Os Conflitos Sociais no Brasil Exercícios Resolvidos

1. (UFSC). Os Conflitos Sociais no Brasil: O Brasil possui um grande território, uma população numerosa, muitos e diversificados recursos e é urbanizado e industrializado. Apesar desses  aspectos, uma parcela considerável de brasileiros vê-se excluída dos benefícios atingidos. Assinale as proposições corretas que condizem com essa realidade desfavorável.
(01) No Nordeste encontramos elevados contingentes populacionais, vivendo em estado de miséria e pobreza.
(02) a esperança de vida ao nascer varia conforme a renda e a região, sendo menor no Nordeste.
(04) As condições de saneamento básico melhoraram signifcativamente, tendo como consequência o desaparecimento de todas as doenças infectocontagiosas.
(08) As habitações precárias e o intenso favelamento das cidades diminuíram em face das medidas governamentais preventivas.

(16) Os alimentos básicos não podem ser comprados por grande parcela da população, o que favorece a ocorrência de doenças, provocando mortalidade infantil elevada.
Soma ( )

 


2. (UERJ) Com base nas afirmativas abaixo, responda à questão a seguir:
a) “A África é aqui. E a Europa também.”
b) “Da Lagoa a Acari, abismo de um século.”
(Retratos do Rio – estudo sobre o Índice de Desenvolvimento Humano.
O Globo, 24/03/2001)


As diferenças internas da metrópole carioca estão apoiadas principalmente na disparidade encontrada em:
a) indicadores sociais.
b) relações de trabalho.
c) composições étnicas.
d) organizações políticas.

 


3. (UFSC). Os Conflitos Sociais no Brasil: Na questão a seguir escreva no espaço apropriado a soma dos itens corretos. Dentre as proposições a seguir, assinale aquela(s) que diz(em) respeito às tendências recentes do setor agrícola brasileiro.
(01) O grande problema da estrutura fundiária do Brasil é a extrema concentração da propriedade cujas origens remontam ao modelo de colonização aqui
aplicado.
(02) Os conflitos pela posse da terra, no Brasil, têm sido intensos nos últimos anos e refletem a existência de um sistema concentrador de terras injusto.
(04) A solução do problema agrário exige o desmembramento dos minifúndios e a aglutinação dos latifúndios.
(08) Os boias-frias, trabalhadores recrutados na periferia dos centros urbanos, surgiram em decorrência do elevado crescimento demográfico.
Soma ( )

 


4. (Enem) Depois de estudar as migrações, no Brasil, você lê o seguinte texto:
O Brasil, por suas características de crescimento econômico, e apesar da crise e do retrocesso das últimas décadas, é classificado como um país moderno. Tal
conceito pode ser, na verdade, questionado se levarmos em conta os indicadores sociais: o grande número de  desempregados, o índice de analfabetismo, o défcit de moradia, o sucateamento da saúde, enfim, a avalanche de brasileiros envolvidos e tragados num processo de repetidas migrações(…)
(VALIN, Ana. Migrações: da perda de terra à exclusão social. São Paulo: Atual, 1996 p. 50. Adaptado.)
Analisando os indicadores citados no texto, você pode afrmar que:
a) o grande número de desempregados no Brasil está exclusivamente ligado ao grande aumento da população.
b) existe uma “exclusão social” que é resultado da grande concorrência existente entre a mão-de-obra qualifcada.
c) o défcit da moradia está intimamente ligado à falta de espaços nas cidades grandes.
d) os trabalhadores brasileiros não-qualifcados engrossam as fleiras dos “excluídos”.
e) por conta do crescimento econômico do país, os trabalhadores pertencem à categoria de mão-de-obra qualifcada.

