Exercícios sobre a Idade Moderna Século XVIII

01. Idade Moderna Século XVIII: Cefet-RJ

“Se indagarmos em que consiste precisamente o maior bem de todos, que deve ser o fim de todo o sistema de legislação, achar-se-á que se reduz a estes dois objetivos principais: liberdade e igualdade. A liberdade, porque toda a dependência particular é outro tanto de força tirada ao corpo do Estado; a igualdade, porque a liberdade não pode existir sem ela. Já disse o que é a liberdade civil; a respeito da igualdade (…) que nenhum cidadão seja bastante opulento para poder comprar a outro, e nenhum tão paupérrimo para necessitar vender-se, o que supõe. Por parte dos grandes, moderação de bens e de crédito; dos pequenos, moderação de ânsia e cobiça. Mas os fins gerais de toda instituição devem modificar-se em cada país pelas circunstâncias que nascem, tanto da situação local, como a do caráter dos habitantes. E considerando estas circunstâncias, deve dar-se a cada povo um sistema de instituição, que seja o melhor, embora não por si, mas para o Estado a que se destina.”

ROUSSEAU, Jean-Jacques. O contrato social. São Paulo: Edições de Ouro, s.d. p. 87-8.

As ideias de Rousseau, contidas no texto, explicitam:

a) que o Homem, devido a sua natureza, não é capaz de conviver com a liberdade e a igualdade.

b) que é inevitável a luta de classes, típica do capitalismo.

c) que todo o poder deve almejar a liberdade e a igualdade entre todas as pessoas.

d) que a liberdade e a igualdade só são possíveis para uma única classe.

e) que liberdade e igualdade não são compatíveis.

 

 

02. UFRS – A Revolução Francesa de 1789 apresentou distintas fases com resultados diferentes. De qualquer forma, ela foi responsável pela eliminação do Antigo Regime e pela transformação da sociedade francesa e europeia da época. Assinale entre as alternativas abaixo, relativas aos resultados obtidos no campo, a que estiver incorreta:

a) Abolição da monarquia e criação de um amplo setor de pequenos proprietários rurais.

b) Eliminação da condição de servidão que se mantinha entre parte da população camponesa.

c) Abolição dos deveres e tributos discriminatórios feudais e reais que recaíam sobre as diferentes regiões e o campo.

d) Expropriação e venda das terras da monarquia, da Igreja e da aristocracia contra-revolucionária aos burgueses e aos camponeses.

e) Transformação dos senhorios feudais em empresas agrícolas pela libertação do ônus do serviço militar e expulsão dos camponeses servis.

 

 

03. Idade Moderna Século XVIII: Unifacs-BA – As origens da Revolução Industrial inglesa relacionam-se com a política de cercamento dos campos. Marque com V as afirmativas que explicam essa relação e com F, as que não a explicam.

( ) Expandiu a produção da lã.

( ) Possibilitou a ocorrência da revolução agrícola.

( ) Pressionou o deslocamento da população carente do campo para as cidades.

( ) Fixou o pequeno proprietário livre à terra.

( ) Impediu a fuga dos servos da gleba para as áreas urbanas.

 

 

04. UFSE – Além das revoluções ou reformas político-ideológicas, o século XVIII conheceu também alterações de âmbito especificamente socioeconômico, cujo principal exemplo foi

a) a Revolução Industrial inglesa que representou a liquidação da sociedade feudal e a afirmação da sociedade capitalista.

b) a Filosofia das Luzes que apresentou críticas radicais ao capitalismo e propostas para novas formas de organização social.

c) a Revolução Comercial européia que provocou grande alta nos preços das mercadorias e a acumulação primitiva de capital.

d) o Despotismo Esclarecido que representou a decadência da ordem nobiliárquica e a queda do absolutismo.

e) o processo de expansão e ocupações dos continentes afro-asiáticos pelos países europeus e a competição gerada pelo exclusivismo comercial.

 

 

05. Idade Moderna Século XVIII: UFPB – A Revolução Francesa (1789-1799) marca o início da chamada Idade Contemporânea. Suas realizações constituem-se nos fundamentos de nossa sociedade atual. Sobre esse evento tão importante, é correto afirmar:

a) O Diretório foi a fase mais curta da Revolução, sendo o responsável pela promulgação da constituição e pelo decreto do ensino público e gratuito como direito do cidadão e dever do Estado.

b) A República Jacobina foi a fase mais curta da Revolução, sendo a responsável pela formação do exército revolucionário que venceu a guerra contra as potências absolutistas e os contra-revolucionários franceses.

c) A República Girondina foi a fase mais longa da Revolução, sendo a responsável pela paz estabelecida com a contra-revolução de dentro e de fora da França.

d) O Império Napoleônico foi a fase mais longa da Revolução, proclamado pelo plebiscito que derrubou a república em favor do general comandante do exército revolucionário francês.

e) A Convenção foi a primeira fase da Revolução, sendo a mais longa de todas e a responsável pela manutenção do Rei, formando uma monarquia constitucional que só veio a cair com o Golpe do 18 Brumário.

 

Exercícios sobre a Idade Contemporânea.

