Lista de Exercícios sobre Lançamento horizontal e lançamento oblíquo

01. Lançamento horizontal e lançamento oblíquo: (PUC Minas) A figura a seguir mostra uma esfera lançada com velocidade horizontal de 5,0 m/s de uma plataforma de altura h = 1,8 m.

Ela deve cair dentro do pequeno frasco colocado a uma
distância x do pé da plataforma. A distância x deve ser de,
aproximadamente,
A) 1,0 m.
B) 2,0 m.
C) 2,5 m.
D) 3,0 m.
E) 3,5 m.

 

 

02. (CEFET-MG–2009) Um malabarista lança uma de suas bolinhas com velocidade inicial v = 3 m/s com ângulo α = 45º em relação à horizontal, conforme representado a seguir.

velocidade inicial bolinhas malabarista

Desprezando a resistência do ar, é CORRETO afirmar que a(o):
A) altura máxima h é 45 cm.
B) alcance horizontal máximo d é 90 cm.
C) energia cinética da bolinha, no ponto h, é máxima.
D) tempo para atingir a altura máxima h é igual a 0,6 s.
E) energia mecânica da bolinha, ao atingir a outra mão do malabarista, é nula.

 

 

03. (Mackenzie-SP) Um balão (aerostato) parte do solo plano com movimento vertical, subindo com velocidade constante de 14 m/s. Ao atingir a altura de 25 m, seu piloto lança uma pedra com velocidade de 10 m/s, em relação ao balão e formando um ângulo de 37° em relação à horizontal. A distância entre a vertical que passa pelo balão e o ponto de impacto da pedra no solo é Adote: g = 10 m/s2; cos 37° = 0,8; sen 37° = 0,6:
A) 30 m.
B) 40 m.
C) 70 m.

D) 90 m.

E) 140 m.

 

 

04. O estudo do movimento dos corpos lançados obliquamente sofreu grande impulso com a invenção dos canhões, uma vez que era necessário determinar com precisão o local onde os projéteis cairiam. A figura a seguir representa com uma linha pontilhada a trajetória de uma bala de canhão, caso o campo gravitacional fosse nulo, e representa com uma linha cheia a trajetória e a posição dos projéteis, depois de 1 s, 2 s e 3 s de lançamento, caso não houvesse resistência do ar. As alturas h1, h2 e h3 representadas na figura têm valores, respectivamente, iguais a (Considere g = 10m/s2)

corpos lançamento obliquo

Observação: o desenho não se encontra em escala.
A) 1 m, 2 m e 3 m.
B) 5 m, 20 m e 45 m.
C) 10 m, 20 m e 30 m.

D) 15 m, 25 m e 40 m.

E) 15 m, 30 m, 45 m.

 

 

05. Lançamento horizontal e lançamento oblíquo: (PUC Rio–2010) Um super atleta de salto em distância realiza o seu salto procurando atingir o maior alcance possível. Se ele se lança ao ar com uma velocidade cujo módulo é 10 m/s, e fazendo um ângulo de 45° em relação à horizontal, é CORRETO afirmar que o alcance atingido pelo atleta no salto é de (Considere g = 10 m/s2):

A) 2 m.

B) 4 m.

C) 6 m.

D) 8 m.

E) 10 m.

 

Exercícios sobre a Teoria da Relatividade.

 

06. Lançamento horizontal e lançamento oblíquo: (PUC-Campinas-SP) Observando a parábola do dardo arremessado por um atleta, um matemático resolveu obter uma expressão que lhe permitisse calcular a altura y, em metros, do dardo em relação ao solo, decorridos t segundos do instante de seu lançamento (t0 = 0).

Se o dardo chegou à altura máxima de 20 m e atingiu o solo 4 segundos após o seu lançamento, então, desprezada a altura do atleta, a expressão que o matemático encontrou foi:

A) y = –5t2 + 20t.

B) y = –5t2 + 10t.

C) y = –5t2 + t.

D) y = –10t2 + 50.

E) y = –10t2 + 10.

 

 

 

07. (OBF) Uma bola é solta a partir do repouso, sempre da mesma posição, no plano inclinado mostrado na figura a seguir. A bola rola sobre o plano e sobre a mesa, caindo livremente, e um estudante, com uma cesta, a recolhe sem deixá-la cair no chão. Em determinado instante, ele posiciona a cesta como indica o desenho, e a bola cai exatamente em seu interior.

