Exercícios sobre Período Composto por Subordinação

01. Período Composto por Subordinação: (UFF-RJ)
Adjunto adnominal é o termo de valor adjetivo que serve para especificar ou delimitar o significado de um substantivo, qualquer que seja a função deste.
CUNHA, Celso; CINTRA, Lindley.
Nova gramática do português contemporâneo. Rio de Janeiro: Nova Fronteira, 1985. p. 145.


Assinale a opção em que o termo em destaque NÃO exerce a função de adjunto adnominal.
A) “Muitos deles ou quase a maior parte dos
que andavam ali traziam aqueles bicos de osso nos beiços.”
B) “E alguns
que andavam sem eles tinham os beiços furados e nos buracos uns espelhos de pau, que pareciam espelhos de borracha.”
C) “Pelo sertão nos pareceu, vista do mar, muito grande, porque, a estender olhos, não podíamos ver senão terra com arvoredos
que nos parecia muito longa.”
D) “Nela, até agora, não pudemos saber
que haja ouro, nem prata, nem coisa alguma de metal ou ferro; nem lho vimos.”
E) “E em tal maneira é graciosa que, querendo-a aproveitar, dar-se-á nela tudo por bem das águas
que tem.”

 


02. (UFAM–2009) Assinale a alternativa em que o pronome relativo, que se encontra em destaque, funciona como sujeito.
A) Trabalhava sempre com toda a força de
que era capaz.
B) Ingrato que era, costumava cuspir no prato em
que comia.
C) Há pessoas
cuja ventura única consiste em parecer aos outros venturosa.
D) No passado, o homem
que dourava e iluminava a cidade era o acendedor de lampiões.
E) Obrigado! Mas não é este o remédio de
que preciso.

 


03. Período Composto por Subordinação: (UFU-MG) Na frase “Argumentei que não é justo que o padeiro ganhe festas”, as orações introduzidas pela conjunção que são, respectivamente:
A) ambas subordinadas substantivas objetivas diretas.
B) ambas subordinadas subjetivas.
C) subordinada substantiva objetiva direta e subordinada substantiva subjetiva.
D) subordinada objetiva direta e coordenada assindética.
E) subordinada substantiva objetiva e subordinada substantiva predicativa.

 

 

04. (UFV-MG) As orações subordinadas substantivas são designadas de acordo com a função que exercem na oração principal. Assinale a alternativa em que o substantivo destacado e a oração substantiva sublinhada têm a mesma função.
A) Um dia o
Gerson me disse que ia fazer uma experiência.
B) Mais do que nunca me vem
a sensação de que é alguém idêntica a mim…
C) Chego a ter
a impressão de sentir o calor da palma da mão dele contra a minha.
D) Quando volto a olhar
Fernando no rosto, vejo assombrado que ele continua a sorrir.
E) […] a
lei do mundo dos espelhos proíbe terminantemente que a gente venha ao mundo de vocês.

 


05. Período Composto por Subordinação: (UFSM-RS–2006) Observe a relação entre a primeira e a segunda oração do período:
“É interessante
que isso aconteça para que professores e crianças discutam e argumentem”.
Em qual dos períodos a seguir a oração iniciada pelo conectivo “que” apresenta, em relação à oração principal, função sintática idêntica à destacada no exemplo?
A) Esse exercício forma crianças que sabem questionar.
B) O professor pediu que ele registrasse muitas coisas.
C) O objetivo do exercício é que a criança aprenda a raciocinar.
D) Diz-se que a decoreba não tem valor.
E) A professora quer somente isto: que os alunos raciocinem.

 

Exercícios sobre Período Composto por Coordenação.

 

06. Período Composto por Subordinação: (UFSM-RS–2006) Em “As marcas, palitinhos, pauzinhos não são eficientes nesse caso, pois seriam muitos”, a segunda oração justifica a primeira. Se a questão da eficiência das marcas, palitinhos, pauzinhos fosse redigida em forma de oração adjetiva, e o fato de serem muitos, em forma de oração principal, o período seria:
A) As marcas, palitinhos, pauzinhos, que não são efcientes nesse caso, seriam muitos.
B) Não seriam eficientes, nesse caso, as muitas marcas, palitinhos, pauzinhos.
C) Seriam muitos, nesse caso, as marcas, palitinhos, pauzinhos.
D) As marcas, palitinhos, pauzinhos, que seriam muitos, não seriam eficientes nesse caso.
E) Seriam muitos as marcas, palitinhos, pauzinhos; logo, não seriam eficientes.

