O Projeto Constitucional Brasileiro Exercícios com Gabarito

01. O Projeto Constitucional Brasileiro:

O projeto constitucional de 1823 ficou conhecido como “Constituição da Mandioca”. Por quê?

 

 

2. UFAM.

Convocada e reunida a Assembléia Constituinte de 1823, na sala do trono, D. Pedro disse “esperar da Assembléia uma constituição digna dele e do Brasil”, ao que a Assembléia respondeu que “confia que fará uma constituição digna da nação brasileira, de si e do imperador”, colocando propositadamente o imperador em último lugar. Esta animosidade reflete a:

a) pressão dos movimentos populares sobre os constituintes, cobrando o retorno social pelo apoio político dado ao movimento de indepen­dência.

b) preocupação da Assembléia com a afirmação da soberania nacional e o limite dos poderes do imperador.

c) ruptura do imperador com o Ministério da Conciliação composto majoritariamente por liberais.

d) debilidade da monarquia abalada pela repercussão de graves incidentes políticos com a Igreja e com o Exército.

e) insatisfação dos deputados com a inclusão do Poder Moderador contido na outorgada Primeira Constituição brasileira.

 

 

03. Fuvest-SP

O projeto de Constituição de 1823, que incorpora­va o princípio federativo, não chegou a entrar em vigor, pois:

a) grande parte dos deputados representava interes­ses contrários à Federação.

b) a Constituinte foi dissolvida antes que se votasse o projeto.

c) as divergências na forma de aplicação impediram sua implantação.

d) o projeto não chegou à redação final, pelo envio de um substitutivo real.

e) a aprovação do princípio implicava em novas divisões administrativas.

 

 

04. UFRGS-RS

A partir da gravura a seguir, é possível afirmar que, logo após a emancipação política do Brasil:

 

Exercícios sobre a Historia do Brasil e O Projeto Constitucional Brasileiro com gabarito, para estudantes de nível fundamental, médio e superior.

I. os escravos estavam gratificados porque, desde aquele momento, não podiam ser recomprados pelos comerciantes de escravos e vendidos em outras partes da América.

II. a abdicação do primeiro imperador determinou o fim da escravidão.

III. a situação dos escravos permaneceu essencial­mente a mesma do período colonial.

Quais afirmativas completam corretamente a frase inicial?

a) Apenas I.

b) Apenas II.

c) Apenas III.

d) Apenas I e II.

e) Apenas I e III.

 

 

05. O Projeto Constitucional Brasileiro:

Por que a primeira Constituição, em 1824, foi outorga­da e não promulgada?

 

Primeiro Reinado Brasileiro Pós Independência Exercícios com Gabarito.

 

06. FGV-SP. O Projeto Constitucional Brasileiro:

Iniciados os trabalhos da Constituinte [em maio de 1823], José Bonifácio procurou articular em torno de si os propósitos dos setores conservadores, além de es­vaziar radicais e absolutistas.Na prática, José Bonifácio (…) procurou imprimir um projeto conciliador entre as pretensões centralizadoras e os anseiosdas elites rurais. O papel do imperador deveria ser destacado dentro da organiza ção do novo Estado, já que em torno de sua figura se construiria a unidade territorial do novo país.

Rubim Santos Leão de Aquino et alli, Sociedade brasileira: uma história através dos movimentos sociais.

No momento em que os trabalhos constituintes eram iniciados, a manutenção da unidade territorial do Brasil corria riscos em virtude:

a) da ocupação exercida por forças militares portugue­sas na Bahia, no Pará e na província Cisplatina.

b) das pressões inglesas para que as regiões próximas da bacia amazônica fossem separadas do Brasil.

c) da Revolta dos Farrapos, que lutava pela emanci­pação das províncias do Rio Grande do Sul e de Santa Catarina.

d) da adesão de Gonçalves Ledo ao partido bra­sileiro, que defendia uma ampla autonomia do nordeste brasileiro.

e) de o anteprojeto constitucional – a Constituição da Mandioca – apontar para uma ordem administrati­va igual à dos EUA.

