Simulado sobre Química Ambiental para Enem

01. Química Ambiental para Enem: (UFMG) O efeito estufa, causado pelo acúmulo de gás carbônico, CO2, na atmosfera, tem contribuído para um significativo aumento da temperatura média da Terra. Todas as alternativas apresentam processos que produzem gás carbônico, EXCETO:
A) A fabricação de cal, CaO, pelo aquecimento de carbonato de cálcio, CaCO3.
B) A fotossíntese realizada pelas plantas.
C) A queima de combustível por um motor de automóvel.
D) A queima de gás em um fogão.
E) A queimada de florestas.

 

 

02. (UFOP-MG–2008) Cerca de 55% da radiação solar é refletida ou usada em processos naturais e 45% são convertidos em calor. A maior parte deste escapa como radiação infravermelha e pode ser retida por certos gases na atmosfera, o que provoca o fenômeno conhecido como efeito estufa. São gases que contribuem para esse efeito:
A) H2O, CO2, CH4, N2O, CFCs.
B) H2O, CO, SO2, N2O, CFCs.
C) H2O, CO2, SO2, NO2, CFCs.
D) H2O, CO, CH4, NO2, O3.

 

 

03. Química Ambiental para Enem: (FUVEST-SP) Entidades ligadas à preservação ambiental têm exercido fortes pressões para a redução da produção de gases CFCs (clorofluorocarbonos). Isso se deve, principalmente, ao fato de os CFCs:
A) reagirem com H2O, produzindo ácidos e chuva ácida.
B) reagirem espontaneamente com O2, produzindo CO2 e agravando o efeito estufa.
C) escaparem para o espaço, provocando o fenômeno da inversão térmica.
D) reagirem com oxigênio a baixas pressões, produzindo ozônio.
E) produzirem sob a ação da luz radicais livres, que reagem com o ozônio.

 

 

04. (UFES) O ozônio, O3, está normalmente presente na estratosfera e oferece proteção contra a radiação ultravioleta do Sol, prejudicial aos organismos vivos. O desaparecimento de ozônio na estratosfera é consequência, assim se admite, da decomposição do O3 catalisada por átomos de cloro. Os átomos de cloro presentes na estratosfera provêm, principalmente:
A) da decomposição dos clorofluorcarbonos usados em sistemas de refrigeração, propelentes de aerossóis domésticos, etc.
B) das indústrias que fazem a eletrólise do NaCℓ(aq) para a produção de gás Cℓ2.
C) da evaporação da água do mar, que arrasta grande quantidade de íons cloreto.
D) do processo de branqueamento de polpa de celulose, que usa componentes clorados.
E) dos alvejantes domésticos que têm grande quantidade de cloro ativo.

 

 

05. Química Ambiental para Enem: (Enem–2009) Potencializado pela necessidade de reduzir as emissões de gases causadores do efeito estufa, o desenvolvimento de fontes de energia renováveis e limpas dificilmente resultará em um modelo hegemônico. A tendência é que cada país crie uma combinação própria de matrizes, escolhida entre várias categorias de biocombustíveis, a energia solar ou a eólica e, mais tarde, provavelmente o hidrogênio, capaz de lhe garantir eficiência energética e ajudar o mundo a atenuar os efeitos das mudanças climáticas. O hidrogênio, em um primeiro momento, poderia ser obtido a partir de hidrocarbonetos ou de carboidratos.
Disponível em: <http://www.revistapesquisa.fapesp.br>. Acesso em: mar. 2007 (Adaptação).

Considerando-se as fontes de hidrogênio citadas, a de MENOR impacto ambiental seria:
A) aquela obtida de hidrocarbonetos, pois possuem maior proporção de hidrogênio por molécula.
B) aquela de carboidratos, por serem estes termodinamicamente mais estáveis que os hidrocarbonetos.
C) aquela de hidrocarbonetos, pois o carvão resultante pode ser utilizado também como fonte de energia.
D) aquela de carboidratos, uma vez que o carbono resultante pode ser fixado pelos vegetais na próxima safra.
E) aquela de hidrocarbonetos, por estarem ligados a carbonos tetraédricos, ou seja, que apresentam apenas ligações simples.

 

Simulado de Química sobre o que são Biomoléculas.

 

06. Química Ambiental para Enem: (Enem–2010) Os corais que formam o banco dos Abrolhos, na Bahia, podem estar extintos até 2050 devido a uma epidemia. Por exemplo, os corais-cérebro já tiveram cerca de 10% de sua população afetada pela praga-branca, a mais prevalente das seis doenças identificadas em Abrolhos, causada provavelmente por uma bactéria. Os cientistas atribuem a proliferação das patologias ao aquecimento global e à poluição marinha. O aquecimento global reduziria a imunidade dos corais ou estimularia os patógenos causadores desses males, trazendo novos agente infecciosos.
FURTADO, F. Peste branca no mar. Ciência hoje. Rio de Janeiro, v. 42, 251, ago. 2008 (Adaptação).

A fim de combater a praga-branca, a medida mais apropriada, segura e de efeitos mais duradouros seria:
A) aplicar antibióticos na águas litorâneas de Abrolhos.
B) substituir os aterros sanitários por centros de reciclagem de lixo.
C) introduzir, nas águas de Abrolhos, espécies que se alimentem da bactéria causadora da doença.
D) aumentar, mundialmente, o uso de transportes coletivos e diminuir a queima de derivados de petróleo.
E) criar uma lei que projeta os corais, impedindo que mergulhadores e turistas se aproximem deles e os contaminem.

