Início / Geografia / Urbanização Brasileira Exercícios

Urbanização Brasileira Exercícios

01. Urbanização Brasileira: (VUNESP–2009) No Brasil, em decorrência do processo de urbanização, verificou-se uma intensa metropolização, da qual resultaram:
A) cidades médias, que se industrializaram após a abertura econômica da década de 1990, como Campinas e Ouro Preto.
B) metrópoles nacionais, sedes do poder econômico e político do país, como São Paulo, Brasília e Rio de Janeiro.
C) cidades mundiais, que receberam vultosos investimentos externos no início do século XXI, como Belo Horizonte e Rio de Janeiro.
D) megacidades dispersas pelo país, graças ao retorno de imigrantes, como Manaus, Goiânia e Curitiba.
E) metrópoles regionais, que constituem a primeira megalópole do país, como Fortaleza, Recife e Salvador.

 

 

02. (FAMECA-SP–2011)Leia o texto para responder à questão.
Apesar de planejada, Brasília teve crescimento desordenado, levando à quadruplicação da população, com forte impacto ambiental, especialmente nas regiões periféricas, onde foram confinados os moradores pobres.

REVISTA SCIENTIFIC AMERICAN BRASIL, Ano I, nº 2.

O texto contém conceitos geográficos que revelam algumas características da capital brasileira. São elas:
A) urbanização, segregação espacial e favelização.
B) inchaço da mancha urbana, desertificação e periferização.
C) conurbação, microclima e urbanização.
D) industrialização, inversão térmica e periferização.
E) urbanização, efeito estufa e favelização.

 


03. Urbanização Brasileira: (UFJF-MG–2009) A segunda metade do século XX foi caracterizada, no Brasil, pelo acelerado processo de urbanização. Considerando esse processo, é INCORRETO afirmar que a urbanização intensa contribuiu, no país, para:
A) a formação de megalópoles em regiões de forte concentração industrial, como Belo Horizonte e Curitiba.
B) a transferência de grande contingente populacional do campo para as cidades, processo esse denominado êxodo rural.
C) o agravamento dos problemas ambientais típicos das grandes aglomerações, tais como as ilhas de calor urbano e os elevados índices de poluição do ar.
D) o desenvolvimento da conurbação, sobretudo nas regiões metropolitanas que abrigam grande número de população.

 


04. (UERJ–2007)

Jornal do Brasil, 12 nov. 2005.

Os quadrinhos apresentados abordam simultaneamente um aspecto da crise urbana brasileira e a dinâmica populacional do país. O processo espacial urbano e o indicador demográfico correlacionados na situação apresentada nos quadrinhos são, respectivamente:
A) conurbação e migração interna.
B) verticalização e expectativa de vida.
C) segregação e crescimento vegetativo.
D) suburbanização e taxa de mortalidade.

 


05. Urbanização Brasileira: (UFVJM-MG–2006) Considerando as características da urbanização, são processos em curso no Brasil os a seguir relacionados, EXCETO a:
A) urbanização constatada em algumas regiões com a introdução de atividades dos setores secundário e terciário no campo.
B) desmetropolização que vem ocorrendo como resultado da significativa elevação dos custos operacionais das indústrias nos grandes centros urbanos.
C) formação de regiões metropolitanas em torno de cidades que não ocupam a posição de capitais estaduais.
D) reversão da megalopolização no Sudeste que se verificava no final do século anterior, como consequência de políticas públicas adotadas nos municípios envolvidos

 

Os Problemas Sociais e Ambientais Urbanos Questões.

 

06. Urbanização Brasileira: (UNIRIO-RJ) A rede urbana não é “inocente”, no sentido de ser um “simples” conjunto de cidades ligadas entre si por fluxos de pessoas, bens e informações,  como se isso fosse coisa de menor importância ou não tivesse a ver com os mecanismos de exploração econômica e exercício do poder existentes em nossas sociedades.
Extraído de SOUZA, Marcelo Lopes de. ABC do desenvolvimento urbano.
Com relação ao texto anterior, é CORRETO afirmar que:
A) o campo é a área do território nacional que escapa da rede de poder econômico e político exercido pelas cidades.
B) as cidades se apresentam, ao longo da rede urbana, como suportes de disseminação de ideias, das cidades menores para as maiores.
C) uma metrópole nacional, a exemplo de São Paulo, concentra as sedes das grandes empresas e, tendo como suporte a rede urbana, exerce a gestão do território.
D) os centros locais funcionam como centros de distribuição de bens e serviços e acumulam capital vindo dos centros regionais da rede urbana ao qual estão inseridos.
E) o campo funciona como suporte de disseminação de bens e ideias, até chegar à cidade.

 


07. Urbanização Brasileira: (UFSM-RS–2006) Observe o mapa.

THERRY, H; MELLO, N.A. Atlas do Brasil: Disparidades e dinâmicas do território. São Paulo: Edusp, 2005. p. 193.

