Revolução Farroupilha Exercícios Respondidos de História do Brasil

01. UPF-RS. Revolução Farroupilha:

O Período Regencial (1831-1 840) apresentou um conjunto de particularidades políticas e sociais importantes na história da monarquia brasileira. Em relação ao período, considerem-se as seguintes afirmativas:

I. Os três grupos políticos que atuaram no período foram os Republicanos ou Caramurus; os Exaltados ou Farroupilhas e os Moderados ou Chimangos.

II. A criação da Guarda Nacional, em 1831, significou a formação de uma milícia armada dirigida e formada pelos grandes proprietários rurais.

III. O Código de Processo Criminal dava amplos poderes ao juiz de paz, que estava sob o controle dos senhores locais.

IV. O Ato Adicional de 1834 alterou a Carta de 1824, especialmente em relação às reivindicações des­centralizadoras, pela criação das Assembléias Provinciais.

Está correto o que se afirma em:

a) I apenas.

b) I e II apenas.

c) II, III e IV apenas.

d) I, III e IV apenas.

e) III e IV apenas.

 

 

02. PUC-RS

Responder à questão sobre os grupos políticos no Império (Período Regencial), numerando a coluna II de acordo com a coluna I.

Coluna I

1. Farroupilhas

2. Chimangos

3. Caramurus

Coluna II

( ) Grupo composto basicamente por burocratas, comerciantes e proprietários cafeeiros do Cen­tro-Sul. Defendiam o retorno de D. Pedro ao trono brasileiro.

( ) Defendiam a manutenção da ordem através de um governo centralizado, opondo-se às reformas sociais e econômicas, mas admitiam alterações na Carta de 1824.

( ) Defendiam reformas mais profundas, tais como a extensão do direito de voto e a autonomia das províncias.

( ) Representavam parcelas de aristocracia agrária e também eram conhecidos como liberais moderados. Relacionando-se a coluna da esquerda com a coluna da direita, obtêm-se, de cima para baixo, os números na sequência:

a) 2, 1, 3, 2

b) 3, 2, 1, 2

c) 3, 1, 2, 1

d) 1, 2, 3, 2

e) 3, 2, 1, 1

 

 

03. FGV-SP

A abdicação de D. Pedro I em 1831 deu início ao chama­do Período Regencial, sobre o qual se pode afirmar:

I. As elites nacionais reformaram o aparato institu­cional de modo a estabelecer maior descentrali­zação política.

II. Foi um período convulsionado por revoltas, entre elas, a Farroupilha e a Sabinada.

III. D. Pedro II sucedeu ao pai e impôs, logo ao assu­mir o trono, reformas no regime escravista.

IV. O exercício do Poder Moderador pelos regentes e pelo Exército conferia estabilidade ao regime. As afirmativas corretas são:

a) I e II.

b) I, II e III.

c) I e III.

d) II, III e IV.

e) II e IV.

 

04. UEMS

Entre os vários movimentos rebeldes ocorridos no Brasil, durante a época da Regência (1831-1 840), podem ser incluídos:

a) a revolta do Forte de Copacabana, a rebelião do Contestado e a Revolta Federalista.

b) a Intentona Comunista, a Revolta da Chibata e a Revolução Praieira.

c) a Cabanagem, a Baianada e a Revolta Farroupilha.

d) a Guerra de Canudos, a Sabinada e a Revolta da Vacina.

e) a Revolução Praieira, a Revolta da Armada e a Revolução Constitucionalista.

 

 

05. Univali-SC. Revolução Farroupilha:

Um acontecimento marcante no Sul do Brasil envol­veu sobretudo os estados do Rio Grande do Sul e o de Santa Catarina, teve abrangência nacional e ficou conhecido como Revolução Farroupilha. Sobre este assunto, é correto afirmar:

a) Foi uma revolução que teve seu início em Santa Catarina e se propagou para o Rio Grande do Sul.

b) Teve como grande mentor Duque de Caxias.

c) Caracterizou-se apenas como um movimento separatista sem outros fins.

d) Foi um movimento revolucionário que visava a opor-se ao governo Central (monárquico) devido ao descaso com que se tratava a região Sul. Fundaram a República Piratini no Rio Grande do Sul e a República Juliana em Santa Catarina com fins separatistas, consagrando Bento Gonçalves, Giuseppe Garibaldi, Davi Canabarro, entre outros, como líderes da Revolução.

e) Uma revolução que buscava subsídio do governo para o café que estava com o preço baixo.

