Atividades sobre Interpretação e Gramática para o 7º Ano

Lista com 10 Atividades de Língua Portuguesa sobre Interpretação de Textos e Gramática para o 7º Ano do Ensino Fundamental com Gabarito!

O estudo da Gramática e Interpretação de Textos:

Estudar gramática pode parecer chato, mas é muito importante para entender o que as pessoas estão dizendo e escrevendo. Imagine que você está jogando um jogo de tabuleiro, mas não entende as regras, seria bem difícil jogar e se divertir, não é mesmo? A gramática apresenta as regras do jogo da língua portuguesa, sem elas, não conseguiríamos nos comunicar corretamente e entender o que as pessoas querem dizer.

Então, se você quer aprender a interpretar textos e se comunicar de forma clara, estudar gramática é essencial. Comece aos poucos, aprendendo uma regra de cada vez. E lembre-se, praticar é a chave para melhorar! Por isto preparamos esta lista com 10 Exercícios sobre Interpretação e Gramática para o 7º Ano para você poder praticar e testar seus conhecimentos.


Leia o Texto para responder as perguntas:

A aula da minha mãe, nada de bagunça

Nunca entendi por que há quem não goste de ter aula com a própria mãe. No meu caso, a experiência foi muito bacana. Lembro-me até hoje de um dia em que ela apagou as luzes da sala e narrou para nós, então na quinta série, os rituais de mumificação do antigo Egito. Deu calafrio em todo mundo, e fiquei com o maior orgulho quando meus colegas disseram ter adorado a aula. O chato era quando ela dava bronca nos meus amigos e eu ficava preocupado, com medo de alguém não gostar dela. Prestava atenção na sala, enquanto ela falava, tentando decifrar os rostos atentos. Para mim, qualquer risadinha era uma ofensa pessoal. Cobrar que meus colegas respeitassem minha mãe acabou me ensinando desde cedo a respeitar os outros professores. Poderiam ser meus pais… Ser filho de professor, ainda mais na pré-adolescência, foi também uma maneira de estar por dentro das coisas. Os outros professores às vezes jantavam em casa e eu ficava sabendo, de um jeito ou de outro, das histórias dos bastidores da escola. Eu me sentia especial. Não tinha um funcionário que não me conhecesse, no colégio. O duro foi me acostumar a ser só mais um aluno, quando entrei na faculdade! No mercado de trabalho, então…
Folhauol

Atividades sobre Interpretação de texto para o Ensino Fundamental:

Atividade 01. O autor:

(A) defende o comportamento dos estudantes bagunceiros.
(B) tem orgulho de sua experiência como filho de professora.
(C) critica os funcionários de escola que tratam os filhos de professores de forma diferente.
(D) mostra que a experiência de ser aluno dos pais pode trazer consequências negativas para a vida adulta.


Atividade 02. Ter sido aluno da própria mãe foi essencial para que o autor aprendesse a :

(A) respeitar os professores de modo geral.
(B) não ser apenas mais um aluno entre os demais.
(C) valorizar o relacionamento com os funcionários.
(D) obter informações sobre os bastidores da vida da escola.


Atividade 03. O enunciado em que o autor cita uma desvantagem em relação à experiência narrada é:

(A) “Deu calafrio em todo mundo, e fiquei com o maior orgulho quando meus colegas disseram ter adorado a aula”.

(B) “Ser filho de professor, ainda mais na pré-adolescência, foi também uma maneira de estar por dentro das coisas”.

(C) “O chato era quando ela dava bronca nos meus amigos e eu ficava preocupado, com medo de alguém não gostar dela”.

(D) “Os outros professores às vezes jantavam em casa, e eu ficava sabendo, de um jeito ou de outro, das histórias dos bastidores da escola”.


Atividade 04. Em “Prestava atenção na sala, enquanto ela falava, tentando decifrar os rostos atentos”, a palavra “atentos” significa:

(A) inseguros.
(B) relaxados.
(C) cuidadosos.
(D) concentrados.


Atividade 05. Releia o enunciado abaixo: “O duro foi me acostumar a ser só mais um aluno, quando entrei na faculdade! No mercado de trabalho, então…” A frase que poderia substituir as reticências, sem prejuízo do sentido, é:

(A) foi menos difícil ser apenas mais um entre tantos.
(B) foi ainda mais difícil ser apenas mais um entre tantos.
(C) foi muito fácil ser só um desconhecido entre tantos outros.
(D) foi mais simples ser um desconhecido entre tantos outros.


Atividade 06. Em “No meu caso, a experiência foi muito bacana”, a palavra “bacana” tem a função sintática de:

(A) sujeito.
(B) objeto direto.
(C) predicativo do sujeito.
(D) complemento nominal.


Atividade 07. A única palavra que não apresenta dígrafo é:

(A) “orgulho”.
(B) “alguém”.
(C) “calafrio”.
(D) “risadinha”.


Atividade 08. Em relação ao sistema ortográfico do português, é incorreto afirmar que:

(A) há um hiato na palavra “rituais”.
(B) na palavra “risadinha” a letra s representa o fonema /z/.
(C) a divisão silábica da palavra “preocupado” é preo-cu-pa-do.
(D) as palavras “própria”, “série” e “colégio” são acentuadas pela mesma razão.


Atividade 09. Em “Eu me sentia especial. Não tinha um funcionário que não me conhecesse, no colégio”, as palavras sublinhadas são, respectivamente:

(A) verbo, substantivo, advérbio.
(B) adjetivo, substantivo, advérbio.
(C) advérbio, substantivo, advérbio.
(D) substantivo, substantivo, pronome.


Atividade 10. No enunciado “Cobrar que meus colegas respeitassem minha mãe acabou me ensinando desde cedo a respeitar os outros professores”, a palavra destacada não recebeu o sinal indicativo de crase porque:

(A) não é uma preposição.
(B) a palavra seguinte é um verbo.
(C) só ocorre crase diante de palavra feminina.
(D) está subentendida a expressão “à moda de”.

Gabarito com as respostas da lista de Atividades sobre Interpretação e Gramática para o 7º Ano do Ensino Fundamental:

01. B;
02. C;
03. C;
04. D;
05. B;
06. D;
07. C;
08. C;
09. B;
10. C;

Encontrou um erro nas questões ou no Gabarito? Avise-nos através do email: [email protected]

Deixe um comentário