráfico permitem concluir corretamente que, no período considerado,

a) a maior taxa de variação no número de aidéticos ocorreu em 1996;

b) o número aproximado de aidéticos no país, em 1997 era de 112.000;

c) o número máximo de aidéticos ocorreu em 1996;

d) a partir de 1997, certamente caiu o número de novos casos de aidéticos;

e) a maior taxa de variação no número de aidéticos ocorreu em 1992.

 

Exercícios de Biologia sobre Microbiologia Geral.

 

06. Parasitoses: UFMT – A figura abaixo ilustra o ciclo reprodutivo do parasita Schistosoma mansoni.

Sobre esse ciclo, julgue as proposições, usando V (verdadeiro) ou F (falso)

parasitas e parasitoses questões

( ) O caramujo é o hospedeiro definitivo do parasita, uma vez que aloja a fase sexuada deste.

( ) Os miracídios produzem milhares de larvas denominadas cercárias.

( ) O combate à esquistossomose se baseia no extermínio dos moluscos e na orientação às pessoas para não ingerirem verduras cruas.

( ) O gênero do caramujo hospedeiro de Schistosoma mansoni é Biomphalaria.

 

 

07. UFBA – Considerada hoje uma das principais ameaças ao Brasil no que se refere às infecções emergentes, a dengue é uma doença difundida em todos os continentes, à exceção da Europa. É endêmica na Ásia e nas duas últimas décadas vem se disseminando pelo Brasil e registrou, no período de 1982-1994, apesar da subnotificação, 336.954 casos, segundo dados de 1996 da Fundação Nacional de Saúde.

MACHADO, p. 29

Parasitoses atividades

Com base na ilustração e considerando-se aspectos do ciclo de vida do transmissor da dengue, pode-se afirmar:

01. A transmissão da dengue, nas populações humanas, é feita pelo mosquito Aedes aegypti portador do agente etiológico específico.

02. O desenvolvimento do vírus da dengue até sua forma infectante se efetiva ao longo das fases imaturas do mosquito.

04. O agente causador da dengue é transmitido ao homem igualmente por machos e fêmeas de insetos infectados.

08. Em Aedes aegypti uma mesma pupa pode se desenvolver em macho ou fêmea, independentemente de sua constituição genética.

16. O ciclo de transmissão do vírus da dengue é assegurado pela ovoposição em águas bastante poluídas por detritos orgânicos.

32. Uma estratégia para reduzir a dengue é o controle de populações transmissoras, pela eliminação de seus criadouros, e das formas adultas.

Dê, como resposta, a soma das alternativas corretas.

 

 

08. Parasitoses: Mackenzie-SP – Assinale a alternativa que NÃO apresenta correspondência entre a doença, o agente causador e o agente transmissor.

a) febre amarela, vírus e Aedes aegypti

b) dengue, vírus e Aedes aegypti

c) malária, protozoário e Anopheles

d) elefantíase, protozoário e Culex

e) doença de Chagas, protozoário e Triatoma

 

 

09. U.E. Ponta Grossa-PR – Sobre o botulismo, assinale o que for correto.

01. A intoxicação é devida à toxina presente no alimento consumido.

02. Seu agente é o bacilo Clostridium botulinum.

04. Causa danos ao sistema nervoso e pode levar à morte.

08. Seu agente vive no solo e pode contaminar alimentos manuseados e industrializados em condições precárias de higiene.

16. É provocado pela ingestão de uma bactéria que encontra no organismo humano condições ideais para seu desenvolvimento.

Dê como resposta a soma das alternativas corretas.

 

 

10. Parasitoses: UFGO – Utilize (C) certo ou (E) errado para responder a questão.

Febre, hemoptise, dispnéia e suores noturnos… podem ser sintomas de doenças causadas por protozoários ou por bactérias. Conta-se, entre essas doenças:

( ) a malária humana, transmitida por uma bactéria, e que se caracteriza por febre, tosse e hemoptise, ou seja, hemorragias devido à ruptura de vasos pulmonares.

( ) a tuberculose, causada pelo plasmódio, que penetra nas hemácias, resultando em um quadro febril, com tremores e muita sudorese.

( ) a toxoplasmose, uma infeção provocada por um protozoário, e que pode manifestar-se por febre.

( ) o tétano, causado por um bacilo, provocando um quadro febril e dores musculares intensas.

 

🔵 >>> Veja a nossa lista completa de exercícios simulados sobre Microbiologia.

 

Gabarito com as respostas das atividades de Biologia sobre Parasitoses:

01. c; 02. d; 03. a;

04. V – V – F – F – V – V;

05. a;

06. F – V – F – V;

07. 01 + 32 = 33;

08. d;

09. 1 + 2 + 4 + 8 = 15;

10. E – E – C – C