 

O Projeto Constitucional Brasileiro Exercícios com Gabarito.

 

06. PUC-RS. Revolução Farroupilha:

Dentre os fatores que levaram os gaúchos a proclamar a República Rio-Grandense, durante a Revolução Farroupilha, é correto apontar:

a) a pressão exercida pelas potências estrangeiras que se opunham ao regime monárquico brasilei­ro; os altos impostos cobrados pelo Império; e a proibição do contrabando de gado, extremamente prejudicial aos gaúchos.

b) os acordos alfandegários feitos pelo governo imperial com potências estrangeiras, prejudi­ciais à economia nacional; os altos impostos cobrados pelo Império; e a permissividade em relação ao contrabando, o que era prejudicial aos interesses riograndenses.

c) a execução de leis de caráter liberal, contrárias aos interesses do povo; a falta de investimento público no setor industrial; e a proteção excessiva das riquezas naturais do solo, buscando preser­var a vegetação do pampa, o que prejudicava a economia gaúcha.

d) a pressão exercida por potências estrangeiras contra o excessivo livre-cambismo brasileiro; o incentivo à terceirização da manufatura do couro; e a proibição do contrabando, o que prejudicava os produtores gaúchos na concorrência com os produtores platinos, devido ao aumento dos seus custos de produção.

e) a execução de leis de caráter liberal, contrárias aos interesses do povo; os acordos favoráveis ao tráfico negreiro, celebrados entre o Brasil e potências es­trangeiras; e a necessidade de elevar os impostos para favorecer o desenvolvimento da pecuária, o que prejudicava o setor industrial gaúcho.

 

 

07. UEL-PR. Revolução Farroupilha:

explicou na província do Grão-Pará o movimento armado mais popular do Brasil (…). Foi uma das rebeliões brasileiras em que as camadas inferiores ocuparam o poder…

Ao texto podem-se associar:

a) a Regência e a Cabanagem.

b) o Primeiro Reinado e a Praieira.

c) o Segundo Reinado e a Farroupilha.

d) o Período Joanino e a Sabínada.

e) a Abdicação e a Noite das Garrafadas.

 

 

08. UFPR

Ao longo do período de formação do Estado e da nação no Brasil, a Revolução Farroupilha foi, sem dúvida, a mais duradoura das manifestações contrárias ao governo imperial sediado no Rio de Janeiro. Ela durou 10 anos (1835-1 845) e, durante esse tempo, revelou várias particularidades da província do Rio Grande do Sul – as quais explicam, em parte, a longa duração do conflito. Sobre a Revolução Farroupilha e a sociedade e economia gaúchas, é incorreto afirmar:

a) A província do Rio Grande do Sul possuía uma identidade forte, marcada pela situação de fronteira que a caracterizava. Situada no interregno entre a América portuguesa e a América espanhola, suas elites recebiam influências culturais e educacionais de ambas as partes do mundo ibérico.

b) Ao longo da Revolução Farroupilha, o Rio Grande do Sul tornou-se uma economia diversificada, que incluía a produção do açúcar e do café.

c) O movimento farroupilha não teve, em seu início, caráter separatista ou republicano. Tratava-se, antes, de uma tentativa de estabelecer relações com o governo do Rio de Janeiro em termos fe­derativos. À medida que este se recusou a aceitar tais termos, radicalizou-se o movimento gaúcho em direção ao separatismo e à formação de uma república independente.

d) O “Direito das Gentes”, conjunto de idéias refe­rentes à autodeterminação dos povos, foi um dos pilares intelectuais da Revolução Farroupilha. Esse conjunto de idéias foi disseminado sobretudo a partir das ligações das elites estancieiras com os meios intelectuais platinos.

e) Coube ao então Barão de Caxias a chefia das forças de repressão ao movimento gaúcho, no início da década de 1840.

