Segunda Lei de Mendel Questões com Gabarito para passar no Enem

01. Unicamp-SP. Questões sobre a Segunda Lei de Mendel:
Sabe-se que, em coelhos, o gene L faz os pelos se mostrarem curtos, enquanto o seu alelo recessivo £ torna os pelos longos. Num outro par de alelos (situado em outro par de cromossomos), está o gene M, responsável pela cor negra do pelo, e o seu alelo recessivo
m, que torna o pelo marrom. Se de um ca-sal de coelhos de pelo curto e negro resultar uma cria de pelo longo e marrom, que se po­derá concluir em relação aos genótipos dos cruzantes?


02. UCBA. Um casal tem o seguinte genótipo: macho: AaBbCC; fêmea: aaBbcc. A probabilidade de esse casal ter um filho portador do gene bb é:

exercícios genótipo e gene mendel


03. UFU-MG. Questões sobre a Segunda Lei de Mendel: Em experimentos envolvendo três caracte­rísticas independentes (tri-hibridismo), se for realizado um cruzamento entre indiví­duos AaBbCc, a frequência de descendentes AABbcc será igual a:

Lista de Questões resolvidas de Genética sobre a Segunda Lei de Mendel, para estudantes de nível fundamental, nível médio e estudantes do nível superior do curso de biologia.


04. Fuvest-SP. Considere um homem heterozigoto para o gene A, duplo recessivo para o gene D e ho­mozigoto dominante para o gene F. Conside­re ainda que todos esses genes situam-se em cromossomos diferentes. Entre os gametas que poderão se formar, encontraremos ape­nas a(s) combinação(ões):

a. AdF
b. AADDFF
c. AaddFF
d. AdF e adF
e. ADF e adf


05. UFRGS-RS. Questões sobre a Segunda Lei de Mendel: Indivíduos com os genótipos AaBb, AaBB, AaBbCc, AaBBcc, AaBbcc podem formar, respectivamente, quantos tipos de gametas diferentes?

a.4-4-8-8-8
b.4-2-8-4-4
c.2-4-16-8-8
d.4-2-8-2-4
e.2-4-16-4-8


06. Mackenzie-SP. Questões sobre a Segunda Lei de Mendel: Em cobaias, a pelagem preta é condicionada por um gene dominante sobre o gene que con­diciona pelagem marrom; o gene que condicio­na pelo curto é dominante sobre o que condi­ciona pelo longo. Uma fêmea de pelo marrom, curto, que já tinha tido filhotes de pelo longo, foi cruzada com um macho di-híbrido. Entre os filhotes produzidos, a proporção esperada de indivíduos com pelagem preta e curta é de:

questões segunda lei de Mendel para alunos e professores

07. Fuvest-SP. Numa espécie de planta, a cor amarela da se-mente é dominante sobre a cor verde, e a textu­ra lisa da casca da semente é dominante sobre a rugosa. Os lócus dos genes que condicionam esses dois caracteres estão em cromossomos diferentes.

Da autofecundação de uma planta duplo heterozigota, foram obtidas 800 plantas. Qual o número esperado de plantas:
a. com sementes verdes rugosas;
b. com sementes amarelas.


08. UEBA. Na ervilha-de-cheiro, sementes amarelas são dominantes sobre sementes verdes, e se-mentes lisas são dominantes sobre sementes rugosas. Plantas homozigotas com sementes amarelas lisas foram cruzadas com plantas com sementes verdes rugosas. A geração F1 foi autofecundada, produzindo a geração F2 con­tendo 200 plantas com sementes de fenótipo duplo recessivo. O número total esperado de plantas na geração F2 é de:

a. 400
b. 600
c. 1.800
d. 3.200
e. 4.800


09. PUC-SP. Questões sobre a Segunda Lei de Mendel: Dois caracteres com segregação independente foram analisados em uma família: grupos san­guíneos do sistema ABO e miopia. A partir des­sa análise, obtiveram-se os seguintes dados:

heredograma Dois caracteres com segregação independente

I. 1, 2 e 3 pertencem ao grupo O.
II. 4 pertence ao grupo AB.
III. 4 e 5 são míopes.

Qual a probabilidade de o casal 5 e 6 ter uma criança do grupo sanguíneo O e míope?

exercício probabilidade Segunda lei de Mendel


10. UEL-PR. Questões sobre a Segunda Lei de Mendel: Em tomates, foi identificado um mutante denominado de ‘firme’ por apresentar os frutos com polpas firmes, conferindo maior tempo de duração pós-colheita. Este caráter é governado por um gene recessivo (f), localizado no cromossomo 10. Outro gene, situado no cromossomo 2, controla a cor do fruto, sendo o alelo para cor vermelha (A) dominante em relação à cor amarela (a). Sabendo que estas características são úteis em programas de melhoramento, um pesquisa-dor realizou dois cruzamentos entre plantas de frutos vermelhos e polpas normais. Os resultados observados estão no quadro a seguir:

tomates e genes mutantes

Por que, nos cruzamentos, os fenótipos dos genitores, mesmo sendo iguais, originaram propor­ções fenotípicas diferentes nos descendentes?

 

Não deixe de conferir outras listas de Exercícios sobre as Leis de Mendel:

🔵 >>> Confira a lista completa com todos os exercícios sobre Genética.

 

Gabarito com as respostas das Questões sobre a Segunda Lei de Mendel para passar no Enem e Vestibular:

Resolução do exercício 01:

respostas questão segunda lei de mendel

 

Resolução do exercício 02. A;

Resolução do exercício 03. E;

Resolução do exercício 04. D;

Resolução do exercício 05. D;

Resolução do exercício 06. D;

 

Resolução do exercício 07:

Sem Título-2

 

Resolução do exercício 08. D;

Resolução do exercício 09. C;

 

Resolução do exercício 10. As proporções fenotípicas diferentes observa-das entre os dois cruzamentos ocorrem devido à segregação independente dos genes, por estarem situados em cromossomos diferentes. As propor­ções nos descendentes são diferentes devido ao fato de, no primeiro cruzamento, os genitores serem duplos heterozigotos (heterozigotos nos dois lócus) e, no segundo cruzamento, apenas o lócus para a consistência da polpa é heterozigoto.

É possível expressar o raciocínio demonstrando os possíveis genótipos. Assim, uma opção de resposta para o questionamento “a” seria: As proporções feno-típicas diferentes observadas entre os dois cruzamen­tos ocorrem devido à segregação independente dos genes. No primeiro cruzamento, a proporção 9:3:3:1 significa que os genitores são heterozigotos para os dois lócus AaFf x AaFf, originando descendente com o seguintes genótipos: (O traço significa A ou a / F ou f.)

9 frutos vermelhos e polpas normais : 9 A_ F_; 3 frutos vermelhos e polpas firmes: 3A_ff; 3 frutos amarelos e polpas normais : 3 aaF_; 1 fruto amarelo e polpa firme: 1 aaff.

No segundo cruzamento, a proporção 3:1 decorre da segregação apenas da característica consistência da polpa, podendo os genitores ter os possíveis genóti­pos: AAFf x AaFf ou AAFf x AAFf, originando os descen­dentes com os seguintes genótipos: (O traço significa A ou a / F ou f.) 3 frutos vermelhos e polpas normais: 6/8 A_ F_ ou 3/4 AA F_, respectivamente; l fruto vermelho e polpa firme: 2/8 A _ff ou 1/4 AAff, respectivamente.

Gostou desta lista de Exercícios? Não esqueça de compartilhar com seus amigos:

Deixe um comentário