Calor de Reação Química Exercícios

01. Calor de Reação Química: (ITA-SP) A 25 ºC e 1 atm, considere o respectivo efeito térmico associado à mistura de volumes iguais das soluções relacionadas a seguir:
I. Solução aquosa 1 milimolar de ácido clorídrico com solução aquosa 1 milimolar de cloreto de sódio.
II. Solução aquosa 1 milimolar de ácido clorídrico com solução aquosa 1 milimolar de hidróxido de amônio.
III. Solução aquosa 1 milimolar de ácido clorídrico com solução aquosa 1 milimolar de hidróxido de sódio.
IV. Solução aquosa 1 milimolar de ácido clorídrico com solução aquosa 1 milimolar de ácido clorídrico.

Qual das opções a seguir apresenta a ordem decrescente CORRETA para o efeito térmico observado em cada uma das misturas anteriores?
A) I, III, II e IV
B) II, III, I e IV
C) II, III, IV e I
D) III, II, I e IV
E) III, II, IV e I

 

 

02. (UFMG) Combustíveis orgânicos liberam CO2 em sua combustão. O aumento da concentração de CO2 na atmosfera provoca um aumento do efeito estufa, que contribui para o aquecimento do planeta. A tabela a seguir informa o valor aproximado da energia liberada na queima de alguns combustíveis orgânicos, a 25 ºC.

Combustivel:

Nome Fórmula Energia Liberada / kJ.mol–1
Etanol C
2H5OH
1 400
Metano CH
4
900
Metanol CH
3OH
730
N-octano C
8H18
5 600

O combustível que apresenta o maior quociente energia liberada/quantidade de CO2 produzido é o:
A) metano.
B) etanol.

C) n-octano.

D) metanol.

 

 

03. Calor de Reação Química: (UFMG–2010) Para se minimizar o agravamento do efeito estufa, é importante considerar-se a relação entre a energia obtida e a quantidade de CO2 liberada na queima do combustível. Neste quadro, apresentam-se alguns hidrocarbonetos usados como combustíveis, em diferentes circunstâncias, bem como suas correspondentes variações de entalpia de combustão completa:

Hidrocarboneto H de combustão / (kJ/mol)
CH
4
–890
C
2H2
–1 300
C
3H8
–2 200
n-C
4H10
–2 880

Tendo-se em vista essas informações, é CORRETO afirmar que, entre os hidrocarbonetos citados, aquele que, em sua combustão completa, libera a maior quantidade de energia por mol de CO2 produzido é o:
A) CH
4
B) C
2H2.

C) C3H8.

D) n-C4H10.

 

 

04. (UFJF-MG–2010) No dia 31 de agosto de 2009, a imprensa noticiava que um incêndio estava se alastrando de forma incontrolável e devastando uma longa área pelas colinas que cercam a cidade americana de Los Angeles, no estado da Califórnia. Nesse incêndio, uma grande área florestal e muitas casas de madeira foram destruídas. Sobre a queima da madeira, podemos afirmar que:
I. a combustão completa da madeira produz gás carbônico e água.
II. a combustão completa da madeira é uma reação exotérmica.
III. a combustão completa de qualquer combustível orgânico produz monóxido de carbono e água.
A partir dessas considerações, marque a alternativa
CORRETA:
A) Apenas a afirmativa I é verdadeira.
B) Apenas a afirmativa II é verdadeira.
C) Apenas a afirmativa III é verdadeira.
D) As afirmativas I e II são verdadeiras.
E) As afirmativas I e III são verdadeiras.

 

 

05. Calor de Reação Química: (UERJ–2011) O hidrogênio vem sendo considerado um possível substituto dos combustíveis altamente poluentes de origem fóssil, como o dodecano, utilizado na aviação. Sabe-se que, sob condições padrão, as entalpias de combustão do dodecano e do hidrogênio molecular são, respectivamente, iguais a -7 500 e -280 kJ.mol-1. A massa de hidrogênio, em gramas, necessária para gerar a mesma quantidade de energia que a gerada por 1 g de dodecano equivale a:
A) 0,157.
B) 0,315.
C) 0,471.
D) 0,630.

 

Aldeídos e Cetonas Questões com Gabarito.

 

06. Calor de Reação Química: (PUCPR–2008) Nos últimos anos, o mercado financeiro internacional tem mostrado uma tendência na valorização das denominadas “Commodities Agrícolas”, como o milho, devido ao uso desses produtos para a obtenção de combustíveis alternativos ao petróleo que sejam menos poluentes e ainda renováveis.
Entre esses combustíveis, podem-se destacar o metano (CH
4 = 16 g.mol–1), o metanol (CH3OH = 32 g.mol–1) e o etanol (CH3CH2OH = 46 g.mol–1), segundo as informações apresentadas na tabela a seguir:

Combustível H
combustão / kJ.mol–1
d / g.mL–1
Metano –890,8 0,717×10–3
Metanol –763,7 0,792
Etanol –1 409,4 0,789

Os combustíveis que apresentam as maiores capacidades energéticas por quilo e por litro são, respectivamente:
A) metanol e etanol.
B) etanol e metanol.
C) metanol e metano.
D) etanol e metano.
E) metano e etanol.

