Mercantilismo Questões com Gabarito para Enem

01. Mercantilismo: (FGV) Leia atentamente as afirmações abaixo, sobre mercantilismo, e assinale a alternativa correta.

I. São característica essenciais do mercantilismo: o monopólio, o protecionismo e a balança comercial favorável.
II. O objetivo fundamental do mercantilismo, como política de acumulação de capitais, é a livre concorrência sem a intervenção do Estado-nação.
III. As medidas da política econômica mercantilista foram idênticas em todos os países da Europa durante os séculos XVI, XVII e XVIII.
IV. pacto colonial está no contexto das práticas mercantilistas.
V. O insucesso da política mercantilista expressa-se pela permanência da política bulionista por três séculos.

a) Apenas I e III estão corretas.
b) Apenas II e IV estão corretas.
c) Apenas II e V estão corretas.
d) Apenas III e V estão corretas.
e) Apenas I e IV estão corretas.


02. (UERJ) Balança fecha com déficit de US$ 315 milhões. O governo está comemorando o déficit de US$ 315 milhões na balança comercial do mês passado, bem abaixo do saldo negativo de US$ 811 milhões registrado em julho. (O GLOBO, 02 set. 1997.)

A notícia acima identifica uma preocupação do governo em obter um saldo positivo nas correntes de comércio. Essa preocupação, no entanto, não é nova.
Na Idade Moderna – séculos XV ao XVIII, a formulação da ideia de uma balança favorável era decorrente das práticas econômicas ligadas ao:

a) mercantilismo.
b) fsiocratismo.
c) cameralismo.
d) metalismo.


03. (UFRJ) “A Metrópole, por isso que é mãe, deve prestar às colônias suas filhas todos os bons ofícios e socorros necessários para a defesa e segurança das suas vidas e dos seus bens (…). Estes benefícios pedem iguais recompensas e, ainda, alguns justos sacrifícios; e, por isso é necessário que as colônias também, da sua parte, sofram: 1) que só possam comerciar diretamente com a Metrópole, excluída toda e qualquer outra nação, ainda que lhes faça um comércio mais vantajoso; (…) Desta sorte, os justos interesses e as relativas dependências mutuamente serão ligadas.” (COUTINHO, J. J. da Cunha Azeredo. Ensaio sobre o Comércio
de Portugal e suas Colônias, 1816.)

A empresa que se organiza como parte integrante do Sistema Colonial português na Época Moderna tem como base os elementos da política econômica mercantilista, entre os quais se encontra o monopólio comercial.
a) Identifique duas características da empresa colonial portuguesa na Época Moderna.
b) Explique a função do monopólio comercial no sistema colonial da época mercantilista.


04. (UFRJ)”…se é de globo mundo que se trata e de império e rendimentos que impérios dão, faz o infante D. Henrique fraca figura comparado com este D. João, quinto já se sabe de seu nome na tabela dos reis, sentado numa cadeira de braços de pausanto, para mais comodamente estar e assim com outro sossego atender ao guarda livros que vai escriturando no rol os bens e as riquezas, de Macau as sedas, os estofos, as porcelanas, os laçados, o chá, a pimenta, o cobre, o âmbar cinzento, o ouro, de Goa os diamantes brutos, os rubis, as pérolas, a canela, mais pimenta, os panos de algodão, o salitre, de Diu os tapetes, os móveis tauxiados, as colchas bordadas, de Melinde o marfim, de Moçambique os negros, o ouro, de Angola outros negros, mas estes menos bons, o marfim, que esse, sim, é o melhor do lado ocidental da África, de São Tomé a madeira, a farinha de mandioca, as bananas, os inhames, as galinhas, os carneiros, os cabritos, o índigo, o açúcar, de Cabo Verde alguns negros, a cera, o marfim, os couros, ficando explicado que nem todo o marfim é de elefante, dos Açores e Madeira os panos, o trigo, os licores, os vinhos secos, as aguardentes, as cascas de limão cristalizadas, os frutos, e dos lugares que hão-de vir a ser Brasil o açúcar, o tabaco, o copal, o índigo, a madeira, os couros, o algodão, o cacau, os diamantes, as esmeraldas, a prata, o ouro, que só deste vem ao reino, ano por ano, o valor de doze a quinze milhões de cruzados, em pó e amoedado, fora o resto, e fora também o que vai ao fundo ou levam os piratas…” (SARAMAGO, José. Memorial do Convento. Rio de Janeiro:
Bertrand Brasil, p.227-8, 1994.)