 

 

07. (Enem–2001) Considere os seguintes acontecimentos ocorridos no Brasil:
• Goiás, 1987 – Um equipamento contendo césio radioativo, utilizado em medicina nuclear, foi encontrado em um depósito de sucatas e aberto por pessoa que desconhecia o seu conteúdo. Resultado: mortes e consequências ambientais sentidas até hoje.
• Distrito Federal, 1999 – Cilindros contendo cloro, gás bactericida utilizado em tratamento de água, encontrados em um depósito de sucatas, foram abertos por pessoa que desconhecia o seu conteúdo. Resultado: mortes, intoxicações e consequências ambientais sentidas por várias horas.

Para evitar que novos acontecimentos dessa natureza voltassem a ocorrer, foram feitas as seguintes propostas para a atuação do Estado:
I. Proibir o uso de materiais radioativos e gases tóxicos.
II. Controlar rigorosamente a compra, uso e destino de materiais radioativos e de recipientes contendo gases tóxicos.
III. Instruir usuários sobre a utilização e descarte destes materiais.
IV. Realizar campanhas de esclarecimentos à população sobre os riscos da radiação e da toxicidade de determinadas substâncias.

Dessas propostas, são adequadas apenas:
A) I e II.
B) I e III.
C) II e III.
D) I, III e IV.
E) II, III e IV.

 

 

08. Os óxidos são compostos binários em que o elemento de maior eletronegatividade é o oxigênio. Alguns desses óxidos causam impactos ambientais incalculáveis, ameaçando, inclusive, a existência de vida em nosso planeta. Com base nessas afirmações e em conhecimentos correlatos, JULGUE os itens.
( ) Os combustíveis fósseis possuem, como impurezas, compostos de enxofre que, ao serem queimados, produzem SO2, sendo este, na atmosfera, oxidado a SO3. Ambos os óxidos em contato com a água da chuva diminuem o seu pH.
( ) Os químicos consideram o nitrogênio um gás inerte, devido à sua baixa reatividade. Porém, sob condições drásticas (temperatura elevada no interior de um motor a combustão ou em um ambiente, mesmo sem poluição, na presença de raios e relâmpagos), este pode ser oxidado a NO2.
( ) A chuva em ambientes não poluídos é ácida, porém não provoca impacto ambiental.
( ) O dióxido de enxofre propicia o aparecimento de doenças respiratórias.
( ) O mercúrio possui ação sobre o sistema nervoso

 

09. (Enem–2000) Para compreender o processo de exploração e o consumo dos recursos petrolíferos, é fundamental conhecer a gênese e o processo de formação do petróleo descritos no texto a seguir.
O petróleo é um combustível fóssil, originado provavelmente de restos de vida aquática acumulados no fundo dos oceanos primitivos e cobertos por sedimentos. O tempo e a pressão do sedimento sobre o material depositado no fundo do mar transformaram esses restos em massas viscosas de coloração negra denominadas jazidas de petróleo.
TUNDISI. Usos de energia. São Paulo: Atual Editora, 1991 (Adaptação).

As informações do texto permitem afirmar que:
A) o petróleo é um recurso energético renovável a curto prazo, em razão de sua constante formação geológica.
B) a exploração de petróleo é realizada apenas em áreas marinhas.
C) a extração e o aproveitamento do petróleo são atividades não poluentes dada sua origem natural.
D) o petróleo é um recurso energético distribuído homogeneamente, em todas as regiões, independentemente da sua origem.
E) o petróleo é um recurso não renovável a curto prazo, explorado em áreas continentais de origem marinha ou em áreas submarinas.

 

 

10. (Enem–2010) O aquecimento global, ocasionado pelo aumento do efeito estufa, tem como uma de suas causas a disponibilização acelerada de átomos de carbono para a atmosfera. Essa disponibilização acontece, por exemplo, na queima de combusíveis fósseis, como a gasolina, os óleos e o carvão que libera o gás carbônico (CO2) para a atmosfera. Por outro lado, a produção de metano (CH4), outro gás causador do efeito estufa, está associada à pecuária e à degradação de matéria orgânica em aterros sanitários.
Apesar dos problemas causados pela disponibilização acelerada dos gases citados, eles são imprescindíveis à vida na Terra e importantes para a manutenção do equilíbrio ecológico, porque, por exemplo, o A) metano é fonte de carbono para os organismos fotossintetizantes.
B) metano é fonte de hidrogênio para os organismos fotossintetizantes.
C) gás carbônico é fonte de energia para os organismos fotossintetizantes.
D) gás carbônico é fonte de carbono inorgânico para os organismos fotossintetizantes.
E) gás carbônico é fonte de oxigênio molecular para os organismos heterotróficos aeróbios.

 

🔵 >>> Confira a lista completa com todos os exercícios de Química.

 

Gabarito com as respostas da questões sobre Química Ambiental para Enem:

01. B;
02. A;
03. E;
04. A;
05. D;
06. D;
07. E;
08. V, V, V, V, V;
09. E;
10. D

Deixe um comentário