Revestimentos Externos da Célula Exercícios

01. Revestimentos Externos da Célula: (VUNESP) Os procariontes diferenciam-se dos eucariontes porque os primeiros, entre outras características:

A) não possuem material genético.

B) possuem material genético como os eucariontes, mas não possuem núcleo diferenciado.

C) possuem núcleo, mas o material genético encontra-se disperso no citoplasma.

D) possuem material genético disperso no núcleo, mas não estruturas organizadas, denominadas cromossomos.

E) possuem núcleo e material genético organizado nos cromossomos.

 

 

02. (Unifor-CE) Todos os seres vivos apresentam em suas células:

A) membrana plasmática. D) plastos.

B) lisossomos. E) carioteca.

C) centríolos.

 

 

03. Revestimentos Externos da Célula: (UFU-MG–2006) A membrana plasmática, além de exercer importante papel na seleção e no transporte de substâncias para dentro e para fora da célula, tem em sua constituição moléculas que trabalham na identificação de outras células iguais ou estranhas.

Analise as afirmativas a seguir sobre a estrutura e a função da membrana plasmática e marque a alternativa CORRETA.

A) A bomba de sódio e potássio é um exemplo de transporte passivo, em que a despolarização e a repolarização acontecem sem gasto de energia.

B) Os glicídios, que aparecem apenas na face externa da membrana, participam na identificação de células do mesmo tecido ou de células estranhas.

C) No modelo de membrana de Singer e Nicholson, as proteínas estão fixas entre uma camada dupla de lipídios, não se movendo em lateralidade, o que confere à estrutura da membrana um caráter estático.

D) Difusão e osmose são sinônimos e exemplos de transporte passivo.

 

 

04. (Cesgranrio) Hemácias separadas de uma mesma amostra de sangue são distribuídas em três tubos de ensaio (1, 2 e 3), contendo cada uma a mesma quantidade de células. Aos tubos são adicionados iguais volumes das seguintes soluções aquosas:

• Tubo 1, uma solução isotônica (isto é, uma solução em equilíbrio osmótico com as hemácias);

• Tubo 2, uma solução hipertônica em relação à anterior;

• Tubo 3, uma solução hipotônica em relação à primeira.

O conteúdo de cada tubo foi logo agitado, a fim de misturar as hemácias com as soluções respectivas. Após alguns minutos, cada tubo foi submetido à centrifugação, de tal forma que todo o material celular em suspensão acumulou-se num depósito compacto no fundo do tubo, deixando acima uma solução homogênea. Supondo-se, para simplificar, que a membrana da hemácia é impermeável aos solutos utilizados, mas se deixa atravessar prontamente pela água, escolha qual das sentenças a seguir lhe parece a mais CORRETA.

A) O volume do depósito é idêntico nos três tubos; a solução acima do depósito tomou coloração avermelhada no tubo 3 (hemólise).

B) O volume do depósito é menor no tubo 2; a hemólise é observável nos três tubos, devido à grande permeabilidade da membrana celular, à água e à consequente entrada desta na hemácia.

C) O volume do depósito é menor no tubo 2; somente nesse tubo se observa a hemólise.

D) O volume do depósito é maior no tubo 1 do que no tubo 2; somente o tubo 3 mostra hemólise.

E) O volume do depósito é maior no tubo 2, único em que se observa hemólise.

 

 

05. Revestimentos Externos da Célula: (PUC-SP) O esquema a seguir refere-se às diferentes concentrações dos íons sódio e potássio no meio extracelular (ME) e no meio intracelular (MI). Essa situação é constatada em vários tipos celulares.

Se em uma célula nessa condição iônica for bloqueada a produção de ATP, espera-se que

A) ocorra passagem de toda a quantidade de íons potássio para o meio extracelular.

B) ocorra passagem de toda a quantidade de íons sódio para o meio intracelular.

C) as concentrações desses íons se tornem aproximadamente iguais nos dois meios.

D) diminua ainda mais a concentração de potássio no meio extracelular e de sódio no meio intracelular.

E) essa situação permaneça inalterada.

 

A Composição Química dos Seres Vivos: Vitaminas.

 

06. Revestimentos Externos da Célula: (PUC Minas) Uma célula vegetal, plasmolisada em solução de concentração fraca, foi colocada em outra solução hipertônica em relação à célula. Em função disso, deverá ocorrer:

A) perda de água pela célula. D) rompimento celular.

B) ganho de água pela célula. E) saída de soluto.

C) equilíbrio desde o início.

 

 

07. (EFOA-MG) O desenho a seguir representa uma célula vegetal normal colocada em 3 meios distintos, que denominamos A, B e C.

Durante a sua passagem por esses meios, naquela ordem, ocorrem 2 fenômenos conhecidos, respectivamente, como:

A) turgescência e plasmólise.

B) plasmólise e osmose.

C) plasmólise e deplasmólise.

D) osmose e hemólise.

E) deplasmólise e turgescência.

 

 

08. Revestimentos Externos da Célula: (UFMG) Para se demonstrar o fenômeno da osmose e a consequente plasmólise das células de uma folha, foram tomadas cinco folhas de Elodea e sobre cada uma foi colocada uma solução salina de concentração diferente. Sobre a primeira folha, a solução foi de 0,5%, sobre a segunda, de 1,0%, sobre a terceira, de 2,0%, sobre a quarta, de 3,0% e sobre a quinta, de 5,0%. As modificações sofridas pelo citoplasma das células de cada folha foram observadas através do microscópio. O gráfico que MELHOR expressa o resultado é:

 

 

09. (PUC Minas) O gráfico que MELHOR representa o que acontece com célula hipotônica em meio hipertônico e com a concentração do meio é:

 

10. Revestimentos Externos da Célula: (UFPE) A fluidez da membrana plasmática pode ser explicada pela presença de:

A) água. D) lipídios.

B) açúcares. E) sódio e potássio.

C) proteínas.

 

🔵 >>> Confira todas as nossas questões sobre Citologia.

 

Gabarito com as respostas das questões de Citologia sobre Revestimentos Externos da Célula:

01. B; 02. A; 03. B; 04. D; 05. C; 06. A; 07. C; 08. E; 09. A; 10. D

Spread the love

Deixe um comentário

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.