Exercícios sobre a Idade Moderna Século XVII

01. Idade Moderna Século XVII: UFMG – São fatores associados à construção da Modernidade e à expansão do capitalismo na Europa entre os séculos XIV e XVII:

I. as ideias de Calvino na Reforma Protestante, as quais ajustavam-se aos planos de enriquecimento da burguesia, ao afirmar que a riqueza material era sinal da graça divina e não mais pecado ou usura, favorecendo os que investiam e queriam lucros crescentes nos negócios

II. a formação do Estado nacional, no qual a burocracia e o exército asseguravam a unidade político administrativa , fundamentais para que os reis e a burguesia agilizassem o comércio e as transações financeiras, diminuindo os poderes do clero e da nobreza;

III. os cercamentos, política de expansão das áreas produtivas, nas quais os camponeses passariam a usar novas técnicas, e o fortalecimento das corporações de oficio, responsáveis pela exploração dos artesãos e pelo surgimento da mais-valia;

IV. a eclosão de movimentos culturais, artísticos, literários e científicos, durante a Renascença, incorporando a grande massa da população à cultura letrada e ao progresso da ciência, em contraposição à ignorância e obscuridade da Idade Média.

Assinale a alternativa correta.

a) III e IV são corretas. b) I e II são corretas. c) II e III são corretas. d) I e IV são corretas.

 

 

02. UFPR

“… eles levaram adiante seus desígnios e se puseram a usar de violência. esquecendo sua promessa, saquearam e atacaram como cães furiosos…”

DUPAQUIER, J. e LACHIVER, M. Les Temps Modernes. Paris: Bordas, 1970, p. 49. Apud: AQUINO, R. S. L. de. et alii. História das Sociedades: das sociedades modernas às sociedades atuais. Rio de Janeiro: Ao Livro Técnico, 1988, p. 82.

Com essas palavras, Martinho Lutero condenava as revoltas camponesas no Sacro Império Romano-Germânico, iniciadas em 1524. Esse movimento na região da Alemanha pode ser associado: (Coloque V para as questões verdadeiras e F para as falsas.)

( ) à sujeição econômica que os mosteiros e bispados impunham às populações rurais e urbanas do Sacro Império Romano-Germânico;

( ) ao interesse da nobreza alemã em se apropriar das grandes propriedades fundiárias da Igreja católica no Sacro Império Romano-Germânico;

( ) à aliança estabelecida entre os camponeses e os senhores feudais, visando a transferência dos direitos de propriedade da terra aos habitantes do campo;

( ) à aliança feita entre Martinho Lutero e o imperador Carlos V, através da Liga de Smalkalde (1531 – 1547), para combater os camponeses;

( ) ao fato de Martinho Lutero renegar suas próprias ideias perante a Dieta de Worms em 1521, convocada pelo Imperador;

( ) ao reforço da autoridade da nobreza alemã trazida pela Paz de Augsburgo (1555), quando se estabeleceu o direito dos senhores imporem a sua religião aos habitantes dos seus domínios e se reconheceu a existência da Igreja Luterana na Alemanha.

 

 

03. Idade Moderna Século XVII: Unifor-CE – Considere os textos abaixo.

I. O renascimento comercial reativou o intercâmbio cultural entre o Ocidente e Oriente.

II. A ascensão social e econômica da burguesia propiciava apoio e financiamento ao desenvolvimento da nova cultura.

III. O aperfeiçoamento da imprensa teve importância no século XVI. Na verdade não pode ser considerado um fator direto, pois, embora seja uma inovação de capital importância para a humanidade, seus efeitos só se fizeram sentir no último século desse movimento.

Eles referem-se a:

a) resultados das ideias Iluministas;

b) causas que deram origem à Reforma;

c) fatores que geraram o Renascimento;

d) fatores que implementaram o Absolutismo;

e) consequências do Despotismo Esclarecido.

 

 

04. F.M. Itajubá-MG – A formação das monarquias nacionais, na Europa, nos séculos XIV e XV, teve como condições as seguintes, exceto:

a) A crise do feudalismo.

b) O enfraquecimento dos poderes locais da nobreza.

c) A necessidade de recorrer ao rei, como articulador da aristocracia contra as massas.

d) O desenvolvimento social e urbano, que exigia uma unificação nacional.

e) A falta da tradição de hereditariedade do poder real.

 

 

05.Idade Moderna Século XVII: U.E. Maringá-PR – Sobre o mercantilismo, assinale o que for correto.

01. As práticas mercantilistas foram uniformes nos países europeus ao longo dos séculos XVI e XVII, o que lhes possibilitou um crescimento econômico homogêneo.

02. O mercantilismo, diferentemente da fisiocracia, não nasceu como escola. Resultou do confronto de escolas, princípios e teorias.

04. Entre seus objetivos destaca-se a busca da riqueza nacional – do Estado e de seus súditos.

08. Entre seus interesses está a defesa do Estado nacional contra o internacionalismo presente na filosofia e na prática política do período medieval.

