Exercícios sobre Recursos Energéticos

01. Recursos Energéticos: (UEM-PR–2009) Sobre a matriz energética brasileira, assinale o que for CORRETO:

01. A Usina Hidrelétrica de Itaipu atende a menos de um terço das necessidades de energia elétrica do Brasil, enquanto no Paraguai ela é responsável por mais de 90% da demanda.

02. O Programa Nacional do Álcool (Proálcool) surgiu após o primeiro choque do petróleo, na década de 1970.

04. O setor de transporte, tendo em vista o modelo rodoviário que prevalece no país, é um baixo consumidor de energia.

08. No Brasil, as principais fontes de energia utilizadas são a hidráulica e a fóssil, esta última representada pelo petróleo.

16. As três usinas nucleares em funcionamento no Brasil, Angra I, Angra II e Angra III, empregam tecnologia ultrapassada e apresentam problemas de destinação dos resíduos radioativos.

Soma ( )

 

 

02. (UFSCar-SP–2009) O gráfico compara as diferentes matrizes de oferta de energia no Brasil, nos países membros da Organização para Cooperação e Desenvolvimento Econômico (OCDE) e no mundo. Analise-o e, em seguida, considere as quatro afirmações seguintes.

Matriz de oferta de energia em 2007 (%)

MINISTÉRIO DAS MINAS E ENERGIA. Energia 2007. Resultados Preliminares. Disponível em: <www.mme.gov.br>. Acesso em: 31 jul. 2008.

I. A participação das fontes de energia renováveis representa cerca de pouco mais de 12% no mundo. Já no Brasil, elas representam pouco menos que a metade da oferta de energia.

II. Parte considerável da biomassa consumida no Brasil destina-se ao setor de transportes. Esse consumo deve ser ampliado nos próximos anos, com a substituição de parte do diesel proveniente do petróleo por biocombustíveis.

III. A queima do petróleo e do carvão mineral apresenta menores emissões de gases estufa do que a queima de biomassa e gás natural, demonstrando que os países da OCDE estão mais próximos de cumprir as metas do Protocolo de Kyoto.

IV. Há um forte desequilíbrio no consumo de energia, visto que os 30 países membros da OCDE, considerados ricos, consomem quase metade dos recursos energéticos mundiais.

A análise do gráfico e seus conhecimentos sobre o tema permitem afirmar que estão CORRETAS as afirmações:

A) I, II, III e IV.

B) I, II e III, apenas.

C) I, II e IV, apenas.

D) I e III, apenas.

E) II e IV, apenas.

 

 

03. Recursos Energéticos: (UFMG) Analise este gráfico:

Estágio de desenvolvimento de grupos humanos e consumo diário per capita de energia

CORDANI, U. G.; TAIOLI, F. A Terra, a humanidade e o desenvolvimento sustentável. In: TEIXEIRA, W.; TOLEDO, M. C. M. de; FAIRCHILD, T. R.; TAIOLI, F. (org.). Decifrando a Terra. São Paulo: Oficina de Textos, 2001. cap. 24. p. 519. (Adaptação).

A partir da análise desse gráfico e de outros conhecimentos sobre o assunto, é INCORRETO afirmar que:

A) a modesta incorporação de novas tecnologias pela atividade de alimentação, desde os estágios iniciais de desenvolvimento da humanidade, resulta da capacidade do setor de empregar novos meios de produção, em detrimento de técnicas de alto consumo de energia.

B) a agricultura, que tradicionalmente compõe a matriz das atividades humanas, vem consumindo consideravelmente mais energia desde sua condição primitiva, à medida que aumenta sua interdependência com a atividade industrial.

C) a significativa expansão das atividades de transporte, notadamente a partir do estágio industrial, comprova o adensamento das redes de comunicação e atesta a intensificação dos fluxos de pessoas e mercadorias no mundo contemporâneo.

D) a população que atingiu o estágio de desenvolvimento tecnológico consome cerca de três vezes mais energia por habitante que a do estágio industrial, em que parte considerável da energia era gasta nas atividades de moradia e comércio.

 

 

04. Recursos Energéticos: (USP–2009) Observe o gráfico a seguir:

Oferta interna de energia – Brasil e mundo – 2005

Balanço Energético Nacional, Ministério de Minas e Energia Com base nos seus conhecimentos e no gráfco, assinale a alternativa CORRETA.