 


5. (Faap). Os Conflitos Sociais no Brasil: O subdesenvolvimento de um país não é determinado por nenhum desses indicadores isoladamente, mas sim pela presença de vários deles. É o caso do
Brasil, que é tido como uma nação subdesenvolvida. São alguns dos nossos problemas:
I. Altos índices de desnutrição. O Brasil é um país duramente atingido pela fome. Dados do IBGE, divulgados pelo Endef (Estudo Nacional de Despesa Familiar) em 1974/75, indicam que a população brasileira é a sexta do mundo em desnutrição (67% do total).
II. Grande desigualdade quanto à distribuição de rendas. Segundo o Anuário Estatístico do Brasil de 1985, de cada 100 brasileiros economicamente ativos, cerca de 42,4 possuem rendimento salarial inferior a um salário mínimo, 44,8 recebem de um a cinco salários mínimos e apenas 12,8 recebem mais que cinco salários mínimos. Esses dados atestam a má distribuição de renda em nosso país.
III. Problemas sanitários agudos. O Brasil, segundo estimativas da UNESCO (1973), tem cerca de um médico para cada grupo de 1 647 habitantes, o que é muito pouco. Além disso, em todos os municípios brasileiros há grandes parcelas da população que não têm acesso à água potável, rede de esgotos e luz elétrica.
Assinale:
a) desde que apenas a I esteja correta.
b) desde que apenas a II esteja correta.
c) desde que apenas a III esteja correta.
d) desde que todas estejam corretas.
e) desde que todas estejam erradas.

 

O Comércio Exterior Brasileiro Questões Respondidas.


6. (FGV). Os Conflitos Sociais no Brasil:
I. Condição de vida dos brasileiros melhorou.
II. Miséria ainda é ameaça às crianças.
(Folha de S.Paulo, 5 abr. 2001. C-p.1 e C-p.5) As manchetes anteriores fazem parte do balanço do IBGE da última década do século XX, divulgado pela mídia. Ambas constituem retratos do Brasil, referindo-se, respectivamente:
a) ao decréscimo da mortalidade infantil no país e à situação peculiar e exclusiva da miséria no Estado de Alagoas.
b) ao aumento da expectativa de vida e à persistência de desigualdades sociais resultantes da concentração de renda.
c) à efetiva melhoria na distribuição da renda nacional e à persistência das altas taxas de mortalidade infantil que decresceram apenas na região Sul.
d) ao aumento da expectativa de vida e à situação peculiar e exclusiva da miséria no Estado de Alagoas.
e) à efetiva melhoria na distribuição da renda nacional e à baixa taxa de escolarização no país, especialmente nas regiões Nordeste e Centro-Oeste.

 


7. (PUC-Rio) Leia com atenção alguns trechos da letra da música: Brasis.
Brasis
(Seu Jorge-Gabriel Moura)
Tem um Brasil que é próspero
Outro não muda
Um Brasil que investe
E outro que suga
Um de sunga, outro de gravata
Tem um que faz amor
E tem outro que mata
………………………………………………………..
Tem um Brasil que é lindo
Outro que fede
O Brasil que dá é igualzinho ao que pede
Pede paz, saúde, trabalho, dinheiro
Pede pelas crianças do Brasil inteiro
…………………………………………………………

Tem um Brasil que soca
Outro que apanha
Um Brasil que saca
Outro que chuta
Perde e ganha
Sobe e desce
Vai à luta, bate bola porém não vai à escola
………………………………………………………….
O Pindorama eu quero o seu Porto Seguro
Suas palmeiras, suas feiras, seu café
Suas riquezas, praias, cachoeiras
Quero ver o seu povo de cabeça em pé.


Os trechos da letra da música de Seu Jorge e Gabriel Moura expressam a realidade de um país que
não realizou:
a) o desenvolvimento de uma base industrial diversificada.
b) o fortalecimento de grandes grupos industriais e financeiros.
c) a modernização e a expansão da produção agrícola.
d) a distribuição da riqueza entre diferentes grupos sociais.
e) a formação de um mercado consumidor interno.