16. Alguns teóricos mercantilistas afirmavam que a felicidade do homem estava na riqueza, e a riqueza, no trabalho.

Dê, como resposta, a soma das alternativas corretas.

 

Exercícios sobre a Idade Moderna Século XVIII.

 

06. Idade Moderna Século XVII: FATEC-SP – Cinquecento foi o período de plena maturidade do Renascimento na Europa. São autores expressivos dessa fase na literatura (política ou não), na pintura e na ciência, respectivamente:

a) Dante Alighieri (1265-1321), Maquiavel (1469-1527), e Sandro Botticelli (1444/ 5-1510).

b) Dante Alighieri (1265-1321), Giotti de Bondone (1266-1327) e Nicolau Copérnico (1473-1543).

c) Maquiavel (1469-1527), Leonardo da Vinci (1452-1519) e Nicolau Copérnico (1473-1543).

d) Maquiavel (1469-1527), Nicolau Copérnico (1473-1543) e Francis Bacon (1561-1657).

e) Maquiavel (1469-1527), Dante Alighieri (1265-1321) e Giotti de Bondone (1266-1327).

 

 

07. UFGO-PS

“A consciência da oposição entre “antigo” e “moderno” e, com ela, a formação de um conceito de modernidade surgiram durante o século XVI, com o Renascimento. À visão religiosa do mundo feudal começa a contrapor-se uma outra secular, laica. Tal mudança coloca o homem no centro do universo (antropocentrismo), abrindo novas perspectivas para o pensamento político e religioso, assim como para o desenvolvimento das ciências.”

Assinale, a seguir, os fatos que caracterizam a Idade Moderna, colocando (C) para as certas e (E) para as erradas.

( ) Os dogmas religiosos do catolicismo perdem o monopólio da explicação do mundo, e o método experimental passa a ser valorizado como meio de acesso ao conhecimento da realidade.

( ) O Renascimento europeu corresponde à era das grandes navegações e das conquistas, contudo tem como contrapartida, no processo de colonização do Novo Mundo, o massacre de civilizações avançadas (inca, asteca, etc.).

( ) A formação do Estado Moderno está relacionada com o fortalecimento da nobreza feudal que, aliada à Igreja, funda uma nova ordem política, baseada na centralização do poder.

( ) A Reforma promove uma profunda revisão religiosa e política na sociedade europeia do século XVI, marcando a passagem do mundo feudal para o mundo moderno.

 

 

08. Idade Moderna Século XVII: UFPE – Sobre as guerras e revoltas que fortaleceram a formação dos Estados Modernos europeus, relacione as colunas abaixo.

1. Portugal ( ) Guerra das Duas Rosas

2. Espanha ( ) Guerra dos Cem Anos

3. Inglaterra ( ) Guerra da Reconquista

4. França ( ) Revolução de Avis

A sequência correta é:

a) 1,4,2, e 3 b) 3,4,1 e 2 c) 3,4,2 e 1 d) 2,1,4 e 3 e) 1,4,3 e 2

 

 

09. UFCE – O Calvinismo se destacou dentre as demais correntes protestantes, uma vez que defendia:

a) a valorização do próprio trabalho como um serviço de Deus, que legitimava os anseios da burguesia.

b) a condenação ao individualismo, como uma reação aos ideais burgueses, que ameaçavam a difusão das ideias reformistas.

c) a concepção de combate à burguesia, que se manifestava favorável à usura e ao controle dos gastos.

d) o misticismo e a vida de reclusão em mosteiros, valorizando uma religiosidade apolítica.

e) a desagregação dos ideais de fraternidade e respeito ao próximo, afim de garantir a força da liberdade individual.

 

 

10. Idade Moderna Século XVII: UFRN – No século XVI, surgiu, na Europa, um movimento de caráter religioso, político e econômico que deu origem à Reforma Protestante, iniciada como uma reação à(ao):

a) progresso do capitalismo comercial, que preconizava o lucro e estimulava o desenvolvimento das atividades mercantis, condenados pela Igreja Católica.

b) crise da Igreja Católica, que se manifestava através da vida desregrada, do luxo do alto clero, da venda de cargos eclesiásticos e de relíquias sagradas.

c) teoria religiosa católica, que estava alicerçada na predestinação absoluta, na salvação pela fé e no livre exame da Bíblia.

d) fortalecimento do Estado Nacional Absolutista, cuja consolidação representava o apoio à teoria da supremacia e do universalismo do poder papal.

 

🔵 >>> Confira todas as nossas questões sobre a História Mundial.

 

Gabarito com as respostas das questões de História do Mundial sobre Idade Moderna Século XVII:

01. b;

02. V – V – F – F – F – V;

03. c; 04. e;

05. 02 + 04 + 08 + 16 = 30;

06. c;

07. C – C – E – C;

08. c; 09. a; 10. b