Posição dos Genes no Cromossomo e Permutação Questões

01. Unicamp-SP. Posição dos Genes no Cromossomo: Considere um indivíduo heterozigoto para três genes. Os alelos dominantes A e B estão no mesmo cromossomo. O gene C tem segrega­ção independente dos outros dois genes. Se não houver crossing over durante a meiose, a frequência esperada de gametas com genóti­po abc produzidos por esse indivíduo é de:

frequências esperada de gametas

 


02. UESCA taxa ou frequência de permutação entre pares de genes que estão ligados é constante e depen­de da distância que esses genes se encontram uns dos outros. O geneticista Alfred Sturtevant imaginou que seria possível construir mapas gê­nicos, que mostrariam a distribuição dos genes ao longo do cromossomo e as distâncias relativas entre eles. O quadro a seguir mostra um exem­plo desse tipo de mapa gênico:

tabela frequência de permutação entre pares de genes

Com Base nas informações contidas no quadro é possível afirmar que os valores corretos para as taxas de permutação em X e Y são, respectivamente:
a) 5% e 20%
b) 15% e 20%
c) 15% e 5%
d) 20% e 15%
e) 20% e 5%


03. UEL-PR. Na cultura do pepino, as características de fru­tos de cor verde brilhante e textura rugosa são expressas por alelos dominantes em relação a frutos de cor verde fosco e textura lisa. Os genes são autossômicos e ligados com uma distância de 30 u.m.c. (unidade de mapa de ligação).

Considere o cruzamento entre plantas duplo heterozigotas em arranjo cis para esses genes com plantas duplo homozigotas de cor verde fosca e textura lisa.

Com base nas informações e nos seus conheci-mentos sobre o tema, considere as afirmativas a seguir, com as proporções esperadas destes cruzamentos.
I. 15% dos frutos serão de cor verde fosco e textura rugosa.
II. 25% dos frutos serão de cor verde fosco e textura lisa.
III. 25% dos frutos serão de cor verde bri­lhante e textura lisa.
IV. 35% dos frutos serão de cor verde bri­lhante e textura rugosa.

Assinale a alternativa correta.
a. Somente as afirmativas I e IV são corretas.
b. Somente as afirmativas II e III são corretas.
c. Somente as afirmativas III e IV são corretas.
d. Somente as afirmativas I, II e III são corretas.
e. Somente as afirmativas I, II e IV são corretas.


04. UFRJ. Posição dos Genes no Cromossomo: Um pesquisador está estudando a genética de uma espécie de moscas, considerando apenas dois lócus, cada um com dois genes alelos:

lócus 1 – gene A (dominante) ou gene a (re­cessivo);
lócus 2 – gene B (dominante) ou gene b (re­cessivo).


Cruzando indivíduos AABB com indivíduos aabb, foram obtidos 100% de indivíduos AaBb que, quando cruzados entre si, podem formar indiví­duos com os genótipos mostrados na tabela 1.
Sem interação entre os dois lócus, as propor­ções fenotípicas dependem de os referidos lócus estarem ou não no mesmo cromossomo.
Na tabela 2, estão representadas duas propor­ções fenotípicas (casos 1 e 2) que poderiam re­sultar do cruzamento de dois indivíduos AaBb.

tabela de fenotipos exercício

Identifique qual dos dois casos tem maior probabilidade de representar dois lócus no mesmo cromossomo. Justifique sua resposta.

 


05. UFPE. Posição dos Genes no Cromossomo:Dois fenótipos de interesse econômico, em milho, são determinados, respectivamente, pe­los lócus A e B, ambos com dominância com­pleta. Plantas homozigóticas, fenotipicamente (AB), foram cruzadas com plantas de fenótipo (ab). A F1, fenotipicamente (AB), foi retrocru­zada com a planta duplo recessiva, obtendo-se uma F2, como mostrado no quadro. Analise as proposições abaixo quanto à correção.

retrocruzamento milho

( ) Trata-se de um caso de ligação gêni­ca. A geração P é genotipicamente (AB//AB) x (ab//ab).
( ) Em 60% das células formadoras de ga­metas da F1, ocorreu permutação entre os lócus A e B.
( ) A taxa de recombinação no caso mostrado é de 30%.
( ) Os lócus A e B distam entre si de 35 uni­dades de mapa.
( ) Em 35% das células gaméticas da F1 ocorreu recombinação.


06. Fuvest-SP. Foram realizados cruzamentos entre uma linha­gem pura de plantas de ervilha com flores púr­pura e grãos de pólen longos e outra linhagem pura, com flores vermelhas e grãos de pólen redondos. Todas as plantas produzidas tinham flores púrpura e grãos de pólen longos. Cruzan­do-se essas plantas heterozigóticas com plantas da linhagem pura de flores vermelhas e grãos de pólen redondos, foram obtidas 160 plantas:

62 com flores púrpura e grãos de pólen longos; 66 com flores vermelhas e grãos de pólen redondos; 17 com flores púrpura e grãos de pólen redondos; 15 com flores vermelhas e grãos de pólen longos.

Essas frequências fenotípicas obtidas não es-tão de acordo com o esperado, considerando-se a segunda lei de Mendel (lei da segregação independente).
a. De acordo com a segunda lei de Mendel, quais são as frequências esperadas para os fenótipos?
b. Explique a razão das diferenças entre as frequências esperadas e as observadas.