 

 

07. Calor de Reação Química: (Enem–2003) No Brasil, o sistema de transporte depende do uso de combustíveis fósseis e de biomassa, cuja energia é convertida em movimento de veículos. Para esses combustíveis, a transformação de energia química em energia mecânica acontece:
A) na combustão, que gera gases quentes para mover os pistões no motor.
B) nos eixos, que transferem torque às rodas e impulsionam o veículo.
C) na ignição, quando a energia elétrica é convertida em trabalho.
D) na exaustão, quando gases quentes são expelidos para trás.
E) na carburação, com a difusão do combustível no ar.

 


08. Calor de Reação Química: (Enem–2009) Nas últimas décadas, o efeito estufa tem-se intensificado de maneira preocupante, sendo esse efeito muitas vezes atribuído à intensa liberação de CO2 durante a queima de combustíveis fósseis para geração de energia. O quadro traz as entalpias padrão de combustão a 25 ºC (25) do metano, do butano e do octano.

Composto Fórmula
molecular
Massa molar
(g/mol)

25
(kJ/mol)
Metano CH
4
16 –890
Butano C
4H10
58 –2 878
Octano C
8H18
114 –5 471

À medida que aumenta a consciência sobre os impactos ambientais relacionados ao uso da energia, cresce a importância de se criar políticas de incentivo ao uso de combustíveis mais eficientes. Nesse sentido, considerando-se que o metano, o butano e o octano sejam representativos do gás natural, do gás liquefeito de petróleo (GLP) e da gasolina, respectivamente, então, a partir dos dados fornecidos, é possível concluir que, do ponto de vista da quantidade de calor obtido por mol de CO2 gerado, a ordem crescente desses três combustíveis é:
A) gasolina, GLP e gás natural.
B) gás natural, gasolina e GLP.
C) gasolina, gás natural e GLP.
D) gás natural, GLP e gasolina.
E) GLP, gás natural e gasolina.

 


09. Calor de Reação Química: (Enem–2010) No que tange à tecnologia de combustíveis alternativos, muitos especialistas em energia acreditam que os álcoois vão crescer em importância em  um futuro próximo. Realmente, álcoois como metanol e etanol  têm encontrado alguns nichos para uso doméstico como combustíveis há muitas décadas e, recentemente, vêm obtendo uma aceitação cada vez maior como aditivos,  ou mesmo como substitutos para gasolina em veículos. Algumas das propriedades físicas desses combustíveis são mostradas no quadro seguinte.

Álcool Densidade a
25 ºC (g/mL)
Calor de
combustão
Metanol (CH2OH) 0,79 –726,0
Etanol (CH3CH2OH) 0,79 –1 367,0

BAIRD, C. Química Ambiental. São Paulo. Artmed, 1995 (Adaptação).

Dados: Massas molares em g/mol: H = 1,0; C = 12,0; O = 16,0.

Considere que, em pequenos volumes, o custo de produção de ambos os álcoois seja o mesmo. Dessa forma, do ponto de vista econômico, é mais vantajoso utilizar:
A) metanol, pois sua combustão completa fornece, aproximadamente, 22,7 kJ de energia por litro de combustível queimado.
B) etanol, pois sua combustão completa fornece, aproximadamente, 29,7 kJ de energia por litro de combustível queimado.

C) metanol, pois sua combustão completa fornece, aproximadamente, 17,9 MJ de energia por litro de combustível queimado.
D) etanol, pois sua combustão completa fornece, aproximadamente, 23,5 MJ de energia por litro de combustível queimado.
E) etanol, pois sua combustão completa fornece, aproximadamente, 33,7 MJ de energia por litro de combustível queimado.

 


10. Calor de Reação Química: (Enem–2009) Vários combustíveis alternativos estão sendo procurados para reduzir a demanda por combustíveis fósseis, cuja queima prejudica o meio ambiente devido à produção de dióxido de carbono (massa molar igual a 44 g.mol–1). Três dos mais promissores combustíveis alternativos são o hidrogênio, o etanol e o metano. A queima de 1 mol de cada um desses combustíveis libera uma determinada quantidade de calor, que estão apresentadas na tabela a seguir.

Combustível Massa molar
(g.mol
–1)
Calor liberado na
queima (kJ.mol
–1)
H
2
2 270
CH
4
16 900
C
2H5OH
46 1 350

Considere que foram queimadas massas, independentemente, desses três combustíveis, de forma tal que em cada queima foram liberados 5 400 kJ. O combustível mais econômico, ou seja, o que teve a menor massa consumida, e o combustível mais poluente, que é aquele que produziu a maior massa de dióxido de carbono (massa molar igual a 44 g.mol–1), foram, respectivamente:
A) o etanol, que teve apenas 46 g de massa consumida, e o metano, que produziu 900 g de CO
2.
B) o hidrogênio, que teve apenas 40 g de massa consumida, e o etanol, que produziu 352 g de CO
2.
C) o hidrogênio, que teve apenas 20 g de massa consumida, e o metano, que produziu 264 g de CO
2.
D) o etanol, que teve apenas 96 g de massa consumida, e o metano, que produziu 176 g de CO
2.
E) o hidrogênio, que teve apenas 2 g de massa consumida, e o etanol, que produziu 1 350 g de CO
2.

 

🔵 >>> Confira a lista completa com todos os exercícios de Química.

 

Gabarito com as respostas das atividades de Química sobre Calor de Reação Química:

01. D;

02. A;

03. A;

04. D;

05. B;

06. E;

07. A;

08. A;

09. D;

10. B;

Gostou desta lista de Exercícios? Não esqueça de compartilhar com seus amigos:

Deixe um comentário