A respeito da presença das favelas no território brasileiro, é INCORRETO afirmar:

A) O fenômeno está presente em todo o território nacional, mesmo em regiões de densidades populacionais reduzidas.
B) A maior densidade encontra-se nas capitais dos estados da região Sudeste, porém, são, contraditoriamente, inexistentes nas cidades do interior.
C) Apesar da distribuição irregular pelo território, a região concentrada (Sudeste e Sul) é a mais representativa do fenômeno, tanto em número quanto em densidade.
D) Em sua origem povoadas por pobres, muitas favelas apresentaram melhoria em infraestrutura, abrigando pessoas de classe média.
E) No Rio Grande do Sul, embora dispersa, a maior densidade de domicílios em favelas encontra-se na Região Metropolitana e na denominada Metade Sul do Estado.

 


08. (UERJ–2008) De Karl Marx a Max Weber, a teoria social clássica acreditava que as grandes cidades do futuro seguiriam os passos industrializantes de Manchester, Berlim e Chicago – e, com efeito, Los Angeles, São Paulo e Pusan (Coreia do Sul) aproximaram-se de certa forma dessa trajetória. No entanto, a maioria das cidades do Hemisfério Sul se parece mais com Dublin na época vitoriana, que, como enfatizou o historiador Emmet Larkin, não teve igual em meio a “todos os montes de cortiços produzidos pelo mundo ocidental no século XIX, uma vez que os seus cortiços não foram produto da Revolução Industrial.
DAVIS, Mike. Planeta favela. São Paulo: Bomtempo, 2006. (Adaptação).

De forma diferente do que ocorreu nos países desenvolvidos, o crescimento das cidades na maior parte dos países subdesenvolvidos está relacionado ao processo de:
A) periferização da atividade industrial, com intensos fluxos pendulares.
B) urbanização fundamentada no setor terciário, com alto nível de informalidade.
C) favelização nas periferias, com predomínio de empregos no setor industrial de base.
D) metropolização em um ponto do território, com população absorvida pelo setor quaternário.

 

 

09. Urbanização Brasileira: (FGV-SP–2009) Observe o mapa para responder à questão.

HERVÉ, Théry; MELLO, Neli Aparecida. Atlas do Brasil. 2005.

A leitura do mapa e os conhecimentos sobre a dinâmica brasileira permitem afirmar que a antiga designação de:
A) região de emigração para o Nordeste perdeu o significado.
B) abertura da fronteira agrícola foi abandonada.
C) macrocefalia da rede urbana já foi ultrapassada.
D) rodovias de integração está superada.
E) economia de arquipélago não tem mais razão de ser.

 


10. Urbanização Brasileira: (FAMECA-SP–2009)Leia o texto a seguir para responder à questão.
[…]
Existem no país doze grandes redes de influência, que interligam até mesmo municípios situados em diferentes estados. A rede centralizada por São Paulo, por exemplo, também abrange parte de Minas Gerais, do Mato Grosso do Sul, Mato Grosso, Rondônia e Acre. O Rio de Janeiro tem projeção no próprio estado, no Espírito Santo, no  sul da Bahia, e na Zona da Mata mineira. […] Entre osdiversos dados comparativos coletados a respeito das 12 redes de influência, nota-se que, para fazer compras, a população brasileira se desloca cerca de 49 km, em  média. Na rede de influência de Manaus, no entanto, essa distância é de 218 km. Para frequentar uma universidade, o deslocamento médio, em Mato Grosso, é de 112 km, contra 41 km na rede de influência do Rio de Janeiro. Pacientes percorrem, em média, no país, 108 km em busca de atendimento médico. […] Disponível em: <www.ibge.gov.br>. Acesso em: 28 jul. 2009. (Adaptação).

 

O conteúdo do texto refere-se:
A) à população urbana em relação à população rural no Brasil.
B) à rede urbana no Brasil e ao processo de hierarquização das cidades.
C) à simetria das relações urbanas em diferentes cidades do Brasil.
D) ao processo de conurbação que ocorre entre as capitais e cidades vizinhas.
E) à classificação das cidades brasileiras quanto à suas funções urbanas.

 

🔵 >>> Veja também a nossa lista completa de Questões sobre Geografia.

 

Gabarito com as respostas das questões de Geografia sobre Urbanização Brasileira:

01. B; 02. A; 03. A; 04. C; 05. D; 06. C; 07. B; 08.B; 09. E; 10. B

Veja também:

simulado com questões sobre as Zonas Climáticas da Terra

Atividades sobre as Zonas Climáticas da Terra

01. Zonas Climáticas da Terra: (UFSM-RS–2008) Observe os mapas: Principais massas de ar atuantes no …

exercícios e simulados sobre Pedologia com gabarito

Pedologia: Formação e Tipos de Solos Questões

01. Pedologia: (FURG-RS–2007) A formação dos solos é condicionada essencialmente pelo clima, que, mesmo agindo …

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.

Por favor desabilite o Bloqueador de anúncios nesta página e nos ajude a manter o site online.