 

06. Idade Moderna Século XVIII: UnB-DF – A Revolução Francesa é um marco da contemporaneidade. Ela fez parte de um conjunto de revoluções, de caráter burguês, que marcaram a transição dos Tempos Modernos para a Era Contemporânea. A respeito da inserção da Revolução Francesa no conjunto de transformações que conduziram o mundo aos tempos contemporâneos, julgue os itens seguintes, colocando (C) para as certas e (E) para as erradas.

( ) O ano de 1789, início do processo revolucionário francês não é um marco consensualmente aceito por todas as historiografias como o início da Era Contemporânea.

( ) O ciclo das revoluções atlânticas permite associar a libertação das treze colônias britânicas na América do Norte às duas grandes revoluções européias do século XVIII: a industrial iniciada pelos ingleses, e a política conduzida pelo fervor apaixonante dos revolucionários franceses.

( ) O mesmo caráter burguês com que as revoluções atlânticas foram conduzidas pode ser encontrado na capacidade econômica empreendedora e na coragem política das elites criollas latino-americanas, ávidas para transformar o quadro social e colonial.

( ) Latino-americanos participaram das correntes do liberalismo internacionalista do século XIX e vários do então conhecidos princípios franceses moveram rebeliões e movimentos políticos na América Latina.

 

 

07. UFRS – Em relação ao século XVIII, na Europa, coloque V para as questões verdadeiras e F para as falsas.

( ) Ao defenderem valores da burguesia como parâmetros de um contínuo progresso individual e social, os pensadores iluministas apropriaram-se de formulações renascentistas, como o antropocentrismo e o individualismo.

( ) O pensamento iluminista apesar de negar o teocentrismo, manteve a crença em Deus, defendendo sua presença na natureza e a possibilidade de encontrá-lo pela investigação racional.

( ) A crítica ao Antigo Regime permitiu a formulação de variadas propostas de reorganização política da sociedade, mantendo-se, porém, a busca da felicidade como princípio regulador da vida em comum.

( ) A difusão dos ideais iluministas favoreceu a emancipação do campesinato em várias regiões européias. Na Áustria, foi abolida a servidão e foram concedidos direitos iguais a todos perante a lei.

( ) As ideias iluministas circulavam entre um grupo muito restrito de intelectuais e não alcançavam o campo artístico, como a música e a literatura.

( ) Os chamados “reis esclarecidos” contestaram a razão iluminista do período, adotando a justificativa da fé para legitimar o seu poder.

 

 

08. Idade Moderna Século XVIII: Mackenzie-SP – A burguesia tinha como projeto político a defesa da propriedade privada e os camponeses defendiam a propriedade coletiva. Ambas as classes combatiam a ordem monárquica absolutista, que lutou pelos interesses da aristocracia que a sustentava. O principal ideólogo do pensamento burguês da época foi John Locke que afirmava: A preservação da propriedade é o grande e principal objetivo da união dos homens em comunidade, colocados sob governo.

Assinale a alternativa que corresponde a essa etapa do processo de consolidação da burguesia.

a) Revolução Francesa d) Revolução Americana

b) Revolução Inglesa e) Revolução Alemã

c) Revolução Russa

 

 

09. F. M. Itajubá-MG – A Revolução Industrial aconteceu na Inglaterra, na segunda metade do século XVIII. Sobre esse importantíssimo momento da História, uma das informações a seguir é incorreta. Destaque-a:

a) No início, preponderaram a indústria têxtil e a energia a vapor.

b) Uma das principais manifestações da Revolução Industrial foi o desenvolvimento urbano.

c) Mulheres e crianças passaram a integrar o mercado de trabalho.

d) Como conseqüência da Revolução Industrial, Londres perdeu a hegemonia econômica para Bristol e Oxford.

e) Houve rebeliões contra as máquinas, em Lancaster e Lancashire.

 

 

10. Idade Moderna Século XVIII: U. E. MARINGÁ-PR – Em meados do século XVIII, surgiu na Europa uma profunda crítica intelectual à sociedade do Antigo Regime, o Iluminismo. Sobre esse movimento intelectual, assinale o que for correto:

(01) A Enciclopédia, editada por Diderot e D’Alembert, foi elaborada pelos iluministas como uma forma de difundir as novas idéias.

(02) O Iluminismo surgiu do embate entre a Monarquia Constitucional e os defensores das liberdades sociais e expressou, entre outras questões, a luta por uma sociedade economicamente igualitária.

(04) Dentre os principais pensadores iluministas destacam-se Montesquieu, autor de O Espírito das Leis, Voltaire, que ridicularizou o absolutismo, e Jean Jacques Rousseau, autor da obra O Contrato Social.

(08) Foi um movimento exclusivamente francês, haja vista não terem existido pensadores iluministas na Inglaterra, na Itália e em outros países da Europa.

(16) Dentre as principais idéias dos iluministas destacam-se a igualdade jurídica, a liberdade individual e a tolerância religiosa.

Dê, como resposta, a soma das alternativas corretas.

 

🔵 >>> Confira todas as nossas questões sobre a História Mundial.

 

Gabarito com as respostas das atividades de História sobre a Idade Moderna Século XVIII:

01. e;

02. V-F-F-V-V-F;

03. V-V-V-F-F;

04. a; 05. b;

06. C-C-E-C;

07. V, V, V, V, F, F;

08. b; 09. d; 10. 21