Transporte Ativo Simulado com Gabarito

Questão 01 sobre Transporte Ativo: O transporte de Na+ e K+ através da membrana plasmática, com gasto de energia, é caracterizado como:

a) transporte ativo.
b) transporte passivo.
c) difusão facilitada.
d) difusão simples.
e) osmose.


Questão 02. Uma célula mantém uma diferença na concentração de alguns íons, em relação ao meio externo, por um mecanismo específico de transporte. Essa diferença entre o meio externo pode se igualar caso o mecanismo citado seja prejudicado. Qual é o mecanismo em questão e do que depende seu bom funcionamento?


Questão 03. Considerando os glóbulos vermelhos, verifica-se que a concentração de K+ é muito maior no interior que no exterior da célula. O mesmo não acontece com os íons Na+, cuja concentração é maior no exterior que no interior da célula.

A entrada de K+ e a saída de Na+ dos glóbulos vermelhos podem ocorrer por:
a) transporte passivo.
b) hemólise.
c) difusão.
d) transporte ativo.
e) nenhuma das anteriores.


Questão 04. UFPE. Medindo-se a concentração de dois importantes íons, Na+ e K+, observa-se maior concentração de íons Na+ no meio extracelular do que no meio intracelular.

O contrário acontece com os íons K+. Íons de Na+ são capturados do citoplasma para o meio extracelular, e íons de potássio (K+) são capturados do meio extracelular para o meio intracelular, como mostrado na figura adiante. Este processo é conhecido como:

bomba de sódio potássio transporte ativo exercícios

a) difusão facilitada por permeases intracelulares.
b) osmose em meio hipertônico.
c) difusão simples
d) transporte ativo.
e) transporte por poros da membrana plasmática.


Questão 05 sobre Transporte Ativo: UFBA. As células de nosso organismo utilizam a glicose como fonte de energia, queimando-a através de reações de oxidação. Para tanto, o consumo de glicose é grande, e já se observou que, freqüentemente, a célula absorve essa substância, mesmo quando a sua concentração intracelular é maior que a extracelular; portanto, contra um gradiente de concentração. Isso, porém, exige algum dispêndio de energia pela célula – uma espécie de investimento de energia.

Identificamos nesse enunciado um caso de:
a) difusão simples.
b) equilíbrio osmótico.
c) transporte ativo.
d) transporte passivo.
e) absorção direta pela membrana plasmática.


Questão 06. UFRJ. As figuras abaixo representam duas situações, I e II, em que os compartimentos A e B contêm uma solução fisiológica e estão separados, um do outro, por uma membrana biológica M. Nessas duas situações, acrescentou-se soluto no compartimento A. Os solutos são transportados através da membrana. Após o tempo t, verificou-se uma nova distribuição do soluto, entre A e B, como mostram as figuras.

experimento compartimentos transporte ativo

Qual das duas situações representa um transporte ativo? Justifique sua resposta.


Questão 07. UFBA. Os esquemas representam células nas quais há passagem de substâncias através de suas membranas:

esquema células nas quais há passagem de substâncias através de suas membranas

Os fenômenos representados em A, B, C são, respectivamente:
a) fagocitose, pinocitose, transporte ativo.
b) pinocitose, difusão, transporte ativo.
c) difusão, transporte ativo, osmose.
d) osmose, trasporte ativo, difusão
e) pinocitose, fagocitose, difusão.


Questão 08. Fatec-SP. Analise os esquemas:

células em solução de cloreto de potássio

Uma célula animal foi mergulhada na solução de cloreto de potássio cuja concentração é semelhante à do plasma sangüíneo (esquema 1). Após um certo tempo, a concentração de potássio na célula tornou-se vinte vezes maior que a da solução, e o volume da mesma não se alterou (esquema 2).

A explicação para o fenômeno é:
a) o potássio entrou na célula por osmose.

b) uma enzima lisossômica rompeu a membrana da célula por uma fração de segundo, e o potássio entrou nela.

c) houve transporte ativo de água para o interior da célula, e esta arrastou o potássio.

d) houve transporte passivo de potássio para o interior da célula, deslocando água para fora da mesma.

e) houve transporte ativo de potássio para o interior da célula.


Questão 09. Unicamp-SP. A concentração de um determinado íon X é vinte vezes maior no interior de uma célula do que no meio extracelular.

a) Explique o tipo de mecanismo que mantém essa diferença iônica entre a célula e seu meio.
b) O que aconteceria com a situação descrita acima, se fosse bloqueado o processo respiratório dessa célula?


Questão 10 sobre Transporte Ativo: (Enem) A concentração de íons Na+ no meio extracelular é maior do que no meio intracelular. O oposto é observado na concentração de íons K+, como ilustrado a seguir. Essa diferença de concentração é mantida por transporte ativo. Todavia há também deslocamento desses íons do local onde estão em maior concentração para o de menor concentração, por um processo de:

a) clasmocitose.
b) fagocitose.
c) osmose.
d) difusão.
e) pinocitose.


🔵 >>> Confira todas as nossas listas de questões sobre Citologia.


Gabarito com as respostas da melhor lista de exercícios sobre Transporte Ativo:

01. A;

02. O mecanismo citado que mantém uma diferença na concentração dos íons é o transporte ativo, que depende de um bom suprimento de ATP para sua ocorrência.

03. D;

04. C;

05. C;

06.Situação II. Note que, após o tempo t, os meios permanecem desiguais, ocorrendo um transporte no sentido de desigualar os meios (contra um gradiente de concentração), portanto, transporte ativo. Na situação I, os meios ficaram iguais (a favor de um gradiente de concentração), transporte passivo.

07. D;

08. E;

09. a) Transporte ativo: contra um gradiente de concentração e com gasto de energia.

b) Sem a respiração celular cessa a liberação de energia (ATP) e o transporte ativo, fazendo com que os dois meios se igualem por difusão.

10. D

Gostou desta lista de Exercícios? Não esqueça de compartilhar com seus amigos:

Deixe um comentário