Formas de adaptação: Seleção Natural e Artificial Exercícios

01) Formas de Adaptação: Um dos exemplos mais famosos acerca do processo de seleção natural foi o caso das mariposas de Manchester. Inicialmente predominavam as mariposas brancas, que costumavam pousar em troncos de árvores — que, naquela época, eram ligeiramente esbranquiçados. Com a Revolução Industrial, os troncos ficaram mais escuros e houve um aumento na quantidade das mariposas negras. Esse fato ocorreu porque:

a) As mariposas brancas adaptaram-se à coloração escura do caule.

b) A coloração dos caules provocou uma mudança na coloração das mariposas.

c) As mariposas brancas eram facilmente predadas nos caules escuros e, portanto, as mariposas negras sobreviviam e conseguiam se reproduzir.

d) As mariposas brancas passaram a ser predadas e, por isso, tiveram que se adaptar ao ambiente, mudando a sua coloração para conseguir sobreviver.

e) A poluição fez com que as mariposas brancas se reproduzissem e tivessem mais descendentes de coloração escura.

 

 

2. Formas de Adaptação: Um agricultor utilizou um mesmo inseticida durante longo tempo em sua lavoura para eliminar uma praga. Após todo esse tempo, ele verificou que a população da praga tornou-se resistente ao inseticida. O fenômeno evolutivo que ocorreu na população da praga foi:

a) Mutação

b) Aberração cromossômica numérica

c) Isolamento reprodutivo

d) Seleção natural

e) Formação de nova espécie

 

Veja também os exercícios sobre Ecologia clicando aqui.

 

3. Formas de Adaptação: Entre os cães domésticos encontramos uma grande diversidade morfológica (p. ex.: Fox, São Bernardo, Dobermann, Poodle e muitos outros). Já entre os cães selvagens (Cachorro-do-mato, Lobo-guará), a diversidade é muito menor. Com relação a esse processo, podemos considerar:

a) A grande diversidade entre os cães domésticos é resultado de uma forte seleção promovida pelo homem.

b) A menor diversidade entre os cães selvagens decorre do fato de não estar submetidos a nenhum processo seletivo.

c) A fertilidade entre os diferentes tipos de cães domésticos é uma evidência de que eles são de espécies diferentes.

d) A formação dos diferentes tipos de cachorros é um processo de convergência adaptativa.

 

 

04. Formas de Adaptação: Em um ambiente qualquer, os indivíduos com características que tendem a aumentar sua capacidade de sobrevivência têm maior probabilidade de atingir a época de reprodução. Assim, em cada geração, podemos esperar um pequeno aumento na proporção de indivíduos de maior viabilidade, isto é, que possui maior número de características favoráveis à sobrevivência dos mais aptos. Esse texto se relaciona com:

a) lei do uso e desuso.

b) herança dos caracteres adquiridos.

c) hipótese do aumento da população em progressão geométrica.

d) hipótese do aumento de alimento em progressão aritmética.

e) seleção natural.

 

 

05. Formas de Adaptação: Quais as características presentes nos indivíduos de uma espécie afim de que possamos afirmar que os mesmos são mais adaptados em comparação a outros indivíduos da mesma espécie:

a) são maiores e solitários.

b) comem mais e apresentam cores vibrantes.

c) vivem mais e reproduzem mais.

d) apresentam mais membros como pernas ou patas.

e) são mais fortes.

 

 

Veja a lista completa de exercícios sobre Evolução aqui.

 

Gabarito com as respostas dos exercícios prontos do conteúdo de Formas de adaptação: Seleção Natural e Artificial:

1.C;

2. D;

3. A;

4. E;

5. E;

Gostou desta lista de Exercícios? Não esqueça de compartilhar com seus amigos:

Deixe um comentário