Nutrição e Digestão Animal Simulado com Respostas – Parte 02

11. UFRGS-RS. Nutrição e Digestão Animal:

Comparando-se o sistema digestório dos mamíferos herbívoros – como, por exemplo, a cabra – com o sistema digestório dos mamíferos carnívoros, observa-se geralmente:

a) presença de maior número de dentes e de rúmen.

b) presença de dentes mais aplanados e de rúmen.

c) presença de menor número de dentes e ausência de estômago.

d) presença de dentes mais pontiagudos e de estômago.

e) presença de dentes mais escuros e ausência de rúmen.

 

 

12. PUC-MG

A seguir estão representados os tubos digestórios de dois diferentes animais.

De acordo com seus conhecimentos sobre nutrição e sistemas digestórios de vertebrados, é incorreto afirmar:

a) A digestão de proteínas, de origem animal ou vegetal, inicia-se no estômago e deve terminar no intestino delgado, onde ocorre a absorção dos aminoácidos.

b) No intestino grosso dos dois animais, ocorre reabsorção de água e de alguns sais.

c) O grande tamanho do ceco do herbívoro, quando comparado ao do carnívoro, relaciona-se com o aproveitamento da celulose.

d) Devido à grande quantidade de fibras vegetais na sua dieta, os herbívoros representados são ruminantes.

 

 

13. Fameca-SP. Nutrição e Digestão Animal:

Quando se comparam peixes herbívoros e carnívoros do mesmo porte e encontrados no mesmo ambiente, observa-se, com relação ao sistema digestório, que:

a) nos carnívoros o fígado é bem maior.

b) os carnívoros têm cloaca, os herbívoros não.

c) o tubo digestório dos herbívoros é bem mais longo que o dos carnívoros.

d) nos herbívoros o pâncreas é apenas residual.

e) os carnívoros apresentam glândulas salivares.

 

 

14. UFPE (modificado)

Na questão a seguir, escreva nos parênteses a letra (V) se a afirmativa for verdadeira ou (F) se for falsa. Tendo a figura como um elemento ilustrador, analise as proposições apresentadas com relação à digestão nos ruminantes.

()Os ruminantes, entre os quais citamos bois e cabras, durante várias horas do dia apenas cortam os vegetais e os engolem sem mastigação. ) Na primeira câmara estomacal (rúmen), que funciona como armazenadora, ocorre uma intensa fermentação, proporcionada por uma abundante flora bacteriana.

() Pouco a pouco, o alimento passa para a segunda câmara (retículo), onde é compactado em massas mais ou menos esféricas, que voltam à boca e só então são demoradamente mastigadas.

() Numa segunda deglutição, passa diretamente para a terceira câmara (omaso ou folhoso), onde ocorre ainda a trituração do alimento por ação da musculatura e absorção de água.

( ) A quarta e última câmara do estômago é o abomaso, ou coagulador, que produz enzimas digestivas e se comporta como um estômago verdadeiro, pois produz suco gástrico, que faz a digestão final do alimento e também dos microrganismos existentes na massa alimentar.

 

 

15. Cesgranrio-RJ. Nutrição e Digestão Animal:

Os ruminantes (bois, búfalos, carneiros, cabras, camelos, girafas e veados) são capazes de digerir a celulose e o homem não. Explique o que ocorre na digestão dos ruminantes.

 

Fisiologia – Nutrientes Simulado com Respostas.

 

16. UFMG

Nutrição e Digestão

a) a integração com microrganismos para a obtenção de energia é fundamental para o animal A.

b) o animal A é um consumidor primário.

c) O animal B pode pertencer ao ao terceiro nível trófico.

d) O animal B possui estruturas especializadas para matar e dilacerar suas presas.

e) Os animais A e B apresentam relação de competição por alimento.

 

 

17. FCM-MG. Nutrição e Digestão Animal:

Em animais herbívoros ruminantes, a obtenção de glicose dos alimentos se torna mais viável, desde que:

a) haja bastante água no tubo digestório para amolecer

o alimento antes da digestão propriamente dita.

b) bactérias e protozoários que vivem em seus estômagos produzam enzimas para a digestão de celulose.

c) o peristaltismo dos diversos compartimentos gástricos triturem corretamente os componentes do bolo alimentar.

d) a saliva durante a ruminação contenha abundante amilase.

e) os ácidos graxos sejam convenientemente lisados ao nível intestinal.

 

 

18. UFRN. Nutrição e Digestão Animal:

O uso indiscriminado de antibióticos na ração do gado bovino pode comprometer a digestão de:

a) aminoácido, no intestino delgado.

b) quimo, no folhoso e no coagulador.

c) celulose, no rúmen e no barrete.

d) proteínas, no pró-ventrículo.

 

 

19. UFU-MG

O rúmen ou pança dos ruminantes e o ceco dos roedores são estruturas que se assemelham funcionalmente porque:

a) ambos possuem a enzima pepsina, que transforma as proteínas em unidades menores.

b) ambos secretam HCl, que, ao longo do tubo digestório, irá ativar as enzimas inativas.

c) ambos possuem microrganismos que secretam enzimas para a digestão de celulose.

d) suas mucosas secretam a enzima celulase, que atua na digestão da celulose.

e) ambos possuem pH ótimo para a ação da tripsina sobre a digestão da celulose.

 

 

20. UFPE (modificado). Nutrição e Digestão Animal:

Com base nos seus conhecimentos sobre o processo digestivo dos animais, assinale a alternativa incorreta.

a) Rúmen, retículo, omaso e abomaso são os compartimentos do estômago dos ruminantes.

b) Animais como cabras, carneiros, bois, veados e girafas apresentam estômago do tipo ilustrado acima.

c) No rúmen, existe uma grande população de microrganismos produtores de celulase.

d) É no intestino que o alimento começa a ser transformado.

e) O abomaso é o verdadeiro estômago, pois é o único compartimento que secreta enzimas.

 

 

Veja também a segunda parte desta lista de exercícios.

 

Confira a lista completa de exercícios sobre Fisiologia.

 

Gabarito com as respostas do simulado sobre Nutrição e Digestão Animal:

11. B;

12 . D;

13. C;

14. V, V, V, V, V;

 

15. O alimento, parcialmente mastigado, é deglutido e vai para a pança ou rúmen e depois para o retículo ou barrete. Nessas câmaras, sofre a ação de bactérias e protozoários ciliados, fermentadores de celulose. Do retículo o alimento é devolvido à boca e remastigado (ruminação). Novamente deglutido, passa pelo rúmen e vai ao omaso ou folhoso, que absorve água, e depois ao abomaso ou coagulador, que produz enzimas digestivas, principalmente proteases, e se comporta como o estômago verdadeiro. Finalmente, o alimento segue para o intestino delgado, onde, em linhas gerais, a digestão tem as mesmas etapas que nos demais mamíferos. Além das substâncias resultantes da fermentação da celulose, que suprem mais de 90% de suas necessidades energéticas, os ruminantes aproveitam, também, as proteínas e vitaminas sintetizadas pelos microrganismos.

 

16. E;

17. B;

18. C;

19. C;

20. D

Gostou desta lista de Exercícios? Não esqueça de compartilhar com seus amigos:

Deixe um comentário