 

 

09. Mackenzie-SP

Durante o Período Regencial, o processo de integração política do Brasil foi marcado por uma série de rebeliões. Assinale a alternativa que apresenta a correta relação entre essas rebeliões e o centralismo da época.

a) As rebeliões regências foram movimentos de cunho exclusivamente econômico, que tiveram em comum o objetivo de reduzir a cobrança de impostos e taxas realizada pelo governo central.

b) Todos os movimentos chamados rebeliões do perí­odo regencial tiveram como característica comum a luta pela descentralização político-administrativa, visando à autonomia provincial.

c) Para os grandes proprietários rurais, interessava que as Assembléias provinciais não tivessem o mínimo de autonomia e que sua liberdade de ação fosse controlada pelo governo no Rio de Janeiro.

d) Os participantes das rebeliões coloniais (Balaiada, Cabanagem, Sabinada e Farroupilha) desejavam, todos a implantação imediata de um regime repu­blicano de governo em todo o território brasileiro.

e) Nesse período de transição, do Primeiro Império para o Segundo, as lutas das várias correntes políticas re­gionais representavam opiniões diferentes a respeito da maneira de organizar a economia do país.

 

 

10. PUC-RJ. Revolução Farroupilha:

Desde a Independência do Brasil, em 1822, assistiu-se à eclosão de diversos movimentos sociais por meio dos quais os segmentos populares expressaram sua insatisfação em face de uma ordem social excludente e hierarquizadora. Assinale a opção que apresenta movimentos que exemplificam o enunciado acima.

a) Revolta da Armada / Ligas camponesas

b) Cabanagem / Movimento dos Sem Terra

c) Farroupilha / A guerrilha no Araguaia

d) Sabinada / Revolução Constitucionalista

e) Revolução dos Malês / Revolução de 1930

 

 

11. PUC-RJ

Para muitos brasileiros que vivenciaram o Período Regencial (1831-1840), aquele foi um tempo de im­passes, mudanças e rebeliões. Sobre esse período, é correto afirmar que:

I. a renúncia inesperada do imperador D. Pedro II levou à nomeação de uma regência trina e à implantação, em caráter provisório, de um governo republicano.

II. a antecipação da maioridade de D. Pedro II, em 1840, garantiu o restabelecimento da ordem mo­nárquica e a pacificação de todas as revoltas que ameaçavam a integridade territorial do Império.

III. houve uma série de revoltas envolvendo desde elementos das tropas regulares até escravos, destacando-se, entre elas, a Farroupilha, a Ca­banagem e a Revolta dos Malês.

IV. a ausência provisória da autoridade monárquica estimulou a proliferação de projetos políticos destinados à reorganização do Estado imperial. Assinale a alternativa:

a) se somente as afirmativas I e II estiverem corretas.

b) se somente a afirmativa I estiver correta.

c) se somente as afirmativas II, III e IV estiverem corretas.

d) se somente as afirmativas III e IV estiverem cor­retas.

e) se todas as afirmativas estiverem corretas.

 

 

12. UFPR. Revolução Farroupilha:

O imperador D. Pedro I abdicou em favor de seu filho, Pedro de Alcântara, em 7 de abril de 1831. Devido à menoridade do príncipe, seguiu-se o chamado Período Regencial (1831-1840). Sobre este período, coloque V para as questões verdadeiras e F para as falsas.

( ) D. Pedro I renunciou porque não atendia mais aos interesses brasileiros, após envolver-se em fatos como a dissolução da Constituinte, a repressão violenta à Confederação do Equador e a sucessão portuguesa.

( ) De seu início até 1837, a Regência pode ser considerada uma experiência autoritária e unifi­cadora que restringiu, ainda mais, a autonomia das províncias.

( ) O período que se iniciou com a abdicação foi um dos mais agitados do Império Brasileiro, com a eclosão de inúmeras revoltas, como a Cabanagem, no Pará, a Farroupilha, no Rio Grande do Sul, a Sabinada, na Bahia, e a Balaiada, no Maranhão.

( ) A Guarda Nacional, criada pelo padre Diogo Antônio Feijó, em 1831, reforçou o poder dos latifundiários, tornando-os representantes locais dos interesses do governo central.

( ) A Constituição Imperial, outorgada em 1824, foi reformulada em parte pelo Ato Adicional de 1834 que, entre outras medidas, criou as Assembléias Legislativas provinciais e transformou a Regência Trina em Regência Una e eletiva.

 

🔵 >>> Confira a nossa lista completa de exercícios sobre a História do Brasil.

 

Gabarito com as dos exercícios sobre a Revolução Farroupilha:

01. 02. 03. A 04. C

05. D.

06. B

07. A 08. B

09. B  10. B 11. D

12. V, F, V, V, V

3 comentários em “Revolução Farroupilha Exercícios Respondidos de História do Brasil”

Deixe um comentário

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.