A) A maior parte da oferta de energia no Brasil é proveniente de fontes renováveis, com reduzida participação dos combustíveis fósseis.

B) A participação dos combustíveis provenientes de fontes renováveis é mais expressiva no restante do mundo do que no Brasil.

C) A participação das fontes renováveis é majoritária mundialmente, com destaque para a biomassa e a hidreletricidade.

D) A participação do carvão mineral na oferta interna de energia do Brasil é maior do que no restante do mundo.

E) Os combustíveis fósseis representam mais de 50% da oferta de energia, tanto no Brasil quanto no mundo.

 

 

05. Recursos Energéticos: (FGV-SP–2010) Analise a evolução da matriz energética brasileira (1970 e 2005) e assinale a alternativa CORRETA.

A) Ao diversificar-se, entre 1970 e 2005, a matriz energética tornou-se mais renovável.

B) A diminuição do uso de biomassa primária (lenha e carvão vegetal) pode indicar modernização da matriz energética e melhoria das condições de vida da população rural.

C) A diminuição de 16% para 15% da participação da energia hidráulica indica o esgotamento da capacidade hidrelétrica dos rios brasileiros.

D) O aumento de apenas 6% na participação do petróleo é reflexo de um fraco crescimento econômico no período em questão.

E) A diversificação da matriz é resultado do risco de esgotamento das fontes tradicionais de energia.

 

Exercícios de Geografia sobre o Regionalismo Brasileiro.

 

06. Recursos Energéticos: (UFBA–2010) O aumento da demanda prevista para as próximas décadas e a urgente necessidade de agregar fontes limpas de energia à matriz energética mundial, além da eventual substituição das fontes emissoras de gases de efeito estufa, estão inseridos na perspectiva da revitalização da economia com base em grandes investimentos em pesquisa e desenvolvimento tecnológico no setor de energia renovável.

A partir das informações e dos conhecimentos sobre a crise energética e as possíveis alternativas para substituição do combustível fóssil, pode-se afirmar:

01. A demanda por energia pode continuar crescendo nas próximas décadas e tal tendência deverá aumentar ainda mais a temperatura global do planeta.

02. O carvão, o petróleo e o gás natural são responsáveis pela maior parte das necessidades energéticas da Terra, contudo emitem grande parte do dióxido de carbono e outros gases associados ao efeito estufa.

04. As energias solar, eólica, hidráulica e do mar são fontes alternativas renováveis e limpas, sendo a maior parte desses recursos relacionados aos efeitos da radiação solar.

08. As correntes de maré são de baixa importância e magnitude, não sendo apropriadas para a exploração de energia, especialmente nas desembocaduras em forma de estuários.

16. A China e a Índia, mesmo possuindo um quinto da população do planeta, não devem alterar a matriz energética mundial, em razão da baixa produtividade de extensas áreas de seus imensos territórios.

32. O Brasil, um dos poucos países a controlar todo o processo de produção de combustível para usinas nucleares, domina o processo de enriquecimento e possui grandes reservas confirmadas de urânio.

Soma ( )

 

 

07. (UFPEL-RS) A energia move o mundo. As fontes de energia podem ser divididas em renováveis e não renováveis, primárias e secundárias. Com base nas informações anteriores e em seus conhecimentos, é CORRETO afirmar que:

A) o petróleo, principal fonte energética da Revolução Industrial, impulsionou o movimento da economia, através da indústria automobilística, sendo uma fonte de energia renovável.

B) o carvão mineral, fonte de energia básica da Segunda Revolução Industrial, entre os combustíveis fósseis, é o menos abundante no Brasil, apesar de ser muito utilizado em nosso país.

C) as hidrelétricas não apresentam nenhum inconveniente para o meio ambiente, sendo bastante viáveis, por sua construção ser de baixo custo, por serem totalmente naturais e por não emitirem poluentes.

D) a energia nuclear é produzida através de reatores nucleares, que produzem energia térmica por fissão (quebra do átomo de urânio ou de tório), não apresentando riscos de contaminação ambiental.

E) o gás natural, um recurso esgotável que requer altos custos na construção de gasômetros e na utilização de metaneiros, tem influência na formação de chuvas ácidas e na alteração climática.