 


8. (PUCPR). Os Conflitos Sociais no Brasil: Assinale a alternativa que contém uma afirmação correta sobre os problemas sociais no Brasil atual:
a) o salário mínimo atual recuperou o poder aquisitivo que possuía ao ser criado no governo de Getúlio Vargas, o que explica o elevado nível de consumo de todas as classes sociais.
b) os saques aos estabelecimentos comerciais e armazéns do governo federal por populações nordestinas têm um caráter exclusivamente político, patrocinado por partidos políticos de oposição com o objetivo de desestabilizar o governo.
c) as favelas espalhadas por todo o país retratam a miséria social de grande parte da população brasileira.
d) As condições sanitárias satisfatórias alcançadas pelas classes sociais menos favorecidas permitem admitirmos a erradicação no território nacional de todas as doenças infectocontagiosas.
e) as transformações ocorridas na zona rural, nas últimas décadas – assentamentos, desapropriações, titulação da terra –, provocaram um refluxo dos movimentos sociais rurais.

9. (PUC-SP). Os Conflitos Sociais no Brasil: Analise e relacione a tabela e os gráficos a seguir, e observe as afirmações:

Lista de exercícios sobre Os Conflitos Sociais no Brasil, para estudantes do ensino fundamental, médio e superior.

1) A presença de famílias de renda mais elevada na favela em 1993, comparada ao ano de 1973, reflete a ausência de políticas habitacionais e o encarecimento do custo de moradia.
2) A elevação do perfil de renda dos moradores das favelas, na cidade de São Paulo, tem uma certa relatividade, pois se deve considerar que o salário mínimo, utilizado como medida, perdeu seu valor.
3) O impressionante aumento do número de favelados na cidade de São Paulo é resultado do crescimento, na mesma proporção, do número de habitantes da
cidade, como demonstra a tabela e os gráficos.
4) A degradação das formas de moradia nas grandes cidades é comum na América Latina, considerando a variação nas proporções em que este fenômeno ocorre em cada país.
Assinale a alternativa que contenha o conjunto das afirmações corretas:
a) 1-2-3.
b) 1-2-4.
c) 2-3-4.
d) 1-4.
e) todas.

 


10. (PUC-SP). Os Conflitos Sociais no Brasil: “Antigamente… somente os miseráveis, compelidos por seus infortúnios, se tornavam bandidos. Agora estava tudo diferente, até os mais providos da favela… cujos pais eram bem empregados, não bebiam, não espancavam suas esposas, não tinham nenhum comprometimento com a criminalidade, caíram no fascínio da guerra…”
(LINS, Paulo. Cidade de Deus. São Paulo: Cia das Letras, 1997, p. 469)
Considerando o texto acima é correto afirmar:
a) Atualmente os habitantes que optam por viver nas favelas o fazem com o intuito de ingressar no crime, visto que as políticas de planejamento urbano nas  grandes cidades brasileiras criaram outras opções mais adequadas de moradia.
b) A realidade constatada pelo autor, na favela do Rio de Janeiro, é exclusiva daquela cidade, escolhida preferencialmente como localidade ideal para o tráfico de drogas e de armas.
c) A nova visibilidade dos bens de consumo em razão da urbanização das favelas (transportes, acesso a meios de comunicação, escolas etc.) teve o efeito perverso de despertar desejos inviáveis nos jovens que assim se tornaram presas do tráfico.
d) O tráfico de drogas se instala nas favelas em função da ausência do Estado, demarcando territórios que ficam sob seu domínio. Nesses, instalam uma lógica
de violência, que acaba sendo uma referência muito sedutora para os jovens.
e) A maior parte das grandes cidades brasileiras conseguiu eliminar as favelas e outras localidades atraentes para o tráfico organizado e, por extensão,  enfraqueceu o crime organizado, fato esse que ainda não atingiu o Rio de Janeiro.

 

🔵 >>> Veja também a nossa lista completa de Questões sobre Geografia.

 

Gabarito com as respostas das questões sobre Os Conflitos Sociais no Brasil:

1. 19
2. A
3. 03
4. D
5. D
6. B
7. D
8. C
9. B
10. D

Deixe um comentário

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.