O trecho anterior remete à formação e expansão dos Impérios coloniais entre os séculos XV e XVIII. O Mercantilismo era dos principais pilares dos Estados nacionais europeus dessa época. Identifique quatro características do mercantilismo.


05. (Unesp) Um mercantilista inglês escreveu: Os meios ordinários para aumentar nossa riqueza e tesouro são pelo comércio exterior, para o que devemos obedecer sempre a esta regra: vender mais aos estrangeiros em valor do que consumimos deles.
(THOMAS, Mun. Discourse on England’s Treasure by Foreing Trade, 1664.)

a) O autor desse fragmento exprime um princípio essencial da política mercantilista. Era através dele que os mercantilistas explicavam a origem da riqueza dos Estados. Que princípio era este?
b) Por que as áreas coloniais da América foram fundamentais para a satisfação desse princípio mercantilista?


06. (FAAP) Dizia o Arcebispo de Canterbury em 1690, que “em todas as lutas e disputas que nos últimos anos ocorreram nesta parte do Mundo, julgo que, embora alegassem objetivos altos e espirituais, o fm e o objetivo verdadeiro era o Ouro, a Grandeza e a Glória secular.” Ouro, Grandeza e Glória podem ser resumo preciso do que buscavam os mercantilistas, portanto é de se supor que o Arcebispo tenha escrito o texto no século:

a) IX
b) XII
c) XVII
d) XIX
e) XX


07. (Fuvest) Durante a Idade Moderna, pensava-se que todas as riquezas do mundo estavam numa posição estática e constante, razão pela qual o comércio era tido como uma atividade em que havia um ganhador e um perdedor, sendo o seu resultado equivalente a uma soma zero (+1-1 = 0). Baseando-se nestes  princípios, os Estados modernos atuaram no comércio internacional sob a orientação de uma política econômica.

a) Que nome foi dado a esta política econômica?
b) Quais foram seus principais elementos constitutivos?


08. (UFU) Desde meados do século XIX até o início do século XX, as nações industrializadas europeias e os Estados Unidos da América empreenderam uma disputa por territórios na África, Ásia e América Latina. Essa disputa fcou conhecida como Imperialismo ou Neocolonialismo.
Compare o imperialismo do século XIX com a expansão mercantilista ocorridas nos séculos XV e XVI, quanto ao processo de colonização.


🔵 >>> Confira todas as nossas questões sobre a História Mundial.


Gabarito com as respostas da questões da História Mundial sobre o Mercantilismo:

01. E;
02. A;


03. a) A predominância do latifúndio, da monocultura e da escravidão; da produção especializada e voltada para o mercado externo. O caráter complementar
da economia colonial em favor do mercantilismo metropolitano.
b) A garantia de mercados exclusivos que possibilitava a acumulação de capitais pelas Metrópoles.

04. A acumulação de metais preciosos (bulionismo ou metalismo) como uma das principais estratégias de acesso à riqueza. A busca de balança comercial favorável como um dos meios de obtenção de parte da riqueza existente. O estabelecimento do pacto colonial como instrumento de realização de saldos na balança comercial. O fomento às manufaturas para garantir o aumento da produção para exportação

05. a) Balança comercial favorável.
b) Graças ao monopólio metropolitano sobre o comércio colonial, a metrópole mantinha uma balança comercial favorável em relação à colônia, o que favorecia a acumulação primitiva de capitais na Europa.


06. C;

07. a) Mercantilismo.
b) Metalismo, balança comercial favorável, protecionismo monopólios estatais, intervencionismo do Estado na regulamentação da economia e exploração
de colônias (Sistema Colonial).

08. Nos séculos XV e XVI, o sistema colonial inseria-se no contexto de capitalismo comercial, sendo as colônias, sobretudo na América, mercados de suas Metrópoles e áreas fornecedoras de metais preciosos e produtos tropicais destinados à Europa.
No século XIX a ação imperialista demandava das necessidades das potências industriais como a obtenção de matérias-primas e a expansão de mercados e de
capitais excedentes, sobretudo após a 2ª Revolução Industrial, sendo a África e a Ásia as áreas mais intensamente exploradas.

Gostou desta lista de Exercícios? Não esqueça de compartilhar com seus amigos:

Deixe um comentário