 

 

08. Recursos Energéticos: (FUVEST-SP–2007) Analise o mapa e as frases sobre o sistema elétrico.

Fonte: THÉRY; MELLO. Atlas do Brasil, 2005.

 

I. No Brasil, apesar de a maior parte da produção de energia elétrica ser originária de hidrelétricas, cerca de metade de seu território utiliza, predominantemente, energia produzida por termelétricas.

II. O Brasil apresenta vastas áreas ainda não interligadas ao sistema elétrico, pois a tecnologia para se transportar energia entre grandes distâncias é ainda pouco conhecida no país.

III. O aproveitamento hidrelétrico está próximo de seu limite nas principais regiões consumidoras do Brasil, o que fez aumentar, a cada ano da última década, a geração de energia elétrica por fontes alternativas, como a nuclear e a de carvão.

Está CORRETO o que se afirma em:

A) I, apenas. D) II e III, apenas.

B) II, apenas. E) I, II e III.

C) I e III, apenas.

 

 

09. Recursos Energéticos: (Enem–2008) O potencial brasileiro para gerar energia a partir da biomassa não se limita a uma ampliação do Proálcool. O país pode substituir o óleo diesel de petróleo por grande variedade de óleos vegetais e explorar a alta produtividade das florestas tropicais plantadas. Além da  produção de celulose, a utilização da biomassa permite a geração de energia elétrica por meio de termelétricas a lenha, carvão vegetal ou gás de madeira, com elevado rendimento e baixo custo. Cerca de 30% do território brasileiro é constituído por terras impróprias para a agricultura, mas aptas à exploração florestal. A utilização de metade dessa área, ou seja, de 120 milhões de hectares, para a formação de florestas energéticas, permitiria produção sustentada do equivalente a cerca de 5 bilhões de barris de petróleo por ano, mais que o  dobro do que produz a Arábia Saudita atualmente.

VIDAL, José Walter Bautista. Desafios Internacionais para o século XXI. Seminário da Comissão de Relações Exteriores e de Defesa Nacional da Câmara dos Deputados, ago. 2002. (Adaptação).

Para o Brasil, as vantagens da produção de energia a partir da biomassa incluem:

A) implantação de florestas energéticas em todas as regiões brasileiras com igual custo ambiental e econômico.

B) substituição integral, por biodiesel, de todos os combustíveis fósseis derivados do petróleo.

C) formação de florestas energéticas em terras impróprias para a agricultura.

D) importação de biodiesel de países tropicais, em que a produtividade das florestas seja mais alta.

E) regeneração das florestas nativas em biomas modificados pelo homem, como o Cerrado e a Mata Atlântica.

 

 

10. Recursos Energéticos: (Enem–2009) Com a perspectiva do desaparecimento das geleiras no Polo Norte, grandes reservas de petróleo e minérios, hoje inacessíveis, poderão ser exploradas. E já atiçam a cobiça das potências.

KOPP, D. Guerra Fria sobre o Ártico. Le monde diplomatique Brasil. Setembro, n. 2, 2007. (Adaptação).

No cenário de que trata o texto, a exploração de jazidas de petróleo, bem como de minérios – diamante, ouro, prata, cobre, chumbo, zinco – torna-se atraente não só em função de seu formidável potencial, mas também por:

A) situar-se em uma zona geopolítica mais estável que o Oriente Médio.

B) possibilitar o povoamento de uma região pouco habitada, além de promover seu desenvolvimento econômico.

C) garantir, aos países em desenvolvimento, acesso a matérias-primas e energia, necessárias ao crescimento econômico.

D) contribuir para a redução da poluição em áreas ambientalmente já degradadas devido ao grande volume da produção industrial, como ocorreu na Europa.

E) promover a participação dos combustíveis  fósseis na matriz energética mundial, dominada,majoritariamente, pelas fontes renováveis, de maior custo.

 

🔵 >>> Veja também a nossa lista completa de Questões sobre Geografia.

 

Gabarito com as respostas das atividades de Geografia sobre Recursos Energéticos:

01. Soma = 11

02. C; 03. A; 04. E; 05. B;

06. Soma = 39

07. E; 08. A; 09. C; 10. A