 

 

07. (FATEC-SP–2010) Considere o trecho seguinte:
Há o lado policial, ou de guerra, com os Estados Unidos
construindo muros e fortalecendo a repressão em suas linhas de junção com o território mexicano. E há o lado político e econômico: o da imigração. Um homem mexicano de 35 anos, com nove de instrução, pode ganhar 132% a mais trabalhando nos Estados Unidos.

As orações em cujo interior estão os verbos construindo e fortalecendo, destacados no trecho do texto, equivalem a orações subordinadas adjetivas (reduzidas de gerúndio). Assinale a alternativa em que essas orações encontram-se desenvolvidas ADEQUADAMENTE.
A) […] Estados Unidos ainda que construam muros e que fortaleçam a repressão […]
B) […] Estados Unidos, onde se constroem muros e se fortalecem a repressão […]
C) […] Estados Unidos, que constroem muros e que fortalecem a repressão […]
D) […] Estados Unidos logo que constroem muros e fortalecem a repressão […]
E) […] Estados Unidos no qual constroem muros que fortalecem a repressão […]

 

 

08. Período Composto por Subordinação: (FMC-RJ–2011) Analise o fragmento.
“Uma antiga lenda maia diz
que o mundo se acabará no ano da graça de 2012.”
Identifique a opção em que o termo em negrito exerça a mesma função daquela observada no trecho em destaque.
A) “… e é o homem
que tem na mão, agora e já, o destino do mundo.”
B) “Destino
que passa inexoravelmente pela relação entre ele, o homem, e a Natureza.”
C) “Anunciaram e garantiram
que o mundo ia se acabar / por causa disso minha gente lá em casa começou a rezar …
D) “Há muita gente
que acredita que o aquecimento  global é lorota, conversa de país rico pra boi de país pobre dormir.”

 

 

Instrução: Texto para as questões 09 e 10
Bom conselho
Ouça um bom conselho
Que eu lhe dou de graça
Inútil dormir que a dor não passa
Espere sentado
Ou você se cansa
Está provado, quem espera nunca alcança
Venha, meu amigo
Deixe esse regaço
Brinque com meu fogo
Venha se queimar
Faça como eu digo
Faça como eu faço
Aja duas vezes antes de pensar

Corro atrás do tempo
Vim de não sei onde
Devagar é que não se vai longe
Eu semeio vento na minha cidade
Vou pra rua e bebo a tempestade
BUARQUE, Chico. Bom conselho Disponível em: <http://www.chicobuarque.com.br/letras/ bomcons_72.htm>. Acesso em: 01 abr. 2011


09. Nessa canção, Chico Buarque desconstrói provérbios, também conhecidos como ditados populares. O único que tem seu sentido respeitado na música é:
A) Devagar se vai ao longe.
B) Faz o que te digo e não o que faço.
C) Quem espera sempre alcança.
D) Se conselho fosse bom, não se dava, vendia-se.
E) Esperar sentado, que em pé cansa.

 


10. Período Composto por Subordinação: A palavra “que” desempenha a mesma função sintática que tem no segundo verso da música de Chico Buarque em:
A) Não gostei do evento a que fui ontem porque estava muito cheio.
B) A moça de que gosto sequer sabe de minha existência.
C) O carro que ela queria comprar lhe custaria um ano de trabalho árduo.
D) Foi ele que contou às crianças sobre o fatídico acidente de seus pais.
E) No dia em que ocorreu o grande terremoto, eu estava bastante apreensivo.

 

🔵 >>> Confira nossa lista com todos os exercícios de Português.

 

Gabarito com as respostas das atividades de Português sobre Período Composto por Subordinação:

01. D; 02. D; 03. C; 04. D; 05. D; 06. A; 07. C; 08. C; 09. E; 10. C

Spread the love