Lançamento horizontal e lançamento oblíquo para 9 ano

Com esse resultado, ele garante que, se colocasse a cesta a uma distância horizontal 2d da mesa, seria necessário que ela ficasse abaixo do tampo da mesa:

A) y/2.

B) 2y.

C) 3y.

D) 4y.

E) 5y.

 

 

08. (UFG) Os quatro blocos, representados na figura com suas respectivas massas, são abandonados em um plano inclinado que não apresenta atrito e termina voltado para a direção horizontal.

Os blocos, ao deixarem a plataforma, descrevem trajetórias parabólicas em queda livre e alcançam o solo, formando, da esquerda para a direita, a sequência:

atividades sobre Lançamento horizontal e lançamento oblíquo

A) m; 5m; 2m; 3m.

B) m; 2m; 3m; 5m.

C) 3m; 2m; 5m; m.

D) 3m; 5m; m; 2m.

E) 5m; 3m; 2m; m.

 

 

09. O gráfico a seguir mostra a distância horizontal e vertical percorrida por uma bola de futebol quando chutada com a mesma velocidade inicial, porém com ângulos (em relação à horizontal) diferentes, e identificados sobre a curva. Nele, observa-se que:

• A distância horizontal é maior para um ângulo de lançamento igual a 45º;

• As distâncias horizontais são iguais para os pares de ângulos iguais a 15º e 75º, bem como para 30º e 60º.

Podemos explicar as duas observações simultaneamente devido:

A) à distância horizontal ser diretamente proporcional ao valor do seno do dobro do ângulo de lançamento.

B) ao movimento da bola na direção horizontal ser independente no movimento na direção vertical.

C) à propriedade do campo gravitacional ser uniforme na região onde foi realizada a atividade.

D) às propriedades geométricas das curvas que descrevem o movimento da bola, no caso, uma parábola.

E) ao fato de a velocidade horizontal no ponto mais alto da trajetória não ser nula.

 

 

10. Uma esfera é lançada horizontalmente de uma mesa, sempre com a mesma velocidade, e atinge o solo a uma distância horizontal D da borda da mesa. Uma placa vertical pode ser posicionada a uma distância x dessa borda (0 < x < D), de modo a registrar as posições verticais de queda da esfera (figura 1). Em uma sequência de lançamentos, o prof. Ênnio, variando a posição x da placa, obteve o registro das posições verticais de queda da esfera, mostrada na figura 2.

Analisando o registro das posições verticais de queda da esfera, podemos afirmar que:

A) as medidas não foram feitas com precisão, uma vez que mostrou a esfera percorrendo distâncias iguais, como se seu movimento fosse uniforme.

B) o registro está incorreto, uma vez que o movimento da esfera é uma composição de dois movimentos independentes e acelerados.

C) se a placa for deslocada horizontalmente em intervalos de distâncias iguais (x, 2x, 3x, …), a distância vertical de queda também será proporcional.

D) as posições registradas podem estar corretas, desde que os deslocamentos horizontais feitos pela placa tenham sido cada vez menores.

E) o resultado do registro mostrado na figura 2 somente seria possível se a placa estivesse colocada na posição horizontal.

 

 

11. Lançamento horizontal e lançamento oblíquo: (UFMG–2006) Clarissa chuta, em sequência, três bolas – P, Q e R –, cujas trajetórias estão representadas nesta figura:

lista de questões sobre Lançamento horizontal e lançamento oblíquo para ensino médio

Sejam tP, tQ e tR os tempos gastos, respectivamente, pelas bolas P, Q e R, desde o momento do chute até o instante em que atingem o solo.

Considerando-se essas informações, é CORRETO afirmar que:

A) tQ > tP = tR.

B) tR > tQ = tP.

C) tQ > tR > tP.

D) tR > tQ > tP.

 

🔵 >>> Verifique todos os nossos exercícios e atividades de Física.

 

Gabarito com as respostas das questões sobre Lançamento horizontal e lançamento oblíquo:

01. D;

02. B;

03. B;

04. B;

05. E;

06. A;

07. D;

08. C;

09. A;

10. D;

11. A

Deixe um comentário