07. UFPE. Posição dos Genes no Cromossomo: A frequência de recombinação entre os lócus A e B é de 10%. Em que percentual serão es­perados descendentes de genótipo AB ab, a partir de progenitores com os genótipos mostrados na figura?

frequências de recombinação locus A e B

a. 5%
b. 90%
c. 45%
d. 10%
e. 20%


08. Vunesp. Posição dos Genes no Cromossomo: Os lócus M, N, O e P estão localizados em um mesmo cromossomo.

Um indivíduo homozigótico para os alelos M, N, O e P foi cruzado com outro, homozigótico para os alelos m, n, o e p. A geração F1 foi então retro-cruzada com o homozigótico m, n, o e p. A des­cendência desse retrocruzamento apresentou:
– 15% de permuta entre os lócus M e;
– 25% de permuta entre os lócus M e O;
– 10% de permuta entre os lócus N e O;
Não houve descendentes com permuta entre os lócus M e P.

Responda ao que se pede.
a. Qual a sequência mais provável desses lócus no cromossomo? Faça um esque­ma do mapa genético desse trecho do cromossomo, indicando as distâncias entre os lócus.
b. Por que não houve descendentes re­combinantes com permuta entre os lócus M e P?


09. UFPE. Posição dos Genes no Cromossomo: Quando dois genes estão em um mesmo cro­mossomo, existe uma ligação gênica. A taxa de recombinação entre eles dependerá do quan­to estiverem afastados um do outro, no cro­mossomo. A esse propósito, analise a figura e as afirmações feitas a seguir.

exercícios de ligação e recombinação de genes em um mesmo cromossomo

 

( ) A frequência de recombinação entre os lócus A e B é de 17%.
( ) A probabilidade do aparecimento de um indivíduo AB/ab, a partir do cruza-mento acima indicado, é de aproxima­damente 42%.
( ) Se, em 50% das células produtoras de gametas, ocorrer permutação entre os lócus A e B, os gametas não recombi­nantes e os recombinantes surgirão nas proporções esperadas de 1:1:1:1.
( ) Considerando o cruzamento ilustrado na figura, pode-se inferir que ocorreu permutação (ou crossing over) em 8,5% das células formadoras de gametas.


10. Fuvest-SP. Posição dos Genes no Cromossomo:
Uma espécie de lombriga de cavalo possui apenas um par de cromossomos no zigoto (2n = 2). Um macho dessa espécie, heterozigótico quanto a dois pares de alelos (Aa Bb) formou, ao final da gametogênese, quatro tipos de es­permatozoides normais com diferentes genó­tipos quanto a esses genes.

a. Qual é o número de cromossomos e o número de moléculas de DNA no núcleo de cada espermatozoide?

b. Quais são os genótipos dos espermato­zoides formados?

c. Por que, a partir das informações forne­cidas, não é possível estimar a propor­ção em que cada um dos quatro tipos de espermatozoide aparece? Explique.

Confira nossa seleção de listas de exercícios sobre Genética:

 

🔵 >>> Confira a lista completa com todos os exercícios sobre Genética.

Gabarito com as respostas das questões sobre Posição dos Genes no Cromossomo e permutação:

Resposta da questão 01. B ;

Resposta da questão 02. E ;

Resposta da questão 03.A;

Resposta da questão 04. 0 caso 2, que ocorre quando os dois lócus estão no mesmo cromossomo, com permuta gênica entre eles. A proporção fenotípica 9:3:3:1 (caso 1) só ocorre quando os dois lócus estão em cromosso­mos diferentes.

Resposta da questão 05. V, V, V, F, F;

Resposta da questão 06. a. Cruzando-se duplo-heterozigóticos com birrecessivos (VvRr x vvrr), são espera-dos, de acordo com a lei da segregação inde­pendente, 4 tipos de descendentes igualmente distribuídos (40 plantas com flores púrpura e grãos de pólen longos, 40 plantas com flores púrpura e grãos de pólen redondos, 40 plantas com flores vermelhas e grãos de pólen longos e 40 plantas com flores vermelhas e grãos de pólen redondos). Também seria válido dizer aproximadamente 40, pois estamos trabalhan­do com probabilidades.

b. É um caso de ligação gênica, linkage ou ligação fatorial incompleta. As frequên­cias maiores entre os gametas e descenden­tes mostram que V e R estão no mesmo cro­mossomo e v e r, no seu homólogo. Quando os pares de genes ocorrem no mesmo par de cromossomos, as novas combinações gênicas e o seu percentual vão depender da distância entre os genes. Os dois parentais formam-se em maior frequência e os tipos resultantes de recombinação, em menor frequência. Os genes ligados parcialmente não apresentam completa segregação independente duran­te a meiose, contrariando a segunda lei de Mendel (lei da segregação independente de fatores não alelos).

Resposta da questão 07. C;

Resposta da questão 08.a.

gabarito do exercício sobre Posição dos Genes no Cromossomo e permutação

O gene P não permutou com M porque, pro­vavelmente, localiza-se muito próximo a ele, à sua direita ou à sua esquerda.

Resposta da questão 09. V, V, F, F;

Resposta da questão 10. A. No núcleo dos espermatozoides pro­duzidos pelo verme, seriam observados um cromossomo e uma molécula de DNA.

B. AB,Ab,aBeab.

C. Os genes estão em ligação fatorial e, por não disporem da frequência de permutação ou da distância entre os citados genes, torna-se impossível prever a proporção de cada tipo de gameta formado pelo animal.

Gostou desta lista de Exercícios? Não esqueça de compartilhar com seus amigos:

Deixe um comentário