 

 

07. UEM-PR

O período da história brasileira que vai de 1822 a 1831 é conhecido como Primeiro Reinado. Sobre esse período histórico, assinale o que for correto.

a) É no início desse período, em 1823, que se reúne a primeira Assembléia Nacional Constituinte do Brasil independente. Porém, antes do encerramento dos trabalhos, essa assembléia é dissolvida por D. Pedro I, temeroso de que os deputados constituintes aprovassem uma constituição limitadora de seus poderes monárquicos.

b) Nesse período, não eclodiu movimento político se­paratista algum que ameaçasse o poder de D. Pedro I e a integridade territorial e política do Brasil.

c) Durante o Primeiro Reinado, em razão da inexistên­cia de uma Carta constitucional para regular a vida política nacional, D. Pedro I governou os brasileiros de maneira totalmente pessoal e arbitrária.

d) No Primeiro Reinado, diante da menoridade de D. Pedro I, o Brasil foi governado pela chamada Regência Trina Provisória.

e) O Primeiro Reinado foi o período mais liberal do Império, com extensa descentralização política do Estado e ampla e irrestrita participação de negros libertos, brancos pobres e mestiços na vida política nacional.

 

 

08. Vunesp. O Projeto Constitucional Brasileiro:

No início dos trabalhos da primeira Assembléia Constituinte da história do Brasil, o imperador afirmou “esperar da Assembléia uma constituição digna dele e do Brasil”. Na sua resposta, a Assembléia declara “que fará uma constituição digna da nação brasileira, de si e do imperador”. Essa troca de palavras entre D. Pedro I e os constituintes refletia:

a) a oposição dos proprietários rurais do Nordeste ao poder político instalado no Rio de Janeiro.

b) a tendência republicana dos grandes senhores territoriais brasileiros.

c) o clima político de insegurança provocado pelo retorno da família real portuguesa a Lisboa.

d) uma indisposição da Assembléia para com os princípios políticos liberais.

e) uma disputa sobre a distribuição dos poderes políticos no novo Estado.

 

 

09. Fatec-SP

A constituição estabelece ainda a igualdade perante a lei. O catolicismo era declarado religião oficial e a Igreja Católica ficava subordinada ao Estado. Nesse contexto, os padres e bispos passavam a ser funcionários do governo, do qual recebiam salários. Além do Legislativo e do Executivo, mais dois po­deres foram instituídos: o Judiciário (…) e o poder Moderador, exercido pelo soberano e auxiliado por um Conselho de Estado.

Figueira, Divalte Garcia. História.

O texto acima refere-se à Constituição brasileira de:

a) 1810.

b) 1817.

c) 1824.

d) 1891.

e) 1937.

 

 

10. Vunesp. O Projeto Constitucional Brasileiro:

A primeira Constituição brasileira [de 25 de março de 1824] nascia de cima para baixo, imposta pelo rei ao “povo”, embora devamos entender por “povo” a minoria de brancos e mestiços que votava e que de algum modo tinha participação na vida política.

Boris Fausto, História do Brasil.

Entre os dispositivos dessa Carta Constitucional estavam presentes:

a) a autonomia provincial, o fim do tráfico negreiro e o voto secreto.

b) o voto indireto e censitário, o Conselho de Estado e o Poder Moderador.

c) a divisão em três poderes, o fim do padroado e o ensino laico e gratuito.

d) o parlamentarismo, a cidadania dos índios e a separação Igreja e Estado.

e) um parlamento unicameral, o centralismo político­administrativo e o voto aberto.

 

 

🔵 >>> Confira a nossa lista completa de exercícios sobre a História do Brasil.

 

Gabarito com as respostas dos exercícios sobre a historia do Brasil e O Projeto Constitucional Brasileiro:

01. Para garantir a hegemonia dos proprietários rurais, o direito ao voto ficou restrito apenas aos que tivessem rendimentos provenientes da produção rural.

02. B 03. B 04. C

05. Porque D. Pedro I não concordava com as limitações ao seu poder que os deputados constituintes queriam pôr na primeira versão da Constituição. Por isso, D. Pedro I fecha a Constituinte e impõe (outorga) a Constituição de 1824, que lhe garantia o poder que desejava.

06. A  07. A

 

08. E

09. C 10. B

Spread the love

Deixe um comentário

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.